A “gordura” da Miss Canadá e o caminho para uma vida com menos julgamento

A linda dentista francesa Iris Mittenaere, de 24 anos, é a nova Miss Universo. Pronto. Esta é toda a relevância que o mundo deu à coroação, que ocorreu na noite do último domingo em Manila, capital das Filipinas. O que pautou o assunto no mundo todo antes mesmo da escolha da mulher mais bela foram as medidas da Miss Canadá, Siera Bearchell, uma estudante de Direito e empresária de 23 anos que arrebanhou uma multidão de fãs indignados com as alfinetadas que ela recebeu por ter um corpo dito “fora dos padrões” do Miss Universo.

siera-bearchell-miss-canada-f-950x0-3MISS CANADÁ EM DESFILE DE BIQUÍNI: “FORA DOS PADRÕES”

E aí você, leitora, que está agora diante desta tela, pensa exatamente o mesmo que nós. Pelo amor de Deus, de onde tiraram que essa pessoa está fora dos padrões? Ela é nada além de MA-RA-VI-LHO-SA, tem um corpo escultural, é simpática, inteligente, engajada, além de ter dado as melhores respostas aos inconvenientes que a indagaram sobre sua forma física – que aliás, é perfeita. A um repórter que a questionou sobre como se sentia ao perceber-se maior do que todas as suas concorrentes, ela respondeu com uma respeitável e elegantíssima sambada na cara do desavisado entrevistador. Em livre tradução, a resposta, postada no Instagram de Siera (@sierabearchell) foi mais ou menos assim:

– Como me sinto por ser eu mesma? Como é sentir-me confiante com quem eu sou? Como é a sensação de realizar o meu sonho de representar o Canadá no palco do Miss Universo? Como é a sensação de ser uma modelo para tantas mulheres jovens que lutam para encontrar alguém em quem se inspirar? Como é a sensação de redefinir a beleza? Minha resposta: me sinto ótima.

2017-01-19_15_33_20_siera-bearchell-miss-canada-2016NO DESFILE DE MAIÔ E EM FOTO OFICIAL DO MISS UNIVERSO: “ME SINTO ÓTIMA”

Siera tem um senso de coragem e um temperamento que a permitiram sobrevoar acima dessa nuvem de julgamento, descortesia, deselegância e preconceito. Talvez Siera seja mesmo um fato novo, um personagem capaz de contradizer a velha e cruel indústria da beleza, a que estabelece padrões que nem as misses são capazes de atingir sem autoflagelação, sofrimento e frustração.

A Miss Canadá, não somente por si própria mas também pelo apoio que foi capaz de arrebanhar entre seus compatriotas e entre admiradores ao redor do mundo, talvez seja aquela engrenagem que, apesar de fazer parte da máquina que movimenta o sistema, também terá o poder de corroê-lo a partir de dentro.

ELA NÃO LEVOU A COROA DE MAIS BELA DO MUNDO, MAS GANHOU UMA LEGIÃO DE FÃS AO REDOR DO MUNDO

Por ser tão linda e carismática, a escrotice de quem a julgou ficou ainda mais evidente. Fiquemos apenas com o já comentadíssimo exemplo brasileiro, em que os apresentadores da transmissão do Miss Universo na Band, o ator Cássio Reis e o estilista Raphael Mendonça, não pouparam ironias – Cássio chegou a dizer que ela estaria ali por um sistema de cotas. E, mais triste ainda, a ex-miss Brasil Renata Fan comentou que aquela mulher não estava de acordo com os padrões de beleza nos quais ela própria acreditava.

canada-tem-23-anos-e-se-chama-sie-950x0-2EM TRAJE DE GALA: MOTIVO DE CHACOTA DOS APRESENTADORES BRASILEIROS

A polêmica em torno da inquestionável beleza da Miss Canadá encontra seu ponto mais profundo na questão: por que as mulheres, ainda hoje, submetem-se ao julgamento alheio para que um grupo, seja ele qual for, afiance a sua beleza física? Por que ainda precisamos que algum ator ou estilista nos diga que somos ou não belas, que nossos corpos estão ou não de acordo com um padrão aceitável? Por que aceitamos que nos digam que a parcela de admiração que nos coube chegou por cotas? Por que uma mulher aponta o dedo para outra, à procura de medidas, de padrões?

