Elegantemente descomplicado! O que o figurino de Silvana tem a nos ensinar

“Arquiteta bonita e inteligente, que mergulha de cabeça no vício em jogo. Começando nas altas rodas, termina em mesas duvidosas, pondo-se muitas vezes em situações de alto risco”. Quando Lilia Cabral recebeu a sinopse de sua personagem na novela “A Força do Querer”, sabia que tinha pela frente um dos maiores desafios da carreira. Em uma novela em que as personagens femininas roubaram a cena, e que tem data para o the end no próximo dia 20, conseguiu com todo seu talento se destacar na pele de Silvana.

— Venho fazendo personagens de sucesso, mas há tempos não vivia uma popularidade tão grande como agora — disse a atriz em entrevista ao jornal O Globo. — Há um drama por conta do vício, que é trágico. Mas há ainda um lado patético, cômico. Fui ganhando confiança e me sentindo confortável ao inserir humor na minha interpretação. Algumas pessoas sentem pena da Silvana, outras têm raiva.

Aos 60 anos, completados em julho, diz não se preocupar com a idade:

— Não quero ficar mais nova, nem sinto o peso dos 60. Tenho uma forma de pensar muito otimista e nunca forcei a barra com procedimentos, por exemplo. Saber envelhecer é uma forma de alimentar a juventude – acredita.

+ESTILO: Joyce, a campeã de audiência! Figurino de Maria Fernanda Cândido é sucesso total!

Foi com este estilo “me sinto bem com a idade e o corpo que tenho” que Lilia também entrou para a galeria das personagens da novela que mais atenção chamaram por conta do figurino. Os telefonemas de telespectadoras para a Globo a fim de saber detalhes do guarda-roupa de Silvana estão entre os mais insistentes. Pudera. Ela sabe mesclar peças clássicas com um toque de modernidade visto principalmente nas cores, estampas e acessórios. Por conta disso, o guarda-roupa de Silvana, assim como veste uma mulher de 60, poderia muito bem estar inserido no visual de mulheres de 30, 40, 50. Porque é elegantemente simples e moderno.

Vamos ver mais sobre o estilo dela?

silvana2CALÇA PRETA DE ALFAIATARIA + QUIMONO
O grande trunfo da personagem está em mesclar peças clássicas do guarda-roupa, como a calça preta de alfaiataria, com outras mais modernas, como o quimono estampado. É ele que concede ao look esse ar de modernidade que veste qualquer idade. Silvana também ousa na mistura de cores vibrantes, que deixa o look muito mais jovem.

silvana6BRINCO DO DESEJO
O modelo com franjas que ela usou com o look acima bombou os telefones da Globo. Trata-se do Brinco Dado Franja com brilhante, da designer Patricia Goodman. Apenas para mulheres com o poder aquisitivo da personagem: R$ 11,8 mil.

silvana-00VESTIDO MÍDI E MIX DE ESTAMPAS
Outro ponto a favor da arquiteta e que contribui para esse ar de juventude de seu closet é a sabedoria de misturar estampas. Perceba que ela mesclou a padronagem de pedra bruta do tecido do vestido mídi com a maxi carteira listrada. Aliás, máxi carteiras são os acessórios preferidos de Silvana e super chiques para o dia a dia.

silvana3CLÁSSICA PERO NO MUCHO
Outra peça clássica e atemporal do guarda-roupa de mulheres de todas as idades é a saia lápis, que funciona para eventos formais e informais, para o dia e para a noite. De novo, Silvana prefere usar com outra peça de estampas vibrantes, como a camisa de seda.

Silvana ( Lílian Cabral )MACACÃO PB
Simples, versátil e elegante: macacão é a cara da personagem e ela usa este modelo PB de grafismos com decote V

silvana-8JAQUETA BOMBER
De novo, uma dar armas de Silvana: ousar sobre o básico. Elegeu uma jaqueta bomber estampada de seda para colorir o look pretinho básico.

agiota-silvanaCHIQUE E SIMPLES
Neste dia da surpresa do agiota em sua casa, ela vestia um traje simples, porém não menos confortável e chique: saia lápis, scarpin e uma bata de seda na cor tijolo. Veja que a máxi carteira é companheira inseparável.

silvana9FLORAL SEMPRE PRESENTE
A arquiteta usou uma blusa social, mas com um toque tropical, visto na estampa florida com tons de laranja. O modelo é ótimo para os dias de trabalho no verão. De tecido leve, a blusa pode ser combinada com saia ou calças jeans.

artur-meninea-9GOLA ARREDONDADA
Algo que está bastante presente no guarda-roupa da personagem são os casaquetos e jaquetas com a gola redonda, o que possibilita o uso de acessórios próximos ao rosto com destaque, outro estilo que ela adota bastante.

silvana11GOLA ARREDONDADA PARTE 2
O mesmo modelo de gola, agora em jaqueta de couro e usada com colar delicado

liliaA ARQUITETA E SUA FIEL ESCUDEIRA
O lado cômico e a cumplicidade de Silvana e Dita deixarão saudade. Aqui, a arquiteta resume-se ao clássico preto e branco. Blazer branco, aliás, é parceiro de mulheres de todos os estilos e todas as idades. Super investimento.

