Diário da Mari: “Correr é meditar em ação e enxergar a vida com a devida perspectiva”

Então, você olha para o lado na rua e uma legião de pessoas felizes está lá, de tênis, short, camisetinha e um semblante de satisfação no horizonte. Correm felizes, como se não houvesse amanhã. Como se não existissem dores na coluna, nos joelhos, no calcanhar de Aquiles a cada trote, como se aquela prática fosse o caminho mais curto para chegar ao paraíso.

Woman looking crazy.SÓ QUE NÃO

Comecei a tentar correr há uns quatro anos, quando fui conquistada por todos esses semblantes faceiros de passos largos em busca de menos quilos e mais qualidade de vida. O que aconteceu? A cada nova tentativa, sofria uma coceira absurda nas pernas que me fazia interromper o treino de dois em dois minutos para me esconder atrás das árvores do Parcão e me coçar feito um cão sarnento.

bento1124NÃO TENHO NADA COM ISSO

Sem falar no joelho estropiado, nas três semanas de calcanhar estourado. Começar a correr não é tão simples assim. Não basta calçar um tênis e sair em disparada. Requer treino, fôlego, força, disciplina, persistência e, sobretudo, acompanhamento de um profissional. Desde o dia em que me vi sarnenta e escondida atrás das árvores do Parcão, jurei que não correria nunca mais na vida – nem até a esquina. Porém, fui convencida pelo meu professor e acatei a ideia. Decisão mais acertada impossível.

papaleguasBI BI

Perdi cinco quilos com a corrida, mas a parte física é apenas consequência de um prazer muito maior – a satisfação mental que nos permite enxergar a vida, nossos problemas e contratempos com a devida proporção e perspectiva que eles devem ter. Nem mais nem menos. Trata-se de uma sensação muito similar à meditação. Aliás, pesquisas recentes têm demonstrado que “correr é meditar em movimento”.

1200-woman-running-on-roadOOOOOOMMMMMMM

Estudiosos finlandeses afirmam que correr pode aumentar o número de células cerebrais. Cientistas americanos concluíram que os adeptos da prática tendem a ter maior interação entre as partes do cérebro dedicadas à cognição e ao foco mental. A pesquisa, publicada pelo periódico Frontiers in Human Neuroscience, descobriu que os praticantes mostram conexões cerebrais diferentes daquelas apresentadas por pessoas saudáveis, mas sedentárias. Essas conexões foram identificadas em áreas do cérebro conhecidas por ajudar na cognição sofisticada: memória de trabalho, capacidade multitarefa, atenção, tomada de decisão e processamento de informações sensoriais.

manaELA CORRE 10KM TODOS OS DIAS

bento1124NÃO NOTEI NENHUMA DIFERENÇA

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

1 Comentário

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Juntos somos mais fortes. 💪🏻❤️🙏🏻
  • “Minha amiga Mariana Kalil está com câncer. Não é novidade, ela conta tudo a respeito nas redes sociais, e com pormenores, mas eu a acompanho mais de perto, nós conversamos sempre, estamos em permanente contato. Por dois motivos: por gostar muito da Mariana e para tentar ajudá-la com minha experiência no assunto. Mariana, agora, felizmente superou uma das etapas mais dolorosas desse processo de enfrentamento do chamado “imperador de todos os males”. É a fase das más surpresas, quando você recebe uma notícia tão ruim, que parece inverossímil. O homem é o único animal que sente medo do futuro desconhecido, algo terrível. Mas, ante o perigo real, ante o presente concretamente ameaçador, a mente protege o ser humano lançando-o para fora de si mesmo. É como se a dor não fosse dele.” Linda coluna, @david.coimbra2018 . 
Que nossa experiência sirva sempre pra ajudar mais e mais pessoas a compreender nossa complexidade, mas também toda a nossa força, coragem e determinação de ir em frente. Obrigada, amigo querido. ❤️🙏🏻
  • Ouviram, queridas Alices?! ❤️
  • Cabelo fortalecido para seguir vigorosamente em frente. 💪🏻❤️
  • Há 10 anos aqui estive nesta Terra Santa encontrando minha fé. Agora retorno com meus dois anjos da guarda para reafirmar a certeza de que ela move montanhas. #holyland
  • Cores e sabores de Tel Aviv. #carmelmarket 👌🏻