Ideias para economizar e não ter que abrir mão de viajar. Partiu?

Não dá para negar: a crise econômica e a alta do dólar fizeram com que muitas pessoas ficassem receosas com os planos de viajar nesse final de ano. De acordo com a mais recente pesquisa Sondagem do Consumidor, realizada mensalmente pelo Ministério do Turismo, houve queda de 9,2%na intenção de viagem do brasileiro para os próximos seis meses, em comparação com o registrado em outubro do ano passado, quando esse índice era de 31,6%.

Apesar do cenário econômico não tão favorável, ainda é possível planejar uma viagem e aproveitar o verão. Com um pouquinho de criatividade e, principalmente, uma mãozinha da tecnologia, dá para organizar tudo com facilidade e economizar. Confira abaixo algumas dicas que vão te ajudar a conhecer mais um cantinho precioso nas próximas férias.

flighttoindiaECONOMIA COM PASSAGEM DE AVIÃO

Em tempos de economia apertada, as companhias aéreas têm feito muitas promoções para evitar que as aeronaves decolem com lugares vazios, mas pesquisar continua sendo fundamental para garantir o melhor negócio. Para tornar essa tarefa mais simples, a dica é utilizar comparadores online. O Voopter, por exemplo, permite pesquisar várias opções de datas para ida e volta simultaneamente, o que agiliza o processo e mostra qual é a combinação mais barata. Além disso, também é possível cadastrar um alerta que avisa caso outro usuário encontre um bilhete no valor desejado. Esse fator colaborativo ajuda a contornar a constante variação nos preços das passagens aéreas. Outra dica é comprar com antecedência, até três meses antes. Quanto mais próximo da data, menos chances de encontrar algo em conta.

OSPEDEECONOMIA NA HOSPEDAGEM

Estar aberto à novas experiências pode ajudar a gastar menos com acomodação. Uma boa opção para isso é o Airbnb, que conecta viajantes a anfitriões, em mais de 34 mil cidades no mundo. Com anúncios que vão de apartamentos convencionais, até casas na árvore e castelos, a comunidade atende os mais diversos perfis de pessoas e de bolsos. No Brasil é possível viajar a capitais, cidades do interior e praias se hospedando pela plataforma. Uma casa em Ilha Bela pode sair por menos de R$ 251 a diária para dois.

MARI KALIL: Uma semana de paz em Dubrovnik

Um loft em Salvador, que acomoda quatro pessoas, por R$ 150 o dia, ou, ainda, um quarto na enseada de Botafogo no Rio de Janeiro por R$ 185 a diária para três pessoas. Outra vantagem é a troca cultural. Ao se hospedar na casa de um local, é possível conhecer mais de perto os costumes do lugar, além de fazer novos amigos. A segurança é uma questão importante e, por essa razão, o Airbnb disponibiliza aos usuários mais de 40 ferramentas de segurança e conta com um seguro de R$ 3 milhões para seus anfitriões.

turismo-em-tiradentesECONOMIA NO ROTEIRO DE PASSEIOS

Se programando antes, dá para aproveitar muitas atrações interessantes, sem gastar um centavo. As opções são várias, e novamente, a tecnologia e o Google podem ajudar nessa tarefa. Procure por “passeios gratuitos” + “nome da cidade”. As secretarias de turismo ou organizações de bairro de vários locais, por exemplo, oferecem passeios guiados livremente. Fora isso, há muitos museus pelo mundo com entrada grátis. Mesmo aqueles em que é necessário pagar, quase sempre disponibilizam um dia da semana ou do mês sem cobrança de ingresso. Alguns lugares também têm intensa programação cultural, com shows e apresentações, totalmente de graça. Outra dica para se atualizar sobre eventos da cidade, é verificar a agenda cultural no jornal local.

0123ECONOMIA NAS REFEIÇÕES

Você não precisa ir à restaurantes caros para provar a culinária do lugar. Feiras e mercados locais são ótimos para isso porque saem mais em conta, além de serem uma ótima opção de passeio. Outra forma de conhecer pratos típicos e costumes por um bom custo-benefício é fechar um jantar no EatWith ou Dinneer, plataformas online nas quais moradores locais oferecem refeições completas, aulas de culinária e tours gastronômicos. Além de tudo, ainda dá para fazer novas amizades.

estação-de-metrô-por-foraECONOMIA NO TRANSPORTE

Muitos destinos no Exterior contam com várias opções de transporte público de qualidade, como ônibus, trem, metrô, shuttle – do aeroporto para o centro e, consequentemente, não vale a pena pagar um táxi ou traslado privativo. Em grandes cidades da Europa ou em Nova York, por exemplo, é possível comprar passes para fazer viagens ilimitadas durante o período da sua estadia. Além de economizar dinheiro, você também ganha tempo, fugindo do trânsito. Para facilitar ainda mais a vida no transporte público, uma dica é usar o aplicativo Moovit. Disponível para várias cidades do Brasil e do mundo, ele informa rotas de ônibus, trens e metrôs, além de mostrar, em tempo real, o horário da condução.

placeholder-shoppingECONOMIA NAS COMPRAS

Embora ainda não seja muito popular no Brasil, a cultura dos cupons de desconto é muito forte nos Estados Unidos e pode garantir uma economia significativa para quem, apesar da crise, quer fazer compras. Uma dica é entrar nos sites dos outlets que serão visitados e se cadastrar para receber os cupons, outra maneira é utilizar aplicativos, como o The Coupons App. No Brasil, é possível recorrer a plataformas como o Peixe Urbano para conseguir descontos em restaurantes, bares, produtos e outras categorias. Fora isso, ainda vale o velho e bom hábito de pechinchar.

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

2 Comentários

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Quem me conhece de toda uma vida sabe que palavrão é algo que não sai da minha boca de lady. Mas, né? Vamos combinar! 😂😂😂 #humor #bepositive
  • Baba, mami e meu bolinho de aniversário de 1 ano. Sempre com a certeza de ainda muitos e muitos outros de vida. ✨ Londres, 19/12/1973. #tbt❤️
  • Meu pai, meu norte, minha serenidade, minha calmaria, meu aconchego, meu alicerce, minha certeza, minha paz, minha alma. Meu baba, minha estrutura, minha vida. ❤️
  • À sombra dos Trompetes dos Anjos. #angelstrumpet #gettygarden #gettymuseum
  • Sob a luz do entardecer no Píer de Santa Monica, a confiança de que está tudo em seu devido lugar. ✨ #sunshine #vibration #california #bepositive
  • Foco, força, fé e meus dois anjos da guarda. #baba #mami #bepositive