Aula de empreendedorismo com Sandra Boccia, diretora da Pequenas Empresas & Grandes Negócios

O mundo é polifônico. Com esta premissa, o Maratona MUDE, evento que discutiu design, moda e criatividade no BarraShoppingSul no último final de semana, contou com a presença de profissionais que são referência em suas áreas para troca de conhecimento. Entre os bate-papos, a diretora da marca Pequenas Empresas & Grandes Negócios, Sandra Boccia, entusiasmou os participantes com uma palestra que se resume em uma palavra: MOTIVAÇÃO. O tema do encontro é o chão da palestrante: empreendedorismo no Brasil, com dicas para quem está começando até o posicionamento das mulheres nos negócios.

Autodeclarada feminista, Sandra estuda gênero e se debruça sobre o empreendedorismo feminino. O quadro apresentado por ela a partir de pesquisas de campo e estudos em livros não são os mais satisfatórios. Apesar das mulheres terem coragem de abrir seu próprio negócio – hoje são 7 milhões de empreendedoras no Brasil -, são poucas as que estão lucrando com isso, diferentemente do que acontece com os homens.

sandra1SANDRA BOCCIA NO PALCO DA MARATONA MUDE: LIÇÕES DE EMPREENDEDORISMO

A pesquisa da Rede Mulher Empreendedora, apresentada por ela, também mostra que das 1,4 mil entrevistadas 40% investem dinheiro do seu próprio bolso para abrir um negócio (salário ou rescisão). O caminho correto seria buscar o “investimento anjo”, que nada mais é do que empresários, executivos e profissionais liberais que agregam valor para o empreendedor que está começando, mas apenas 6% das mulheres têm acesso a ele.

+LU BEMFICA: A difícil (e corajosa) decisão de mudar de área ou de profissão

As mulheres são motivadas a abrir seu próprio negócio muitas vezes porque buscam flexibilidade e liberdade, além da possibilidade de conciliar melhor a vida familiar com a profissional.

– Tem a ver também com as mulheres dentro das empresas sofrendo uma pressão forte, principalmente dos 25 aos 35 anos, para tomar a decisão de ter filho ou não. A maioria das empresas não têm política para reter talentos, e o ambiente muitas vezes hostil e machista que ela vive no dia a dia contribui para a decisão de sair. As mulheres no Brasil ganham de 25% a 30% menos que os homens. Então, ela olha para o colega que faz as mesmas coisas e se vê ganhando menos e com o filho em casa. Não tem como manter-se incentivada. É aí que ela migra para o empreendedorismo – observa Sandra.

sandra3EXEMPLOS DE EMPREENDEDORAS NA CAPA DA REVISTA: ELAS SÃO CADA VEZ EM MAIOR NÚMERO

Mulheres estão mais preparadas do que os homens quando avaliados os anos dedicados ao estudo, porém essa realidade não é refletida quando as mesmas encontram dificuldades de vencer barreiras para atingir um cargo de gestão que são predominantemente ocupados por eles.

Estimulando a iniciativa dos ouvintes durante a apresentação na Maratona MUDE, Sandra citou a frase de Louis Pasteur, que derruba o mito do sucesso sem esforço: “A sorte favorece a mente bem preparada”.

Listamos o que aprendemos com ela. Vem ver!

Quer empreender?
1) Tenha boas ideias e as coloque em prática.
2) Corra riscos! Saia da zona de conforto.
3) Crie negócios que causem impacto.
4) Grupos de apoio e networking para mulheres: 10.000 Women Goldman Sachs, Winning Women EY, Consulado da Mulher, ONU Mulheres, Lean In Empreendedorismo Rosa, Grandes Mulheres/PEGN + Facebook, Mulheres do Brasil, Women’s Forum.
5) Contate outros empreendedores para se inspirar;
6) Pense no impacto que você vai trazer para o meio ambiente, para as pessoas ao seu redor, nas finanças. As pessoas mais satisfeitas são aquelas que reconhecem que estão fazendo algo de muito bacana não só para si mesmas, mas para o outro.

