Shampoo sólido: a nova tendência da indústria cosmética tem muitas vantagens

A tendência começou nos Estados Unidos, principalmente entre mulheres executivas que primam pela praticidade e que vivem para cima e para baixo em viagens de avião. Com a proibição pelas companhias aéreas de levar líquidos na bagagem, elas começaram a aderir ao shampoo sólido, em barra, na hora de arrumar a nécessaire. Não tardou para as empresas de cosméticos, entre elas a Lush, perceber o filão que começava a vingar – e o investimento passou a crescer exponencialmente. O chamado shampoo sólido não é novidade, mas só agora começa a ganhar certo protagonismo. Explica Gloria Pavía, diretora de marketing da Lush na Espanha.

– Ele surgiu de forma acidental, enquanto experimentávamos um novo tipo de base para sabonete que produzisse mais espuma do que os tradicionais. Isso permitiu que adicionássemos muitos outros óleos essenciais e ingredientes benéficos, como frutas e plantas. Assim nasceu o shampoo sólido, que logo a Lush patenteou como invenção.

champu-solido-635x480SHAMPOO SÓLIDO DA LUSH: DESCOBERTA ACIDENTAL E PATENTEADA

Por ser sólido, não tem água, não tem conservante e também nenhum frasco plástico, o que o torna ecologicamente correto. Lavar o cabelo com ele não tem mistério. Basta seguir os passos:

1 – Molhe seu cabelo.
2 – Esfregue a barra no cabelo alguma vezes para fazer espuma. Ou, se preferir, esfregue a barra nas mãos, fazendo espuma, e depois leve as mãos à cabeça.
3 – Massageie o couro cabeludo e o cabelo, como você faria com um shampoo líquido.
4 – Enxágue e use condicionador conforme necessário.
5 – Importante é deixar a barra em um local aberto para secar

+BELEZA: Condicionador a seco: tudo sobre a nova febre que dá mais brilho aos fios

O shampoo sólido ainda é pouco encontrado no mercado – pela questão de patente e também pela dificuldade em mudar os hábitos da consumidora. Mas algumas empresas já começam a arriscar os primeiros passos nesse setor. É o caso da Herbal Bionature , que produz seus produtos com óleos 100% naturais, sem sulfatos e parabenos

SAM_3447PRODUTO ORGÂNICO DA BIO NATURE: LIVRE DE SULFATOS E PARABENOS

O apelo da sustentabilidade deste tipo de shampoo em relação aos produtos tradicionais, em embalagens plásticas, é inegável. Na Lush, conta sua diretora de marketing, cada ano são vendidos 1,9 milhão de shampoos sólidos, o que significa uma economia de fabricação e transporte de 5,7 milhões de garrafas plásticas. São 142 toneladas de plástico a menos na superfície terrestre. Um gesto verde que evita com que se transmita 484 toneladas de CO2 na atmosfera.

Outro forte apelo diz respeito à economia. Cada barra dura em torno de 80 a 100 lavagens, o que significa o triplo do shampoo convencional. Por esta razão, quem começa a se arriscar na fabricação dessa nova onda não hesita em afirmar que, apesar de custar mais caro à primeira vista, não deixa de significar uma grande economia no final do mês.

Compartilhar
mariana

mariana

Jornalista e escritora, Mariana Kalil é sócia-diretora de conteúdo do portal MK. É autora dos livros "Peregrina de Araque - Uma Jornada de Fé e Ataque de Nervos no Oriente Médio" (2011), "Vida Peregrina - Uma Jornada de Desequilíbrios, Tropeços e Aprendizado" (2013) e "Tudo tem uma Primeira Vez" (2015), todos publicados pela editora Dublinense. Trabalhou das redações das revistas Época e IstoÉ Gente, dos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil e foi correspondente da BBC na Espanha, onde cursou pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. Dona do Bento, da Papaqui e tia da Olivia, vive em Porto Alegre ao lado do marido e dos peludos. Escreve diariamente na seção Por Aí, que funciona como uma espécie de blog e diário do site, e também nas outras seções do portal MK.

3 Comentários
    1. Oi, Leticia. Confesso que ainda não encontrei em Porto Alegre, pois pouquíssimas marcas estão fazendo ainda. Vou ficar de olho porque também fiquei muito a fim de experimentar. O que eu vou fazer é comprar pelo site da Lush, que tem loja em SP. Se quiser, faz o mesmo. Daí experimento e conto como é. Tive essa ideia agora, ao te escrever. Haha! Beijo. Mari

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • "Foi a melhor palestra que já assistimos". Tem coisas que o dinheiro não compra. Para todas as outras existe o testemunho da @tatilaschuk e do @betofabbrin de que ouvimos esta frase ao final da palestra na @uniritterdesignweek, né @mairafranz? ♥️🙏🏻🙌🏻 Gratas pela confiança @uniritter
  • É amanhã nossa palestra na @uniritterdesignweek! O tema: como construir uma marca com conteúdo, transparência e verdade. Obrigada pelo convite @uniritter! Dormindo cedo hoje, hein sócia @mairafranz 😜#implicandocomaloira #uniritter #uniritterdesignweek #9h #CampusdaFAPA
  • Kale Chips: folha de couve crespa, desidratada e temperada com pasta de castanha de caju, pimentão vermelho, suco de limão siciliano e pimenta caiena) 🌶Pensa numa coisa ardida e croc! #semfiltro #urbanfarmcy
  • Pipoca e altos papos ♥️#joãobenício #amordosdindos
  • Muito honrada com o convite da @uniritterdesignweek para ministrar a palestra "Conectando Marcas e Pessoas por meio de Conteúdo com Transparência e Verdade". É na próxima terça 17, às 9h, no Campus da FAPA que subo ao palco com a @mairafranz pra um papo sem fórmula mágica. Todos convidados!!! #uniritterdesignweek #uniritter
  • Então você foi a aluna eleita de hoje para posar no paredão anti-fashion. Motivo? Seu Crocs verde tartaruga 🐢🐢#yoga #sattvashala #aulaonoferiado