Melhor estreia de mano impossível

Estou um zumbi neste domingo acalorado de Gre-Nal, que, para mim, pouco importa quem vai ganhar, perder ou empatar. Não sou uma coisa nem outra – declaração esta que deixa minha irmã doente, uma vez que ela acha um desaforo com nosso querido pai, que sempre nos levou ao Estádio Olímpico quando éramos crianças e “agora só porque tu casou com um colorado vem com esse discursinho ridículo”.

HS2598NHÉ NHÉ NHÉ NHÉ

A única interferência que o Gre-Nal terá hoje na minha vida é que meu marido colorado resolveu assar um cordeiro para o meu pai gremista na nossa casa com o pretexto de verem o jogo. Ou seja: inevitavelmente, a televisão estará ligada, ficarei a par do que acontecerá em campo, mas muuuuuito mais a par do que aparecerá no meu prato.

03mulher-nova-gritando-feliz-thumb89432486CORDEIRO COM SALADA DE CEBOLA

poll_xlarge.jpeg1_11NHAM NHAM

Nham nham nham eu fiz ontem ao sentar à mesa do meu querido Press da Hilário. Desde que comi a pizza mais maravilhosa de Porto Alegre, relatada no post Antes de chegar a BH, foi só nela que andei pensando. Ontem, tínhamos um casamento e achamos por bem beliscar uma coisinha antes de ir. Logo pensamos no carpaccio e na pizza do Press.

Olha o carpaccio!

press carpacioOOOOOOOOOHHHHHHH!
Muuuuuuuito bem temperadinho!!!

Olha a pizza!!

press pizza inteiraOOOOOHHHHHHHH!!!!
Estou salivando! Olha a rúcula cortadinha em cima, por favooor!!

press croc 1OOOOOHHHHHHH!!!
O croc croc croc mais de pertinho!!!

press croc 2OOOOOHHHHHHH!!!!
Olha o bacon beeeem crocantezinho, por favor!!!
É muito suave, é muito croc!!

Eu precisava me declarar com essas fotos (que fiquei devendo no post anterior) para o carpaccio e para a pizza do Press. Agora preciso ir. Sim, eu estou trabalhando neste domingo enquanto meu excelentíssimo marido prepara o cordeiro. Agora tenho que voar para casa para ajudá-lo. Ele já me contou que o animal está dando mortal de costas na frente da churrasqueira e não está nem aí para o jogo.

bento clássicaSOU CORINTHIANO

Ah, não! Pra terminar, falando em mano. Ontem, saímos para caminhar e para o animal fazer sua estreia com o colar de mano. O animal nasceu com a quina virada pra lua mesmo. Porque no dia da estreia do colar de mano quem a gente encontra no caminho!? E quem puxa conversa com o animal?

Olha!!

ZC2ZECA PAGODINHO!!!
Olha o Zeca conversando com o animal!
O animal estava contando para o zeca que estreava seu colar de mano!

Agora, poooor favor… Olha a cara de satisfação do animal depois de ter contado sobre o colar de mano e com o colar de mano reluzente no pescoço!

ZC3HAAAAAAAAHAHAHAHAHAHAHAHA!!!!

E com esta sensacional imagem eu me despeço neste domingo para meu merecido cordeiro com cebola!

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Jornalista e escritora, Mariana Kalil é diretora de conteúdo do site MK e colunista do programa Band Mulher e da rádio Band News FM. É também autora dos livros "Peregrina de Araque (2011), "Vida Peregrina (2013) e "Tudo tem uma Primeira Vez" (2015), todos publicados pela editora Dublinense. Trabalhou das redações das revistas Época e IstoÉ Gente, dos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil e foi correspondente da BBC na Espanha, onde cursou pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona.

Sem comentários ainda.
  1. Olha só a carinha de faceiro do Bento!
    Está fazendo ainda mais sucesso com esse colar
    Ah,Mari,depois conta para nós como estava o cordeiro hehe
    Bjos

  2. Sei que não é bom trabalhar no domingo, que tu mereces um descanso e tal. Principalmente depois desta semana cheia de fortes emoções. Mas não posso negar que fiquei mega feliz em ver que tu havias passado por aqui pra nos deixar um recado. ;) Bom domingo!

  3. Ninguém mais vai aguentar o Bento. Mas que ele ficou sofisticado, ficou. Aqui em casa tbm amamos cordeiro. Meu marido adora quando faço geleia de pimentão vermelho para degustar junto. Bom descanso e abç no animal.

  4. Mariana… acabei de ler teu livro… A-M-E-I …!
    Tu consegue nos lembrar todos os dias o quanto a vida é simples e gostosa de ser vivida!!
    Te espero em Santa Maria…
    bj
    bom domingo

  5. Passo por isso tooodo grenal! Também casei com um colorado…
    Adorei a matéria ” feliz sem filhos”! Abordou todos os pontos, as perguntas chatas, respostas mais chatas ainda. foi ótimo saber a experiência de quem não pode mais mudar de idéia. E foi ótimo o resultado das pesquisas sobre QI…( sem querer desmerecer as mães, mas gostei!). Espero que muitos leiam e mudem seus conceito. Talvez um dia as pessoas parem de se importar tanto com a intimidade dos outros. Obrigada, Mari! Bj!

  6. Oi Mariana,
    Também gostei muito da matéria de capa da Donna deste domingo. Achei muito corajoso falar de um assunto tão polêmico. Apesar de querer ter filhos, respeito muito quem não quer. Acredito que existem outras formas, além da maternidade, de a mulher se realizar e ser feliz. Falando em Press, a confeitaria do Press, na Lucas, é tudo de bom! O que é a primeira foto do Bentinho c/ o Zeca…sem comentário…estão que é só alegria.
    Bom findi!

