Kombucha: a origem e os benefícios do chá probiótico que virou mania mundial

As bactérias estão por toda parte e é claro que podem causar doenças. Entretanto, no intestino, algumas bactérias podem ser benéficas para a saúde. É o caso das bactérias probióticas, que são micro-organismos vivos e liofilizados. Para manter a saúde em dia, é necessário consumir alimentos probióticos, a fim de manter a microbiota intestinal saudável para receber os benefícios que essas bactérias podem trazer ao organismo.

Caso contrário, é possível que ocorra o aumento do número de bactérias gram-negativas, que são potencialmente nocivas e podem ocasionar a Síndrome do Super Crescimento Bacteriano do Intestino Delgado (SIBO).

Sendo assim, o uso de alimentos probióticos, como o Kombucha, pode auxiliar na manutenção da qualidade das bactérias do intestino, pois favorece a proliferação apenas de micro-organismos benéficos para a saúde humana. Existem inúmeros estudos mostrando que o intestino é um órgão endócrino importantíssimo que se relaciona com diversas funções do organismo.

Uma das formas para trazer equilíbrio ao microbioma intestinal é o desenvolvimento de bebidas funcionais fermentadas. Por meio desta nova fonte de ingestão de probióticos, é fornecida a proteção e efeitos positivos para a saúde. A Kombucha (pronuncia-se Kom-bu-tchá) é uma bebida utilizada tradicionalmente na China há mais de dois mil anos e novos estudos vem comprovando sua funcionalidade neste sentido.

kombuchaKOMBUCHA DE SABORES VARIADOS: CHÁ PRETO E VERDE COMO BASE DA BEBIDA

Tradicionalmente, é feita a partir da fermentação de chá preto ou chá verde, rico em cafeína e adição de um biofilme rico em leveduras e bactérias acéticas, entre elas a simbiose (colônia de Kombucha). Trata-se de um bioprocesso que consiste na degradação da glicose e frutose através da fermentação. Para isso, prepara‐se o chá e adiciona-se o açúcar. Após resfriar a bebida, a colônia de Kombucha é adicionada. Para que ocorra o processo de fermentação da bebida, é deixada em repouso. Após alguns dias com o açúcar fermentando, a bebida estará com sabor ácido e levemente doce, pronta para ser consumida.

kombucha1
KOMBUCHA SAÚDE LÁ EM CASA
kombucha2
KOMBUCHA BIO ZEN
kombucha3
TAO KOMBUCHA

A infusão de chá preto é o substrato comum para a preparação da Kombucha. No entanto, outras fontes – como folhas de carvalho em infusão – podem ser usadas para o mesmo propósito. Estudos mostram que a Kombucha obtida a partir do chá preto reduziu efetivamente a produção de citocinas pró inflamatórias. Cerca de 200ml por dia é suficiente.

A Kombucha pode ser feita em casa ou comprada pronta em lojas de produtos naturais, como Mundo Verde. Quem opta pela preparação doméstica tem que ficar muito atento à higiene na hora de colocar a receita em prática. No Facebook, há várias páginas de kombucheiros, como são chamados os entusiastas da bebida.

Compartilhar
Carina Borges

Carina Borges

Nutricionista e Fisioterapeuta Dermatofuncional formada pelo Centro Universitário Metodista (IPA/RS), Carina Borges proporciona, a união entre a prevenção da saúde através da qualidade na alimentação e o bem-estar por meio da base científica de tratamentos eficazes para o corpo e a pele. O objetivo principal de seu trabalho é restaurar a saúde funcional e qualidade de vida das pessoas, para, então, seguir a busca incessante pela longevidade por meio da nutrição preventiva. Tudo por uma vida recheada de sabor e autoestima.

3 Comentários
  1. Dra Carina, boa noite.
    Muito interessante o assunto kombucha, pois, realmente virou uma febre e é importante esclarecer alguns pontos.
    Gostaria de tirar uma dúvida. Não entendi muito bem a parte das bactérias boas gram positivas e as bactérias ruins gram negativas. Se o probiótico fornecido pelo kombucha vem para equilibrar o microbioma e o equilíbrio desses grans positivo e negativo, significa que produzirei tanto coisas boas quanto coisas ruins no organismo com o kombucha, para que haja o equilíbrio? Não me soa bem isso. Poderia explicar mais sobre esses gram negativos que são bactérias ruins? Obrigada.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • De uma viagem a trabalho para o Oriente Médio, nasceu um livro. Deste livro, uma carreira de escritora. Desta carreira, o desejo de empreender. Deste empreendedorismo, um blog que agora virou coluna no Band Mulher e na BandNews FM. E muito ainda está por vir. O #tbt de hoje é pra relembrar com carinho o início de tudo ♥️ Deserto do Sinai, Egito. Outubro/2010. #peregrinadearaque #livro #porai #bandrs
  • Quando um bolinho de bacalhau é um bolinho de bacalhau ♥️ #pampulhinha
  • Vamos dar uma dormidinha e já voltamos 😴🐶♥️ #domingonoparque
  • Quando a gente trabalha com o que ama! ♥️ Imagens: @carloseduardosperotto #porai #bandmulherrs
  • Primeiro fim de semana na Fazenda Tapera, da família do meu então novo namorado, @carloseduardosperotto. Primeiro mês de volta ao RS depois de largar o emprego no Rio porque tinha certeza de que Chiquinho seria meu futuro marido. E não é que acertei?!♥️ #7dejunho #2007 #tbt #quintafeiradoretorno
  • #desafioaceito #todoscontraocancerdemama #euapoioessacausa Vamos fazer uma corrente por esta causa? Então compartilha uma foto tua em preto e branco para demonstrar apoio à luta contra o câncer de mama. Não precisamos esperar outubro quando é nossa saúde que está em jogo. O câncer de mama tem chances altíssimas de ser curado quando descoberto em estágio inicial #cancerdemamatemcura #ligafemininadecombateaocancer #imama #voluntariaspelavida