+TURMA DA MARI: Empreendedoras digitais dão dicas para quem sonha com seu próprio negócio

Dificuldades das mulheres que querem empreender
1) Costumam ser conservadoras e menos inovadoras.
2) Têm medo de correr riscos e abrem negócios de menor porte.
3) Fazem investimento pessoal.
4) Recebem mais nãos ao apresentar propostas.
5) Cuidados com as parcerias: amizades, namoros e casamentos acabam e podem colocar um fim no negócio.
6) Não ganham tanto dinheiro quanto os homens ao empreender.
7) Não entendem sobre finanças e não contratam alguém que entenda.

*Fran Brites, especial para o site MK

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Jornalista e escritora, Mariana Kalil é diretora de conteúdo do site MK e colunista do programa Band Mulher e da rádio Band News FM. É também autora dos livros "Peregrina de Araque (2011), "Vida Peregrina (2013) e "Tudo tem uma Primeira Vez" (2015), todos publicados pela editora Dublinense. Trabalhou das redações das revistas Época e IstoÉ Gente, dos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil e foi correspondente da BBC na Espanha, onde cursou pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Uma irmã é mais do que uma amiga; um vínculo inquebrantável muito além do familiar; uma conexão emocional, biológica e de intimidade tão exclusiva. Aliada nas grandes e pequenas batalhas, o pilar do cotidiano. Para alguns, a metade do nosso coração. Para mim, meu coração inteiro. Minha irmã, minha cúmplice, fiel escudeira. Minha alma gêmea, minha companheira de tantas jornadas. Te amo, maninha @luciakalil #tbt #amordeirmã ♥️ Punta del Este, fevereiro de 2019.
  • “Amo as pessoas que me fazem rir. Sinceramente, acho que é a coisa que mais gosto: rir. Cura uma infinidade de males. É provavelmente a maior virtude de uma pessoa.” Audrey Hepburn ♥️ #FigurinoBandMulher #jeans #poatwentyforseven
  • A tenteada é livre. Tome café todas as manhãs com esse farol de raio laser de olho no seu pão. 🐶 #gorda #gorducha #fofolete
  • “Ninguém ainda sabe se tudo apenas vive para morrer ou se morre para renascer”. Marguerite Yourcenar, escritora francesa. #notredame #notredameparis #notredamecathedral 😢🙌🏻🙏🏻
  • Repost @tainavidal ♥️
No Band Mulher com @reginalimaoficial de hoje falando sobre nossa Campanha do Agasalho 2019. #esquentaportoalegre #campanhadoagasalhopoa2019
🧣🧤🧦
Com a meta de arrecadar 270 mil peças de roupas, a Campanha do Agasalho 2019 inicia o período de arrecadações um mês mais cedo e vai até 15 de agosto. O objetivo é não esperar o frio chegar para distribuir as roupas a quem precisa. O prefeito Nelson Marchezan Júnior destacou que realizar uma doação é também ajudar a cumprir o papel da máquina pública de proteger quem mais precisa. “A prefeitura não tem como realizar tudo que a população precisa todos os dias e que bom que podemos contar com pessoas solidárias para isso. Todo mundo pode ‘prefeitar’ no dia a dia. As pessoas são um pouco prefeito quando descartam de maneira correta o lixo, cuidam de suas calçadas ou ajudam a população mais vulnerável. Se cada um dos habitantes não ‘prefeitarem’ em algum momento do seu dia, não teremos uma cidade boa”.
🧤🧦🥾
A campanha deste ano conta com um projeto de comunicação para lembrar a cada dia a necessidade da doação dos agasalhos. A proposta é viabilizar, através de parceiros, uma “piscina gigante”, que será instalada na frente da prefeitura, e preenchê-la com bolas coloridas a cada doação para que as pessoas possam mensurar o volume de peças doadas. Também serão oferecidas recompensas para a população a cada etapa vencida. A primeira etapa, de 25 mil peças, já foi superada e o parceiro Coca-Cola/Femsa vai doar a pintura do muro de uma escola municipal Liberato Salzano. A ação será feita no dia 27 de abril. #vamosjuntos #euvistoestacausa
  • Transformação do dia para o Band Mulher ♥️ #camisadealfaiataria #calçacenoura #carrotpants #amigamari #poa.twentyfourseven #coisasdethayla