  7. ADOREI as caras de felicidade de todos! O Zeca é tudo de bom, além da boa música, é um cara super acessível. Encontrei com ele uma vez, a long time ago, dentro de um avião vindo do RJ pra POA e não me contive, na maior cara de pau levantei e fui à luta: “posso tirar uma foto contigo? sou tri tua fã”! E ele, na maior simpatia, fez várias poses…E o colar de mano do Bento é muito “style”, amei! Beijos pra vcs.

  8. Oi Mari! A cara de feliz do Bento é algo! Que coincidência vocês encontrarem o Zeca!
    Achei muito engraçada tua frase “tínhamos um casamento, então achamos por bem beliscar”!
    Mari, tenho uma pergunta e uma dica de assunto pro teu blog, tudo num só: tu faz limpeza de pele e outros tratamentos estéticos? Tem lugares bons em PoA para indicar?
    Um beijo!

  9. Oi Mari, fiquei emocionada! Meus dois ídolos juntos: Zeca e Bento. E o teu marido é um gatão Mari, formam um trio muito bonito. Há não se esqueça que não é mais para chamar o Bento de animal, depois de escrever livro, andar com colar de mano e ter um papo cabeça com o Zeca? Dá mais não.

    Bjos.

  10. Legal esse assunto, Drica! Faço, sim. Menos do que gostaria. Estou o dia inteiro numa reunião fora da redação. Quando chegar em casa de noite eu faço. Bjo. MK

  11. Mariana, quero que saibas: tu és a culpada de eu estar parecendo um zumbi hoje! Além de estar toda errada por causa do começo do horário de verão, comecei a ler teu livro e esqueci de dormir!! Quando vi, eram quase 2h da madrugada! Me obriguei a parar na metade, morrendo de vontade de ler até o fim. E a próxima noite haverá outro serão. Tudo culpa tua! Amanhã, estarei novamente de arrasto, por tua causa…
    Mas vale a pena! O livro é sensacional!! Lindo, leve e solto…
    Beijão e boa semana!
    Gabi.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro. Estaremos te esperando, Chiquinho! Repost @chico_sperotto ♥️🐶🌞
  • • KARL LAGERFELD
10.09.1933 - 19.02.2019 🖤
•”Pense rosa. Mas não use".
•”Calça de moletom é sinal de fracasso. Você perdeu o controle sobre sua própria vida e comprou um moletom".
•”Eu acho tatuagem uma coisa horrorosa. É como viver o tempo todo em um vestido Pucci".
•”Meu maior luxo é não precisar me justificar para nenhuma pessoa.”
•”Gosto que tudo seja lavável. Eu mesmo, inclusive.”
•”Personalidade começa onde a comparação termina.”
•”As melhores coisas que fiz na minha vida, as vi nos meus sonhos. É por isso que tenho um caderno de rascunhos na minha cama.”
•”O politicamente correto, a preservação. Eu acho tudo isso extremamente chato.”
•”Coco Chanel jamais teria feito o que eu fiz. Ela teria odiado.”
•”Sou uma pessoa da moda e a moda não é somente sobre roupas. É sobre todos os tipos de mudança.”
•”Eu amo estar de passagem. Nasci em um porto, em Hamburgo. Então minha mãe disse: ‘É a porta do mundo, mas não é mais do que a porta. Portanto, já pra fora!’”.
#ripkarllagerfeld
  • - Dinda, entra no mar comigo?
- A dinda não gosta de mar gelado.
- Eu queria mergulhar com a dinda.
- Então a dinda vai te dar a maior prova de amor do mundo. E tu vai lembrar pra sempre, promete?
- Prometo, dinda.
E assim foi, e a lembrança eterna será de nós dois. #joaobenicio #amordadinda
  • Ensalada de Durazno: pêssego queimado, folhas verdes, queijo de cabra, pistache, cebola roxa e um molho vinagrete indescritível. Autor: @francismallmann @restaurantegarzon 👌🏻♥️🇺🇾 Detalhes no destaque do Stories
  • Leva um tempo até a gente perceber que por trás da figura de mãe existe também uma mulher como nós. Com gostos, desejos, anseios, vontades, expectativas, decepções. Não dizem que são nas viagens que a gente conhece profundamente a essência dos amores e amigos? Pois viagens também contribuem para aproximar mães e filhas no papel de duas mulheres adultas e companheiras. Em nossas viagens, mãe e eu convivemos com nossas imperfeições e fizemos mútuas descobertas – das profundas às mais comezinhas. Ela bebe pouca água; eu vivo com uma garrafa na mão. Ela critica a minha garrafa; eu critico a falta de água no organismo dela. Ela já planeja a Páscoa do ano que vem; eu ainda nem cheguei no próximo Natal. Ela não compreende a minha falta de planos; eu não entendo a ansiedade dela. Ela pensa em voz alta; eu reflito em silêncio. Ela diz pra eu falar alguma coisa; eu suplico que ela cale a boca por cinco minutos. Ela prefere o sol do meio-dia; eu prefiro o ar-condicionado. Ela diz que estou branca feito um bicho da goiaba; eu respondo que ela está laranja feito um nacho de Doritos. Agora estamos de novo aqui, juntas, em viagem, sentadas na grama da praça de José Ignacio. Que bom, né, mãe? Que bom que a vida nos concedeu este prazo para descobrir ainda a tempo o privilégio de passearmos juntas por aí e explorar como adultas esta delicada amizade — e o que existe de melhor em cada uma de nós. ♥️ #amordemãe #amordefilha #viajecomsuamãe
  • Né?! 👌🏻