Talvez Siera seja o começo de uma nova consciência, de uma nova construção do significado do feminino. Talvez ela tenha se submetido ao cruel julgamento alheio menos por vaidade e mais por generosidade, para nos dizer que não precisamos que nos digam o quanto somos lindas. E que um corpo magro é apenas um, entre os tantos e tantos aspectos do que nos faz verdadeiramente mulheres.

MESMO “FORA DOS PADRÕES, FINALISTA ENTRE AS 13 MAIS BELAS

Mas também pode ser que ela nem tenha pensado sobre tudo isso. O fato é que a figura de Siera será lembrada todas as vezes em que uma menina for humilhada por um jurado ou por um preparador de elenco, em função da circunferência da sua cintura ou das espinhas em sua pele; toda vez em que uma criança for obrigada a passar horas ensaiando os passos sobre um salto alto, antes de um desfile; todas as vezes em que uma garota for chamada de imensa por que a formação natural de seu corpo não permite que ela vista uma calça 36; toda a vez em que uma mulher madura achar normal e aceitável ser posta em segundo plano, quando outra mais jovem aparece.

Ainda não chegou o momento em que a sociedade vai parar de julgar as mulheres – e os seres humanos em geral, pela sua aparência. E ainda não chegou o momento em que as próprias mulheres entenderão a verdadeira origem da sua beleza. Mas já chegou o momento em que a linda Miss Canadá é muito mais popular e comentada do que a própria Miss Universo. A francesa cujo nome já não lembramos pode carregar a coroa. Mas o Universo, este já pertence a Siera Berchaell.

  • Patrícia Lima, autora deste texto, é jornalista e Mestre em Literatura Brasileira pela UFRGS. Organizadora do livro Inquéritos em Contraste, reunião de crônicas e reportagens inéditas do escritos João Simões Lopes Neto.
Compartilhar
mariana kalil

mariana kalil

Jornalista e escritora, Mariana Kalil é diretora de conteúdo do portal MK. É autora dos livros "Peregrina de Araque - Uma Jornada de Fé e Ataque de Nervos no Oriente Médio" (2011), "Vida Peregrina - Uma Jornada de Desequilíbrios, Tropeços e Aprendizado" (2013) e "Tudo tem uma Primeira Vez" (2015), todos publicados pela editora Dublinense. Trabalhou das redações das revistas Época e IstoÉ Gente, dos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil e foi correspondente da BBC na Espanha, onde cursou pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. Dona do Bento, da Papaqui e tia da Olivia, vive em Porto Alegre ao lado do marido e dos peludos. Escreve diariamente na seção Por Aí, que funciona como uma espécie de blog e diário do site, e também nas outras seções do portal MK.

5 Comentários
  1. Assisti o concurso pela TNT e a Domingas Person e Natália Guimarães foram extremamente elegantes e só elogiariam a Miss Canadá pela postura no concurso e por estar “fora dos padrões”. A Natália disse que 99% das misses não tem o físico do dia do concurso e há muito esforço para desfilarem naquela forma física.

  2. As pessoas que fizeram esses comentários ridículos pra não dizer outra coisa sobre a miss Canadá São toupeiras de baixo intelecto que nem sabem o que é ser e estar bonito,não pensam por si mesmas não tem opinião própria é só querem dar uma de entendido,chamar a atenção. Para esse tipo de pessoas o padrão de beleza ideal principalmente para miss é ser magérrima de corpo e. Para combinar de inteligência. Miss Canadá perfeita.Parabéns Mariana amei seu comentário, sua postura

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • E assim, de cantinho e fazendo mistério, a primeira Maricota dá o ar da graça ♥️🙌🏻👏🏼 A partir deste sábado, em cinco cores e na @ppacessorios perto de você! #maricota #maricotas #bolsaMK
  • O #tbt desta quinta é do xerife: Bento, 2 aninhos e o mesmo olhar, na nossa casa, em São Paulo. Abril de 2002 🐶 #companheirodejornada
  • Reboladinha no provador da @twentyfourseven.poa pra lembrar as migues que o desconto de 20% em toda a loja para quem der a senha AMIGA MARI termina nesta sexta 15! Tem detalhes no Stories! #AmigaMariTFS #AmigaMari #twentyfourseven #twentyfoursevenpoa #partiueconomizar
  • O retrato da felicidade 😁♥️🐶 #gorda #dog #sorrisonorosto
  • Hoje a chefe liberou o home office na frente da TV! 💙👊🏻#gremio #mundialdeclubes #semifinal #tricolor
  • E não é?! 👌🏻 #behappy #felicidade #xôgenteproblematica