AMIGA MARI explica por que preto é cor indicada para criar looks fresquinhos no verão

O preto é a cor mais elegante e versátil, mas está muito associada aos dias mais frios, certo? Certo, Amiga Mari. Venho por meio desta quebrar a máxima teoria. Atenção, “blackaholics” assumidas (e eu me incluo!): podemos e devemos usar preto no verão.

Primeira dica: se a peça de roupa for mais fina, leve e até larga, ajuda a evitar o calor. O tecido também é muito importante. O linho é um dos melhores materiais para se usar no verão. As peças pretas ideais para esses dias são os vestidos e macacões fluidos, em linho, como já disse, e também em algodão.

Ao contrário do que dizem o instinto e a sabedoria popular, branco não é necessariamente a melhor opção em dias quentes, sabia? De modo geral, a melhor opção, de acordo com a ciência, é usar roupas largas e pretas.

Esclarece Arturo Quirantes, professor da Universidade de Granada, na Espanha, e autor do blog científico El profe de Física (O professor de Física) para o site da BBC Brasil.

– As pessoas acham que roupas brancas são melhores porque refletem a luz solar, enquanto as pretas a absorvem e a transformam em calor, mas essa noção não leva em conta um fator importante: o fato de que nosso corpo também gera calor. Nós emitimos energia térmica. Se usamos roupa branca, o calor que emitimos rebate contra o tecido e não consegue sair.

E continua:

– Se o tecido é preto, ele o absorve. E, se houver vento, ele leva o calor por convecção (processo de transmissão de calor em que a energia térmica se propaga através do transporte de matéria), que é um mecanismo eficiente para nos manter frescos. Isso é o que explica porque os beduínos, acostumados a viver sob o escaldante calor do deserto, têm o corpo todo coberto por uma manta preta.

“O elemento chave na roupa beduína é que, além de ser preta, ela fica solta. Isso faz com que sejam criadas as correntes de convecção, que permitem que o corpo expulse o calor de forma mais eficiente”, explica o cientista Arturo Quirantes

Convencida?
Então separei algumas imagens inspiradoras para incentivar minhas amigas blackaholics!
Já me segue no Instagram? Então, vem! @mari_kalil

captura-de-tela-2018-08-26-as-23-21-33
VESTIDINHO CURTO DE MANGA COMPRIDA E SANDÁLIA RASTEIRA. NA MEIA ESTAÇÃO, PARA O DIA A DIA URBANO, CHIQUE E SIMPLES. VESTIDOS DE MANGA COMPRIDA ESTÃO EM ALTA, SAIBA DISSO!
captura-de-tela-2018-08-26-as-23-21-57
UM LOOK MAIS SOFISTICADO QUE SERVE PARA DIA E NOITE: VESTIDO NA ALTURA DO JOELHO COM LEVE BABADO, SANDÁLIA DE SALTO E CARTEIRA. PRONTA E SEM DERRETER PRA IR ONDE QUISER
captura-de-tela-2018-08-26-as-23-22-13
PANTALONA DE ALFAIATARIA, REGATA AMPLA USADA COM TOP POR BAIXO E SANDÁLIA PLATAFORMA. SUPER FRESQUINHA!
captura-de-tela-2018-08-26-as-23-22-33
SAIA LONGA NO VERÃO É VIDA! PODE SER USADA COM BLUSINHAS MAIS CURTAS E TAMBÉM COM PEÇAS MAIS LARGUINHAS. PRA COMPLETAR O CONFORTO, RASTEIRA CHEIA DE ESTILO.
captura-de-tela-2018-08-26-as-23-22-56
VESTIDO LONGO DE ALCINHA E SÓ! SE VOCÊ NÃO CURTE PEÇAS TÃO JUSTINHAS, PODE OPTAR POR MODELOS LARGOS, SEM PROBLEMA. NESTE CASO, UMA FAIXA OU CINTO MARCANDO A CINTURA ALTA AJUDA A MODELAR A SILHUETA
captura-de-tela-2018-08-26-as-23-23-49
MACACÃO CROPPED E TÊNIS. NÃO PRECISA TER ESTE DECOTE VERTIGINOSO, CLARO. A IDEIA É MOSTRAR QUE MACACÃO E TÊNIS FORMAM UMA DUPLA LINDA E SUPER URBANA
captura-de-tela-2018-08-26-as-23-24-33
AQUELE VESTIDO CAMISOLA QUE TANTO FRESCOR NOS TRAZ. NÃO PODE USAR NADA SEM SUTIÃ? SEM PROBLEMA DE DEIXAR A ALCINHA APARECENDO!
captura-de-tela-2018-08-26-as-23-24-51
MAIS UMA IDEIA DE VESTIDO LONGO AGORA COM SAPATILHA ANIMAL PRINT.
captura-de-tela-2018-08-26-as-23-25-03
MACAQUINHOS AINDA NÃO SÃO TÃO POPULARES ENTRE AS BRASILEIRAS COMO DEVERIAM. SUGIRO OLHAR PRA ELES COM OLHOS MAIS AMIGÁVEIS. SÃO ÓTIMA COMPANHIA NO CALOR
Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.