Look total jeans é companhia em qualquer lugar. AMIGA MARI mostra como usar com charme

Minha peça de roupa preferida? Jeans. A única peça que eu não dou nem vendo? Jeans. O que uso 362 dias por ano, seja no trabalho, durante a semana ou fim de semana? Jeans. Tenho uma relação emocional com meus jeans – calças, shorts, camisas e jaquetas. Me remetem a momentos, a histórias a instantes que um dia vivi. Me deixam segura. São a extensão da minha personalidade básica.

Acho o jeans uma invenção genial. Sem dúvida, a peça mais democrática de um guarda-roupa. Jeans vai ao trabalho, à festa, ao parque, ao aniversário infantil. Só não comparece (ainda!) a um evento de gala. Mas quer saber? Qualquer dia, Karl Lagerfeld vai resolver sugerir tal moda (como fez com o tênis fora das academias) e então vocês verão uma avalanche de jeans nos red carpets da vida. Podem esperar!

Jeans combina com essas camisetas brancas, pretas, cinzas e coloridas que a gente tem no armário. Basta um blazer, uma jaquetinha, um casaqueto e pronto. Vá onde quiser e bem entender. Combina com colete, com tricô, moletom, blazer de alfaiataria. Não é o suprassumo da liberdade? Eu acho. Com um sapato e uma bolsa bacanas, está feito o look. A tendência do momento é jeans + jeans. Por isso a camisa, o casaco, a jaqueta jeans estão tão em evidência.

jeans1JEANS + JEANS: CHIQUE ATÉ O ÚLTIMO
Com scarpin, então, eu amo de paixão!

jeans2JEANS + JEANS: MODELAGENS DIVERSAS
Com skinny ou boyfriend, tudo depende de conhecer nosso estilo!

Considero o jeans uma super peça investimento, já que é o coringa para todas as horas. Não só a calça jeans, mas todas as outras peças com o material. Ideias para usar? Foi o que Amiga Mari preparou! Fui em busca de looks e inspirações para colocar logo esta tendência em prática. Vem ver!

Minissaia jeans é peça super feminina e fica linda com sapatilha, oxford ou mocassim para quem não curte muito o salto
Minissaia jeans é peça super feminina e fica linda com sapatilha, oxford ou mocassim para quem não curte muito o salto
Camisa mais larguinha com nó e jeans destroyed. O toque mais arrumado fica por conta da bolsa pequena e do scarpin
Camisa mais larguinha com nó e jeans destroyed. O toque mais arrumado fica por conta da bolsa pequena e da sandália de tiras delicada
Quando a calça é mais justinha, a camisa oversized com sandália é ótima opção
Quando a calça é mais justinha, a camisa oversized com sandália de tiras e salto mais grosso é ótima opção
Sempre o scarpin: ele é ótimo aliado para dar um toque mais elegante ao visual total jeans
Sempre o scarpin: ele é ótimo aliado para dar um toque mais elegante ao visual total jeans. No verão, a padronagem clarinha do jeans e o scarpin branco combinam com a estação
Saia jeans de cintura alta com camisa jeans substitui qualquer conjunto de alfaiataria. Boa ideia para quem trabalha em ambiente corporativo
Saia jeans de cintura alta com camisa jeans substitui qualquer conjunto de alfaiataria. Boa ideia para quem trabalha em ambiente corporativo. A sandália nude vazada ajuda a alongar as pernas
Look chic no verão? Basta uma sandália bacana e uma carteira de mão. O jeans logo perde a pegada muito esportiva
Look chic no verão? Basta uma sandália bacana e uma carteira de mão. O jeans logo perde a pegada muito esportiva
Para um momento mais descontraído, a saia jeans também funciona com tênis
Para um momento mais descontraído, a saia jeans também funciona com tênis. Repara só que ela, além de saia e camisa jeans, ainda carrega uma jaqueta denim! A bolsa de mão mais formal faz contraponto com o tênis. Fica muito bacana!
Nem com nó, nem por dentro da calça: camisa jeans por fora + scarpin também funciona muito bem
Nem com nó, nem por dentro da calça: camisa jeans por fora + scarpin também funciona muito bem. Pra dar um up, use um maxi brinco ou maxi colar!
Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.

Comentários fechados

Facebook

Instagram
  • Mais uma etapa vencida; mais três corações explodindo de felicidade de voltar pra casa. Em frente. 👊🏻 #bepositive
  • Uma ideia criativa de servir pão (vou imitar) y otras delícias do Bell Café: couve-flor, kebab e húmus (sempre ele!). #telavivfood 😋
  • Se você não vem comigo, nada disso tem valor. De que vale o paraíso sem amor? Se você não vem comigo, tudo isso vai ficar. No horizonte esperando por nós dois.
  • Meu maior e mais soberano amor. ❤️
  • Juntos somos mais fortes. 💪🏻❤️🙏🏻
  • “Minha amiga Mariana Kalil está com câncer. Não é novidade, ela conta tudo a respeito nas redes sociais, e com pormenores, mas eu a acompanho mais de perto, nós conversamos sempre, estamos em permanente contato. Por dois motivos: por gostar muito da Mariana e para tentar ajudá-la com minha experiência no assunto. Mariana, agora, felizmente superou uma das etapas mais dolorosas desse processo de enfrentamento do chamado “imperador de todos os males”. É a fase das más surpresas, quando você recebe uma notícia tão ruim, que parece inverossímil. O homem é o único animal que sente medo do futuro desconhecido, algo terrível. Mas, ante o perigo real, ante o presente concretamente ameaçador, a mente protege o ser humano lançando-o para fora de si mesmo. É como se a dor não fosse dele.” Linda coluna, @david.coimbra2018 . 
Que nossa experiência sirva sempre pra ajudar mais e mais pessoas a compreender nossa complexidade, mas também toda a nossa força, coragem e determinação de ir em frente. Obrigada, amigo querido. ❤️🙏🏻