 

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Jornalista e escritora, Mariana Kalil é diretora de conteúdo do site MK e colunista do programa Band Mulher e da rádio Band News FM. É também autora dos livros "Peregrina de Araque (2011), "Vida Peregrina (2013) e "Tudo tem uma Primeira Vez" (2015), todos publicados pela editora Dublinense. Trabalhou das redações das revistas Época e IstoÉ Gente, dos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil e foi correspondente da BBC na Espanha, onde cursou pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro. Estaremos te esperando, Chiquinho! Repost @chico_sperotto ♥️🐶🌞
  • • KARL LAGERFELD
10.09.1933 - 19.02.2019 🖤
•”Pense rosa. Mas não use".
•”Calça de moletom é sinal de fracasso. Você perdeu o controle sobre sua própria vida e comprou um moletom".
•”Eu acho tatuagem uma coisa horrorosa. É como viver o tempo todo em um vestido Pucci".
•”Meu maior luxo é não precisar me justificar para nenhuma pessoa.”
•”Gosto que tudo seja lavável. Eu mesmo, inclusive.”
•”Personalidade começa onde a comparação termina.”
•”As melhores coisas que fiz na minha vida, as vi nos meus sonhos. É por isso que tenho um caderno de rascunhos na minha cama.”
•”O politicamente correto, a preservação. Eu acho tudo isso extremamente chato.”
•”Coco Chanel jamais teria feito o que eu fiz. Ela teria odiado.”
•”Sou uma pessoa da moda e a moda não é somente sobre roupas. É sobre todos os tipos de mudança.”
•”Eu amo estar de passagem. Nasci em um porto, em Hamburgo. Então minha mãe disse: ‘É a porta do mundo, mas não é mais do que a porta. Portanto, já pra fora!’”.
#ripkarllagerfeld
  • - Dinda, entra no mar comigo?
- A dinda não gosta de mar gelado.
- Eu queria mergulhar com a dinda.
- Então a dinda vai te dar a maior prova de amor do mundo. E tu vai lembrar pra sempre, promete?
- Prometo, dinda.
E assim foi, e a lembrança eterna será de nós dois. #joaobenicio #amordadinda
  • Ensalada de Durazno: pêssego queimado, folhas verdes, queijo de cabra, pistache, cebola roxa e um molho vinagrete indescritível. Autor: @francismallmann @restaurantegarzon 👌🏻♥️🇺🇾 Detalhes no destaque do Stories
  • Leva um tempo até a gente perceber que por trás da figura de mãe existe também uma mulher como nós. Com gostos, desejos, anseios, vontades, expectativas, decepções. Não dizem que são nas viagens que a gente conhece profundamente a essência dos amores e amigos? Pois viagens também contribuem para aproximar mães e filhas no papel de duas mulheres adultas e companheiras. Em nossas viagens, mãe e eu convivemos com nossas imperfeições e fizemos mútuas descobertas – das profundas às mais comezinhas. Ela bebe pouca água; eu vivo com uma garrafa na mão. Ela critica a minha garrafa; eu critico a falta de água no organismo dela. Ela já planeja a Páscoa do ano que vem; eu ainda nem cheguei no próximo Natal. Ela não compreende a minha falta de planos; eu não entendo a ansiedade dela. Ela pensa em voz alta; eu reflito em silêncio. Ela diz pra eu falar alguma coisa; eu suplico que ela cale a boca por cinco minutos. Ela prefere o sol do meio-dia; eu prefiro o ar-condicionado. Ela diz que estou branca feito um bicho da goiaba; eu respondo que ela está laranja feito um nacho de Doritos. Agora estamos de novo aqui, juntas, em viagem, sentadas na grama da praça de José Ignacio. Que bom, né, mãe? Que bom que a vida nos concedeu este prazo para descobrir ainda a tempo o privilégio de passearmos juntas por aí e explorar como adultas esta delicada amizade — e o que existe de melhor em cada uma de nós. ♥️ #amordemãe #amordefilha #viajecomsuamãe
  • Né?! 👌🏻