Ghee: a rainha das manteigas é ótima aliada da saúde e fácil de preparar em casa

Originária da Índia milenar e parte dos princípios da medicina e a nutrição Ayurveda, a manteiga Ghee ganhou notoriedade recentemente como ingrediente gourmet e saudável. Mas o que é a Ghee?

Ghee nada mais é do que uma manteiga comum sem sal, feita a partir de leite de vaca, que sofre um processo de clarificação, ou seja, é aquecida em baixa temperatura para que a gordura pura se separe das toxinas, da água e dos elementos sólidos presentes no leite. Depois deste processo, o que resta é um óleo puro e livre de toxinas e lactose.

Produto do leite de um animal sagrado para os indianos, a Ghee fez parte da cultura do país desde sempre. É adorada por todos por ser um alimento sacralizado, mas também acessível e barato – mesma razão pela qual também foi incorporada às práticas medicinais há séculos. Por ser pura e livre de toxinas, é mais benéfica à saúde do que as manteigas comuns. Pode ser aquecida em altas temperaturas, não fica rançosa e dura meses fora da geladeira, em recipiente fechado.

Além de cozinhar, é possível fazer massagem e aplicar a Ghee na pele, como hidratante, no combate ao ressecamento intenso. Na Ayurveda, é considerada um rejuvenescedor e regenerador e serve de base para as preparações com variados tipos de ervas. Além disso, é utilizada simbolicamente em rituais do hinduísmo como casamentos e funerais.

jar and measuring tablespoon of ghee - clarified butterGHEE, A MANTEIGA CLARIFICADA: UTILIZADA NA CULINÁRIA, SAÚDE E ESTÉTICA

Gastronomicamente falando, a Ghee é parte de boa parte das preparações de origem indiana, como mais um elemento constitutivo do sabor único dessa cozinha oriental. Mas não precisa ser utilizada somente neste tipo de culinária. O nosso filé do jantar especial pode ser grelhado em Ghee, ela pode ser aquecida com ervas e, depois de esfriar, ser deliciosamente espalhada sobre uma baguete crocante, ou ainda integrar a receita de pães e bolos, substituindo a manteiga comum. Seu sabor é mais delicado e ela atinge altas temperaturas rapidamente e sem queimar, o que proporciona uma fritura uniforme.

unnamedLIBERADA PARA INTOLERANTES À LACTOSE: NÃO CONTÉM PARTÍCULAS DO LEITE

Além de resultar em preparações saborosas, cozinhar com ghee também é mais saudável. Em seu processo de clarificação, a lactose e as partículas sólidas do leite são eliminadas – o que significa que os intolerantes podem comer Ghee à vontade (sempre depois de consultar um nutricionista, claro). Por ser pura, também não tem muitas das toxinas presentes nas manteigas comuns, além de não possuir sal. Mas atenção: apesar de ser mais saudável do que as suas primas, a ghee continua sendo uma gordura, que pode engordar e alterar níveis de lipídios ruins no sangue, caso seja ingerida em excesso. Como nos ensina a Ayurveda, todo o excesso pode nos prejudicar.

ghee-recGHEE CASEIRA: SOLUÇÃO MAIS ECONÔMICA PARA COZINHAR COM SAÚDE

Prepare em casa a sua Ghee
Cozinhar com a rainha das manteigas pode ser um desafio. Ao contrário da Índia, onde o ingrediente é acessível a todos por um baixo custo, por aqui a iguaria vale ouro. Encontrada em alguns supermercados e em empórios especializados em gastronomia, a Ghee pode custar uma pequena fortuna, desencorajando o uso. Mas, calma. Há uma alternativa. Você pode clarificar sua manteiga em casa, preparando sua Ghee caseira e garantindo uma alimentação com uma fonte de gordura mais saudável e muito saborosa.

