Delícias em casa! Quintal Orgânico e Prime Korean Cuisine lançam serviço de tele entrega!

Quintal Orgânico e PKC (Prime Korean Cuisine), duas referências em alimentação deliciosa e saudável em Porto Alegre, acabam de inaugurar sistema de delivery. Oba! Quem curte comidinha fresca e orgânica pode consultar e adquirir os pratos que compõem o cardápio do Quintal por meio do telefone (51) 3371-3371 e também através dos aplicativos IFood, 4all, Pedidos Já, e UberEATS. O menu de opções pode ser consultado diretamente nas plataformas e no site www.quintalorganico.com.br ou ainda na Fanpage de Quintal no Facebook. A área de entrega é formada pelos bairros que ficam em um raio de 12km do restaurante (localizado na Rua Nilo Peçanha, 633). O valor da delivery varia entre R$ 8,90 a R$ 18,90 dependendo do aplicativo e da distância da entrega.

portfolio8_rolloverTALHARIM ORGÂNICO

O Quintal Orgânico está no mercado há quatro anos e já foi selecionado pelo Guia 4 Rodas, eleito três anos consecutivos o Melhor Natural no prêmio da Revistas Sabores do Sul e indicado em 2014 e 2015 na edição da Revista Veja “Comer & Beber Porto Alegre”. O serviço de tele-entrega está em vigor e funciona de segunda à sexta, das 11 às 15h e das 18:30 às 22h.

portfolio11_rolloverFILÉ DE SAINT PETER ASSADO E EMPANADO COM CEREAIS

portfolio6_rolloverFRANGO TROPICAL SERVIDO NO ABACAXI COM ESPINAFRE, CEBOLA NEGRA E CASTANHAS

Outra delícia de novidade no quesito delivery em Porto Alegre é o PKC – Prime Korean Cuisine. Trata-se de um restaurante especializado em comida coreana que tive o privilégio de conhecer e recomendo muito. A tele-entrega funciona de terça a sábado das 18h30min às 21h45min. Também é possível ligar para o restaurante, fazer o pedido e retirar no local (Rua Murilo Furtado, 116. Tel. 3207-8007).

O menu está disponível na seção Korea-To-Go do site. A culinária coreana inclui alguns pratos similares ao da culinária chinesa e japonesa e prioriza uma cozinha com muitos legumes, vegetais e proteínas, como ovo, carne de gado, frango e porco. Experimentei um festival de pratos do PKC oferecido pelos queridos e super simpáticos proprietários Sandra e Daniel, ele filho de mãe coreana.

Dá uma espiada nas fotos que fiz daquela noite muito legal!

pkc1GYOZA: PASTELZINHO DE FRANGO CASEIRO

pkc2TEMPURA DE FRUTOS DO MAR

pkc5PAJEON: PANQUECA DE FRUTOS DO MAR COM CEBOLINHA E PIMENTÃO

pkc8BIBIMBAP: PRATO TIPICAMENTE COREANO QUE VOCÊ NÃO PODE DEIXAR DE PROVAR!

Bibimbap (pronúncia aportuguesada “ bi bim bap ou bop bim bi” ) é um prato tipicamente coreano. A palavra significa literalmente “arroz misturado”. Bibimbap é servido numa tigela funda, com arroz oriental quente, coberto com namul (legumes salteados no óleo de gergelim) e gochujang (pasta de pimenta). Um ovo cru ou frito e carne são adições comuns. Os ingredientes são mexidos (misturados) antes de comer.

Bibimbap é mencionado pela primeira vez no Siuijeonseo, um livro de receitas anônimo, do final do século 19. Alguns estudiosos afirmam que bibimbap origina-se da prática tradicional de misturar todas as ofertas de alimentos feitas em um rito ancestral.

Em 2011, o Bibimbap foi classificado na 40ª posição, na lista dos 50 alimentos mais deliciosos e saudáveis do mundo, na votação dos leitores em pesquisa feita pela CNN Travel.

Sim, jantar no Prime Korean Cuisine é sinônimo de muita cultura. Convidamos Georginho e Paulinha e ouvimos ótimas histórias da Sandra e do Daniel – e não pudemos ir embora sem fazer o registro daquela noite especial!

pkc10OLHA NOSSA CARA DE FELICIDADE ENTRE ESSE CASAL SUPER ANFITRIÃO!

