Mari Kalil: Descobri um paraíso da beleza no centro de Porto Alegre

Há cerca de dois meses, acho que meados de novembro, fui à minha visita trimestral à dermatologista. Papo vai, papo vem, mudanças de creminhos aqui e ali, sugestão de operação de pálpebras à vista (tenho as pálpebras caidinhas e isso é algo que já começa a incomodar. Quanto mais passa o tempo, mais elas caem e pode prejudicar a visão), perguntei à doutora Glades se ela conhecia alguém que fizesse uma boa limpeza de pele.

– Conheço a melhor de Porto Alegre – ela disse.
– Sério? – respondi, já sentindo tremeliques pelo corpo de felicidade.
– Sim, só que fica no Centro. Não sei como é a tua disponibilidade para ir ao Centro.
– Se for a melhor limpeza de pele de Porto Alegre, minha disponibilidade é total – falei.
– Fica na Rua dos Andradas.  Eu faço lá. Tu tem que pedir para fazer com a Neusa. Ela sabe tudo. Aqui está o telefone – doutora Glades respondeu, me alcançando um papelzinho.

18-por-ai-mulher-gritando8PRECISO CONHECER A NEUSA!

O tempo foi passando, o final de ano foi ficando mais e mais caótico – e eu fui me conformando de que só conheceria a Neusa quando a poeira baixasse. No dia 26 de dezembro, data em que pegaríamos o carro e rumaríamos às merecidas férias em Punta, fiz a sugestão de atrasarmos em um dia a nossa viagem para que eu pudesse fazer tudo o que não havia tido tempo e merecia: me proporcionar um dia de noiva. Tempo sem pressa para cuidar da beleza. E pode ter coisa melhor?

mujergritandoNÃÃÃÃOOOOO!!!!

Marquei a limpeza de pele com a Neusa em uma sexta-feira de dezembro chuvosa. Peguei o carro sem pressa, fui ouvindo uma musiquinha feliz, estacionei em frente à Casa de Cultura Mario Quintana e saí andando rumo ao número 1237 da Andradas. Passei em frente à Praça da Alfândega, cruzei a rua General Câmara e na quadra seguinte fui cuidando a numeração. Era um prédio, do lado direito, bem na frente de uma loja Panvel, com um letreiro que avisava: NC ESTÉTICA. Entrei no prédio, no elevador e apertei no quarto andar. Quando o elevador chegou, abri a porta e… pirlimpimpim!!

ncOOOOOOOOOOOHHHHHH!!!
A visão do paraíso!!

nc1OOOOOOOOOOOOOHHHHHHHH!!!!
A visão da esquerda do paraíso!!!

Me aproximei do balcão e avisei que tinha uma limpeza de pele marcada com a Neusa Camargo. Enquanto a recepcionista consultava a agenda, fiquei olhando ao redor e dei de cara com o logotipo da estética: NC. “Neusa Camargo só poder ser a dona”, pensei. Mas não perguntei. Fui aconselhada a esperar um pouquinho e fiquei ali pela recepção dando fé de todos os produtos de beleza à venda que estavam expostos. De cara, já achei um condicionador sem enxágue que ouvi a comentando com outra cliente, poucos dias antes, quando havia ido ao KAPO, a nova e linda casa da Bê.

Olha!

condicionador_leave_in_spray_moisture_kick_bonacure_bc_schwarzkopf_cabelos_secos_normais_ondulados_ou_cacheados_aoraOOOOOHHHH!!
Spray condicionador sem enxágue da marca alemã Schwarzkopf.
Estou usando e adorando!

Vi mais vários produtinhos incríveis, mas decidi manter a calma (a impulsão que tenho para comprar produtos de beleza é inversamente proporcional à que tenho para comprar roupas). A recepcionista avisou que eu podia passar. Entrei na sala da Neusa, uma sala super espaçosa e aconchegante, onde ela está cercada de tudo o que precisa para fazer a gente sair de lá feito princesa. E foi como eu me senti. Amei a limpeza de pele da Neusa. Fomos conversando e percebi o quanto ela entendia da profissão. Como raras profissionais hoje em dia. Neusa é esteticista, cosmetóloga, maquiadora e visagista. Aproveitou e disse que faria uma depilação com fio egípcio no meu rosto e na minha sobrancelha. Nunca tinha passado por essa tormenta. Aquele fio desgraçado dói que é a morte. Mas o resultado é divino e eu virei adepta da técnica.

neusaMUITO PRAZER, SOU A NEUSA!

Conversa daqui, conversa dali, falamos sobre cílios e tal, que eu gostaria de ter mais cílios e tal. Ema comentou que eu não precisava de mais cílios, que meus cílios eram lindos, que eu tinha apenas que aprender a valorizá-los.
– Dou aula de automaquiagem, sabia? – me disse.
– Sério?
– Sim, mas apenas individualmente ou no máximo para duas pessoas. Gosto que tragam tudo de casa e ensino como usar. Vou te fazer uma maquiagem bem dia a dia para tu ver se tu gosta.

mulher-assustada-jpeg2MAQUIAGEM DIA A DIA?

mulher-assustada-jpeg2SÓ USO POUCO RÍMEL…

mulher-assustada-jpeg2VOU SAIR DAQUI FEITO UMA BARBIE…

Resolvi concordar. Então, rapidinho, passada a limpeza de pele e o fio egípcio, Neusa me apresentou a uma linha de maquiagem bárbara, que eu confesso não conhecia, chamada ART DECO. Aplicou uma base maravilhosa, beeeem levinha, um rímel, um lápis, um blush e até um batom (odeio batom). Quando eu me vi no espelho, quase caí para trás. Sabe quando a gente tem os traços valorizados, mas parece não estar maquiada?
– Nossa, eu amei! – disse pra ela.
– Eu gosto de maquiagem assim, quando menos é mais. Ela deve servir apenas para valorizar os traços de cada uma. Minhas clientes são mulheres reais.

