A matemática das bolsas

Fim de semana passado, eu dei um basta. Cheguei para almoçar em um restaurante, pendurei a bolsa na cadeira e o peso da minha bolsa derrubou a cadeira para trás. Quem também quase caiu pra trás foi o Chico.

O que tem aí dentro?
Arma de fogo?
Chumbo?
Tu pretende me matar?

Eu mesma fiquei chocada. Ok, eu já sabia que minha bolsa andava pesada, que eu andava levemente irritada de carregar bolsa pesada ora num ombro, ora no outro; ora num braço, ora no outro, mas não tinha tido até então a noção física do peso.

A CADEIRA ERA DE FERRO

Acordei sábado de manhã determinada a diminuir pela metade a tralhice dentro da bolsa. E me dei conta que não havia nada de tralha, só gêneros de primeira necessidade. Por exemplo:

O meu iGeek Pink.
Sim, eu preciso do iGeek pink porque acredito que, num futuro próximo, pessoas morrerão pelas ondas eletromagnéticas emitidas pelos celulares

O meu caderno de anotações
Eu preciso do meu caderno para anotar o que acontece na minha volta e acaba virando post no blog. Portanto, a bem da vida longa deste blog, acho bom que não me mandem tirar.

A minha nécessaire
Sim, já que meu apelido é mesmo Michael Jackson, eu sou uma farmácia ambulate. Odeio sentir dor

O Bloco Organizador da Imaginarium (este não é o meu, mas o da Anelli Sena, que eu não sei quem é, mas tem um bloco igual ao meu)
Sim, como a Anelli, eu preciso escrever nele toda a semana sob pena de ter um colapso nervoso por falta de organização e de memória.

Há também a carteira, o moedeiro, a caneta, o óculos de sol, o óculos de grau, as chaves do carro, o iPod, o creme para mãos da L’Apothicaire, a garrafa d’água.

E TU PRETENDE CARREGAR TUDO ISSO NUMA CLUTCH, MARIANA?

Numa clutch não, sweetheart. Pretendo dividir tudo em dois grupos. Uma parte vou carregar numa bolsa maior de mão com alça curta, para não entortar minha coluna, e a outra parte vou colocar numa carteira envelope.

QUE HISTÓRIA AGORA É ESSA DE CARTEIRA ENVELOPE, MARIANA?

Uma nova moda que eu inventei e que preciso muito. Exemplos de carteiras envelope.

QUERO!

TAMBÉM QUERO!

ESTA CHANEL EU VOU FICAR QUERENDO

HAHAHAHAHHAAHAHAHAHHAHAHA!!!

PRETINHA BOA. QUERO!

O que fiz para adequar a matemática da coisa.

1) Limpei minha carteira que estava estourando. Por exemplo: coloquei fora todos esses cartões fidelidade que dão pra gente em todas as lojas e que depois de cinco anos concedem o privilégio de um desconto de 5% para compras acima de R$ 3 mil. Cansei dessa empulhação.
2) Separei minha farmacinha ambulante em duas. Uma grande, que fica sempre dentro da bolsa maior, e uma pequena, que vai ficar sempre dentro da carteira envelope.

DENTRO DA MINHA FUTURA CARTEIRA ENVELOPE VOU LEVAR
Carteira enxuta de dinheiro
Mini farmacinha
Chaves
Celular

DENTRO DA MINHA MÁXI BOLSA VOU LEVAR
iGeek
Garrafa d’água
Caderno de anotações
Óculos de sol
Óculos de grau
iPod
Creme para mãos
Bloco Organizador

Assim sendo: quando eu precisar sair correndo para algum evento noturno (oh, como eu saio à noite!) ou para algum almoço de fim de semana etc. e tal, não preciso ficar tirando e botando as coisas de uma bolsa pra outra. Simplesmente tiro a carteira envelope de dentro da máxi bolsa e vou ser feliz. Ali tem tudo o que preciso. O resto são coisas de trabalho para o dia a dia.

BRAVO!!
CLAP, CLAP, CLAP, CLAP, CLAP, CLAP, CLAP, CLAP!!!!

Obrigada, obrigada.
Acordei inspiradíssima hoje.

Mas o saldo bancário pra comprar a carteira envelope, ó!

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Jornalista e escritora, Mariana Kalil é diretora de conteúdo do site MK e colunista do programa Band Mulher e da rádio Band News FM. É também autora dos livros "Peregrina de Araque (2011), "Vida Peregrina (2013) e "Tudo tem uma Primeira Vez" (2015), todos publicados pela editora Dublinense. Trabalhou das redações das revistas Época e IstoÉ Gente, dos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil e foi correspondente da BBC na Espanha, onde cursou pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona.