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Jornalista e escritora, Mariana Kalil é diretora de conteúdo do site MK e colunista do programa Band Mulher e da rádio Band News FM. É também autora dos livros "Peregrina de Araque (2011), "Vida Peregrina (2013) e "Tudo tem uma Primeira Vez" (2015), todos publicados pela editora Dublinense. Trabalhou das redações das revistas Época e IstoÉ Gente, dos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil e foi correspondente da BBC na Espanha, onde cursou pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro. Estaremos te esperando, Chiquinho! Repost @chico_sperotto ♥️🐶🌞
  • • KARL LAGERFELD
10.09.1933 - 19.02.2019 🖤
•”Pense rosa. Mas não use".
•”Calça de moletom é sinal de fracasso. Você perdeu o controle sobre sua própria vida e comprou um moletom".
•”Eu acho tatuagem uma coisa horrorosa. É como viver o tempo todo em um vestido Pucci".
•”Meu maior luxo é não precisar me justificar para nenhuma pessoa.”
•”Gosto que tudo seja lavável. Eu mesmo, inclusive.”
•”Personalidade começa onde a comparação termina.”
•”As melhores coisas que fiz na minha vida, as vi nos meus sonhos. É por isso que tenho um caderno de rascunhos na minha cama.”
•”O politicamente correto, a preservação. Eu acho tudo isso extremamente chato.”
•”Coco Chanel jamais teria feito o que eu fiz. Ela teria odiado.”
•”Sou uma pessoa da moda e a moda não é somente sobre roupas. É sobre todos os tipos de mudança.”
•”Eu amo estar de passagem. Nasci em um porto, em Hamburgo. Então minha mãe disse: ‘É a porta do mundo, mas não é mais do que a porta. Portanto, já pra fora!’”.
#ripkarllagerfeld
  • - Dinda, entra no mar comigo?
- A dinda não gosta de mar gelado.
- Eu queria mergulhar com a dinda.
- Então a dinda vai te dar a maior prova de amor do mundo. E tu vai lembrar pra sempre, promete?
- Prometo, dinda.
E assim foi, e a lembrança eterna será de nós dois. #joaobenicio #amordadinda
  • Ensalada de Durazno: pêssego queimado, folhas verdes, queijo de cabra, pistache, cebola roxa e um molho vinagrete indescritível. Autor: @francismallmann @restaurantegarzon 👌🏻♥️🇺🇾 Detalhes no destaque do Stories
  • Leva um tempo até a gente perceber que por trás da figura de mãe existe também uma mulher como nós. Com gostos, desejos, anseios, vontades, expectativas, decepções. Não dizem que são nas viagens que a gente conhece profundamente a essência dos amores e amigos? Pois viagens também contribuem para aproximar mães e filhas no papel de duas mulheres adultas e companheiras. Em nossas viagens, mãe e eu convivemos com nossas imperfeições e fizemos mútuas descobertas – das profundas às mais comezinhas. Ela bebe pouca água; eu vivo com uma garrafa na mão. Ela critica a minha garrafa; eu critico a falta de água no organismo dela. Ela já planeja a Páscoa do ano que vem; eu ainda nem cheguei no próximo Natal. Ela não compreende a minha falta de planos; eu não entendo a ansiedade dela. Ela pensa em voz alta; eu reflito em silêncio. Ela diz pra eu falar alguma coisa; eu suplico que ela cale a boca por cinco minutos. Ela prefere o sol do meio-dia; eu prefiro o ar-condicionado. Ela diz que estou branca feito um bicho da goiaba; eu respondo que ela está laranja feito um nacho de Doritos. Agora estamos de novo aqui, juntas, em viagem, sentadas na grama da praça de José Ignacio. Que bom, né, mãe? Que bom que a vida nos concedeu este prazo para descobrir ainda a tempo o privilégio de passearmos juntas por aí e explorar como adultas esta delicada amizade — e o que existe de melhor em cada uma de nós. ♥️ #amordemãe #amordefilha #viajecomsuamãe
  • Né?! 👌🏻