03-por-ai-mulher-gritando51-267x300EU TAMBÉM SOU UMA MULHER REAL!

Me identifiquei completamente com a Neusa, com a NC, com o conceito, com tudo. Saí de lá com rímel, base, lápis, blush e até dois batons na sacola. Tudo o que ela havia usado em mim. E mais um filtro solar com cor maravilhoso, da ADCOS, que não tirei do rosto durante as férias.

Olha!

adcos-rp-defense

OOOOHHHH!!!!
O meu é o do meio, para todos os tipos de pele!

Aproveitei que estava sem pressa e subi um andar, até o quinto, para conhecer a Olivia, que faz podologia, reflexologia, hidratação e esfoliação de pés. Sentei na cadeira da Olivia, outra sabe-tudo da profissão, e fiz tudo o que tinha direito. Virei cliente imediata. Voltei lá esta semana – e foi na minha volta esta semana que conheci a Ana Maria, dona de umas mãos de fada que fazem uma drenagem inspiradora. Já me tornei cliente também. Antes de ir embora, marquei a aula de auto-maquiagem com a Neusa. Paulinha vai fazer comigo. Estamos empolgadíssimas. E foi assim, em um dia chuvoso de dezembro, no finalzinho de 2014, que eu descobri aquele que seria o meu paraíso da beleza em 2015 e para todo o sempre.

mulher-rezando-o-terco-vermelho1AMÉM

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Penteados e escovados para a primeira de muitas noites de autógrafos de Vida Peregrina, que me levaria à lista dos livros mais vendidos do país e confirmaria Bentolino como um dos personagens mais importantes da minha existência como escritora. Seis anos hoje. Saudade, Xerife. ❤️🐶📘 #tbt #2013 #vidaperegrina #livromarikalil
  • Éramos uma família de bageenses morando no Rio e nossa família multiplicava-se com mais bageenses que chegavam no Carnaval. Tudo começava ao cair do sol com um primeiro chope para brindar a união e terminava com corpos ao mar pra curar o ressacão. Lembrança do nosso primeiro bailinho em que eu me retorci para entrar em uma fantasia de odalisca tamanho 14 comprada em uma loja infantil de Ipanema. É que ainda estava borracha da noite anterior. Borrachos entendem. 🍺
Casa da @renatabrasilvidal e do @marcelogoskes; Rio de Janeiro, Carnaval 2006. #tbt
  • Ter o privilégio de passar horas e horas conhecendo muitas das minhas perseguidoras faz a gente mais feliz. Ser recebida com carinho pelo @centrocarinaborges, que abriu suas portas para este momento tão especial de beleza e amizade faz a gente mais feliz. Poder oferecer a excelência dos produtos da @farmathuia para as amigas da Mari faz a gente mais feliz. Servir os melhores quitutes fit da @feeljoy.com.br e a delícia do capuccino proteico do @mundoverdeiguatemipoa faz a gente mais feliz. Rodopiar com um vestido de seda floral da @boutiquemariahelena capaz de traduzir com maestria meu estado de espírito faz a gente mais feliz. Felicidade é encontrar alegria na alegria dos outros; felicidade é a certeza de que a nossa vida não está se passando inutilmente. Obrigada a todas que hoje fizeram meu dia muito, muito mais feliz! ✨🙏🏻❤️
  • Quem nunca aplicou uma dessas?! 👆🏻
  • Me diga se pode existir desgraceira maior do que chegar ao vestiário de natação molhada em cima de um par de chinelos molhados, com o cabelo todo desgrenhado, com o rosto todo marcado dos óculos e ainda ter que pegar a sacola, botar a sacola em cima de um banco, abrir a sacola, retirar os saquinhos plásticos para guardar o maiô encharcado junto com a touca e o óculos, pegar a nécessaire, sair equilibrando toalha, xampu, sabonete e condicionador até o box, sempre pisando naquele chinelo nojento molhado, tomar banho na companhia de fios de cabelos de terceiros, recolher sabonete, condicionador e xampu, secar um por um com a toalha, se enrolar na tolha, voltar pingando até o armário em cima daquele chinelo nojento molhado, abrir o armário, abrir a sacola, guardar o xampu, o condicionador e o sabonete dentro da nécessaire, retirar o pente, desembaraçar o cabelo cuidando para não deixar fios caírem no chão, passar hidratante na volta dos olhos, sérum facial, creme com proteção solar, hidratante corporal, vestir a roupa toda amassada dentro da sacola, sentar no banco com o pé ainda molhado em cima daquele chinelo nojento com fio de cabelo de terceiros grudados na sola, secar dedinho por dedinho, colocar o sapato, secar o chinelo, ensacar o chinelo e terminar a maratona botando os bofes para fora do calorão que sai daquela quantidade de chuveiros quentes e secadores ligados. 
Me diga: pode existir desgraceira maior?!
  • Tenha coragem para as grandes adversidades da vida e paciência para as pequenas, e quando tiver cumprido laboriosamente sua tarefa diária vá dormir em paz. Deus está acordado. (Victor Hugo).