Como fazer
1)
Reserve a quantidade desejada de manteiga comum, sem sal, em temperatura ambiente.
2) Coloque a manteiga em uma panela, em fogo baixo ou banho-maria, até derreter e levantar fervura. Você vai ver que uma espuma se forma quando a manteiga começa a ferver. Depois de uns minutos, esta primeira espuma baixa e uma segunda se forma. Neste momento, desligue o fogo e retire toda a espuma com uma escumadeira.
3) Espere esfriar. Você vai ver que uns cristais se formam no fundo da panela quando a manteiga fervida começa a esfriar. Aquilo é a lactose e as partículas sólidas do leite que se cristalizam.
4) Quando estiver frio, coe em um pano limpo ou em uma gaze, para separar os sólidos e guardar somente o óleo que restou do processo. Guarde em um recipiente de vidro, fora da geladeira (duração de três meses) ou dentro (válida até dois anos).

No canal do blog Emagrecer Certo, há um vídeo rápido, explicativo e muito simples ensinando a preparar a ghee. Dá uma olhada!

Compartilhar
1 Comentário

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro. Estaremos te esperando, Chiquinho! Repost @chico_sperotto ♥️🐶🌞
  • • KARL LAGERFELD
10.09.1933 - 19.02.2019 🖤
•”Pense rosa. Mas não use".
•”Calça de moletom é sinal de fracasso. Você perdeu o controle sobre sua própria vida e comprou um moletom".
•”Eu acho tatuagem uma coisa horrorosa. É como viver o tempo todo em um vestido Pucci".
•”Meu maior luxo é não precisar me justificar para nenhuma pessoa.”
•”Gosto que tudo seja lavável. Eu mesmo, inclusive.”
•”Personalidade começa onde a comparação termina.”
•”As melhores coisas que fiz na minha vida, as vi nos meus sonhos. É por isso que tenho um caderno de rascunhos na minha cama.”
•”O politicamente correto, a preservação. Eu acho tudo isso extremamente chato.”
•”Coco Chanel jamais teria feito o que eu fiz. Ela teria odiado.”
•”Sou uma pessoa da moda e a moda não é somente sobre roupas. É sobre todos os tipos de mudança.”
•”Eu amo estar de passagem. Nasci em um porto, em Hamburgo. Então minha mãe disse: ‘É a porta do mundo, mas não é mais do que a porta. Portanto, já pra fora!’”.
#ripkarllagerfeld
  • - Dinda, entra no mar comigo?
- A dinda não gosta de mar gelado.
- Eu queria mergulhar com a dinda.
- Então a dinda vai te dar a maior prova de amor do mundo. E tu vai lembrar pra sempre, promete?
- Prometo, dinda.
E assim foi, e a lembrança eterna será de nós dois. #joaobenicio #amordadinda
  • Ensalada de Durazno: pêssego queimado, folhas verdes, queijo de cabra, pistache, cebola roxa e um molho vinagrete indescritível. Autor: @francismallmann @restaurantegarzon 👌🏻♥️🇺🇾 Detalhes no destaque do Stories
  • Leva um tempo até a gente perceber que por trás da figura de mãe existe também uma mulher como nós. Com gostos, desejos, anseios, vontades, expectativas, decepções. Não dizem que são nas viagens que a gente conhece profundamente a essência dos amores e amigos? Pois viagens também contribuem para aproximar mães e filhas no papel de duas mulheres adultas e companheiras. Em nossas viagens, mãe e eu convivemos com nossas imperfeições e fizemos mútuas descobertas – das profundas às mais comezinhas. Ela bebe pouca água; eu vivo com uma garrafa na mão. Ela critica a minha garrafa; eu critico a falta de água no organismo dela. Ela já planeja a Páscoa do ano que vem; eu ainda nem cheguei no próximo Natal. Ela não compreende a minha falta de planos; eu não entendo a ansiedade dela. Ela pensa em voz alta; eu reflito em silêncio. Ela diz pra eu falar alguma coisa; eu suplico que ela cale a boca por cinco minutos. Ela prefere o sol do meio-dia; eu prefiro o ar-condicionado. Ela diz que estou branca feito um bicho da goiaba; eu respondo que ela está laranja feito um nacho de Doritos. Agora estamos de novo aqui, juntas, em viagem, sentadas na grama da praça de José Ignacio. Que bom, né, mãe? Que bom que a vida nos concedeu este prazo para descobrir ainda a tempo o privilégio de passearmos juntas por aí e explorar como adultas esta delicada amizade — e o que existe de melhor em cada uma de nós. ♥️ #amordemãe #amordefilha #viajecomsuamãe
  • Né?! 👌🏻