As frutas e vegetais que você pode (e deve!) oferecer ao seu cão!

Antes de oferecer alimentos frescos para seu cão, verifique se são ou não nocivos para a saúde dele. Alguns vegetais são benéficos, outros podem ser tóxicos, causando vômito, diarreia e até gastrite. Geralmente assimilamos uma dieta natural a algo saudável. O fato é que, nem sempre o que é benéfico para os seres humanos, tem o mesmo resultado no organismo dos animais de estimação.

– Sempre verifique se o alimento que você pretende fornecer ao animal é seguro para alimentação do seu pet e, em caso de dúvida, é melhor não deixá-lo comer – explica Jorge Morais, veterinário e diretor da rede de franquias Animal Place.

+MARI KALIL: Papaqui, uma declaração de amor para minha adorada filha adotiva

Entre os vegetais recomendados pelo veterinário estão a cenoura, que auxilia na saúde oral; a alface e a couve, que são alimentos ricos em fibras e melhoram o trato intestinal; a beterraba e a abóbora. Moraes também afirma que frutas como a banana, o caju (sem a castanha), o caqui (moderadamente, pois é rico em carboidrato) a maçã, a pêra, a manga (sem a casca e o caroço), o kiwi, a goiaba e o morango são excelentes para balancear a alimentação dos pets.

cachorro-pode-comer-bananaBANANA: OFEREÇA SEMPRE SEM CASCA E EM PEQUENA QUANTIDADE
Rica em potássio e fibras, além de ser uma ótima fonte de energia. Ideal para ser oferecida aos cães um pouco mais gulosos no período entre as refeições, já que produz a sensação de saciedade

dog-appleMAÇÃ: SIRVA COM CASCA E EM CUBINHOS E RETIRE AS SEMENTES SEMPRE
Ela tem fibras e pectina, que ajudam a regular a glicemia dos animais e outros antioxidantes potentes contra o estresse oxidativo e o câncer. Ela também é uma fonte do mineral borônio, que combate a artrite e a osteoporose. A casca da maçã concentra muitos antioxidantes que previnem, sobretudo, o câncer hepático. Retire as sementes, pois elas liberam ácido cianídrico, que é tóxico aos cães.

Já na lista de vegetais que devem sair do cardápio dos animais de estimação, estão a pimenta, que favorece o surgimento de gastrite; a cebola, que ataca os glóbulos vermelhos do pet, gerando anemia profunda; e a batata crua, que contém substâncias tóxicas para o animal.

+4PATAS: Sempre junto! Veja dicas para levar o pet sempre com a gente nas viagens

Já entre as frutas que eles não devem consumir estão o tomate, que pode causar arritmias cardíacas, salivação, diarreia e vômito; a laranja e as frutas cítricas no geral, o abacate, a carambola, o abacaxi e a uva, que pode levar a lesões renais.

batata-cruaBATATA CRUA: CONTÉM SUBSTÂNCIAS TÓXICAS PARA O ANIMAL

Moraes  também frisa que os cães e gatos são carnívoros por essência, mas que, tomando o devido cuidado, os vegetais e as frutas podem servir como petiscos ou como estratégias para a distração dos seus apetites vorazes.

+4PATAS: Por que você não deve ceder aos apelos de cães e gatos por doces e chocolates

– Não substitua a ração ou comida caseira por vegetais e frutas, eles devem ser apenas complemento à alimentação principal do animal. Os vegetais misturados na ração podem até mesmo ser uma boa alternativa para fazer os cães, que não são muito fãs do alimento principal, comerem, mas é sempre bom lembrar de consultar um veterinário para escolher a melhor e mais adequada dieta para o pet – diz.

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.