34 Comentários
  1. Mari, bom dia! boa idéia essa tua! Eu uso mais mochila, por causa do meu estilo sacoleira de ser e andar com até um livro que quase 1000 págs pra ler a caminho do trabalho, mas acho estranho algumas mulheres que vejo ao longo do meu caminho, com bolsinha, sacola, sacolinha, que mal conseguem se segurar no ônibus, prefiro a minha mochila, enfio tudo nela e deu.
    Bjos Mari!

  2. Mari, bom dia! boa idéia essa tua! Eu uso mais mochila, por causa do meu estilo sacoleira de ser e andar com até um livro que quase 1000 págs pra ler a caminho do trabalho, mas acho estranho algumas mulheres que vejo ao longo do meu caminho, com bolsinha, sacola, sacolinha, que mal conseguem se segurar no ônibus, prefiro a minha mochila, enfio tudo nela e deu.
    Bjos Mari!

  3. Mari! tua bolsa tá igual a minha, só me ganhou no iGeek, vivo com dor nos ombros do peso, tanto que tive que apelar para acumpuntura rsrssrsrs. bjs Gabi

  4. Mari! tua bolsa tá igual a minha, só me ganhou no iGeek, vivo com dor nos ombros do peso, tanto que tive que apelar para acumpuntura rsrssrsrs. bjs Gabi

  5. Eu também to na campanha de reduzir o peso da minha bolsa! Uma dica: Coloca a farmacinha maior na gaveta do trabalho. Provavelmente é lá que você fica a maior parte do dia. :) Beijo!

  6. Eu também to na campanha de reduzir o peso da minha bolsa! Uma dica: Coloca a farmacinha maior na gaveta do trabalho. Provavelmente é lá que você fica a maior parte do dia. :) Beijo!

  7. Mariana,

    A questão do peso da bolsa atinge a maioria das mulheres. Adoro comprar bolsas, e deixo de comprar bolsas lindas, justamente pelo peso dela ainda vazia. Elas já pesam naturalmente pelo material, pelas ferrangens, etc… Depois que colocarmos tudo o que necessitamos no dia a dia, não tem coluna vertebral que aguente. sempre que alguém precisa segurar a minha bolsa, faz a mesma pergunta, ” o que tu carregas nesta bolsa?” e eu respondo nada mais que o necessário para sobreviver. A tua ideia é ótima, mas para isso a bolsa envelope não pode pesar muito. Beijos!

  8. Mariana,

    A questão do peso da bolsa atinge a maioria das mulheres. Adoro comprar bolsas, e deixo de comprar bolsas lindas, justamente pelo peso dela ainda vazia. Elas já pesam naturalmente pelo material, pelas ferrangens, etc… Depois que colocarmos tudo o que necessitamos no dia a dia, não tem coluna vertebral que aguente. sempre que alguém precisa segurar a minha bolsa, faz a mesma pergunta, ” o que tu carregas nesta bolsa?” e eu respondo nada mais que o necessário para sobreviver. A tua ideia é ótima, mas para isso a bolsa envelope não pode pesar muito. Beijos!

  9. Aiin Mari eu passo pelo mesmo sufoco já ando a tempos com o ombro dolorido de tanto peso. é necessaire, marmitinha, livro, tênis, toalha (para a academia depois do expediente) e mais umas coisinhas. Já pensei em andar de mochila como a Aline mas meu trabalho exige q ande menos esporte e nenhuma mochila combina.

  10. Aiin Mari eu passo pelo mesmo sufoco já ando a tempos com o ombro dolorido de tanto peso. é necessaire, marmitinha, livro, tênis, toalha (para a academia depois do expediente) e mais umas coisinhas. Já pensei em andar de mochila como a Aline mas meu trabalho exige q ande menos esporte e nenhuma mochila combina.

  11. OMBRO DIREITO
    Meu ombro direito sofre carregando toda a gama de cores de objetos essenciais para a sobrevivência diária. Pode ser meta para 2013 carregar uma bolsa menor ou tentar diminuir a quantidade de coisas porque bolsa não é porta-treco. Não me acostumo a carregar a bolsa no lado esquerdo…

  12. OMBRO DIREITO
    Meu ombro direito sofre carregando toda a gama de cores de objetos essenciais para a sobrevivência diária. Pode ser meta para 2013 carregar uma bolsa menor ou tentar diminuir a quantidade de coisas porque bolsa não é porta-treco. Não me acostumo a carregar a bolsa no lado esquerdo…

  13. Desapega Mariana! Hahaha
    Mari, tu não vai trabalhar de carro? Então mulher, deixa metade dessas coisas dentro dele! E, se precisar pegar, pensa que tu vai estar fazendo um exercício físico indo até ele pegar o que tu deseja! :)
    E se depois nada disso resolver, continuo dizendo… DESAPEGA MARIANA!

  14. Desapega Mariana! Hahaha
    Mari, tu não vai trabalhar de carro? Então mulher, deixa metade dessas coisas dentro dele! E, se precisar pegar, pensa que tu vai estar fazendo um exercício físico indo até ele pegar o que tu deseja! :)
    E se depois nada disso resolver, continuo dizendo… DESAPEGA MARIANA!

  15. Eu não carrego nécessaire, mas sempre tenho um livro na bolsa. E a garrafinha de água! Quem sobrevive em Porto Alegre sem uma? Eu tbem carrego algum lanchinho (cereal, fruta) para não comer bobagens na rua. O ombro esquerdo fica dolorido, pois o direito não se adapta com a bolsa e não está disposto a ajudar o outro ombro…

  16. Eu não carrego nécessaire, mas sempre tenho um livro na bolsa. E a garrafinha de água! Quem sobrevive em Porto Alegre sem uma? Eu tbem carrego algum lanchinho (cereal, fruta) para não comer bobagens na rua. O ombro esquerdo fica dolorido, pois o direito não se adapta com a bolsa e não está disposto a ajudar o outro ombro…

  17. Gostei de ver a argumentação! Eu quase consegui enxergar a necessidade de uma carteira envelope. Eu não sei andar de bolsa pequena. Já tentei mas ai me vi andando sempre com sacolinhas e detesto isso. Sempre ouço as mesmas perguntinhas que a Fláviia ouve sobre o que tem dentro da bolsa, mas quem sai cedo e chega tarde, tem mesmo de levar meio mundo dentro da bolsa.

  18. Gostei de ver a argumentação! Eu quase consegui enxergar a necessidade de uma carteira envelope. Eu não sei andar de bolsa pequena. Já tentei mas ai me vi andando sempre com sacolinhas e detesto isso. Sempre ouço as mesmas perguntinhas que a Fláviia ouve sobre o que tem dentro da bolsa, mas quem sai cedo e chega tarde, tem mesmo de levar meio mundo dentro da bolsa.

  19. Oi Mariana! Eu e meu marido adoramos teu blog e também adoramos o Bento! Inclusive hoje ele chegou em casa dizendo que tinha visto uma pessoa muito parecida contigo passeando na Castro Alves com um cachorro muito parecido com o Bento! Era alucinação de fã ou tu andavas passeando por essas bandas?! rs…

  20. Oi Mariana! Eu e meu marido adoramos teu blog e também adoramos o Bento! Inclusive hoje ele chegou em casa dizendo que tinha visto uma pessoa muito parecida contigo passeando na Castro Alves com um cachorro muito parecido com o Bento! Era alucinação de fã ou tu andavas passeando por essas bandas?! rs…

  21. Ufa! Que bom que não era alucinação! Ele disse que só não gritou o nome do Bento porque ficou com medo que ele se empolgasse e resolvesse atravessar a rua sozinho!
    Ah, lemos teu blog todos os dias antes de dormir e rende ótimas gargalhadas!! E temos um amiguinho pro Bento com todos os dentinhos pra fora que fica nos olhando com cara de dúvida também!! rs… Beijão!

  22. Ufa! Que bom que não era alucinação! Ele disse que só não gritou o nome do Bento porque ficou com medo que ele se empolgasse e resolvesse atravessar a rua sozinho!
    Ah, lemos teu blog todos os dias antes de dormir e rende ótimas gargalhadas!! E temos um amiguinho pro Bento com todos os dentinhos pra fora que fica nos olhando com cara de dúvida também!! rs… Beijão!

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Meu convite para desconectar neste domingo, olhar menos para a tela do celular e mais para o horizonte ao nosso redor. 🙌🏻💥🌞#carpediem #curtaomomento #aproveiteodia
  • ... Então as gurias saíram para passear de Maricota amarela e suas alças multiuso.💛 #maricota19  #bolsamk #ppacessorios
  • Só na contagem regressiva pelas muitas taças de vinhos e boas companhias no @vinhonapraca neste sábado na Praça Mauricio Cardoso. Vamos?! Óbvio, Mari! 🍷🍷🍷#vinhonapraca #vineria1976 #petfriendly #espaçokids #foodtrucks #muitovinho
  • Transformação do dia para o Band Mulher: jeans boyfriend + camiseta podrinha + casaqueto @twentyfourseven.poa e @thaylacollingduarte em um dia cor de rosa ♥️
  • Recolha um cão de rua, dê-lhe de comer e ele não o morderá. Eis a diferença fundamental entre o cão e o homem. Neste caso específico, os funcionários do @carrefourbrasil, que merece boicote. Para assinar a petição que pede punição aos assassinos: http://chng.it/hJ8S6hZY
  • A gente inovou e sem ensaio levantou do sofá, depois o convidado faltou, a gente improvisou... Alguém percebeu?! Acho que não, hein @reginalimaoficial?! 🤣🤣🤣 #programaaovivo #vailáefaz #sorrienãoreclama. Se perdeu, tem o link no site www.marianakalil.com.br