Nutricionista funcional ensina como aproveitar as férias sem (muito) prejuízo à boa forma

As férias são uma espécie de pesadelo para quem se esforça para manter a boa forma e a saúde por meio de uma alimentação equilibrada. É muita comilança, os vinhos, espumantes, coquetéis e aquela cervejinha gelada praticamente sambam na nossa cara e fica difícil resistir a tanta tentação. Sem contar a preguiça de cumprir com a rotina de exercícios físicos. Será possível sobreviver a este período sem muito prejuízo e, mais importante, sem precisar sacrificar os bons momentos em nome da dieta?

Para solucionar este enigma, conversamos com a nutricionista funcional Mariluz Corrêa, especialista em nutrição clínica funcional e membro do Centro Brasileiro de Nutrição Funcional, que atua na clínica Kuyven, em Porto Alegre. Segundo ela, é possível, sim, enfrentar o período sem jogar fora o esforço do ano todo e, principalmente, sem culpa e sofrimento.

– As férias são a personificação do pé na jaca. Tudo conspira para que a gente abandone a dieta e dê muitos passos para trás quando o assunto é reeducação alimentar – comenta Mariluz.

contar-calorias-nutrientes-570x290CALORIA NÃO SE CONTA: A DICA É  PRIORIZAR OS NUTRIENTES

A resposta está nos princípios da nutrição funcional: não contar calorias e não falar em dietas, mas preocupar-se com os alimentos, seus nutrientes e benefícios. As férias, segundo ela, não devem ser um momento em que se joga fora o trabalho de todo o ano, o esforço para a reeducação alimentar e para a mudança de hábitos. Mas é claro que o período é uma exceção, são momentos de descontração, de reunião familiar e de aproveitar a vida, o que acaba ocasionando algum exagero. E tudo bem. O segredo, de acordo com a nutricionista, é o planejamento das refeições, para torná-las mais saudáveis e funcionais possível.

– Uma de nossas refeições, por exemplo, pode ser uma salada com mix de folhas, de cores e texturas diferentes, como rúcula, agrião, agrião-roxo, alface crespa e mimosa, tomatinho-cereja, de preferência tudo cru. Uma salada como essa nos ajuda no processo de digestão dos alimentos mais pesados. E se juntarmos a isso as nozes e castanhas, adicionamos nutrientes essenciais, ficamos mais nutridos e satisfeitos.

mixed-nuts-deluxeFRUTOS SECOS: NOZES E CASTANHAS SÃO BEM-VINDOS NAS SALADAS

Outra sugestão é transformar aqueles clássicos do verão, como a farofinha que acompanha o churrasco, em alimentos funcionais.

– Adicionar ingredientes como maçã, grão-de-bico, gergelim, tudo isso agrega valor nutricional à farofa comum, reduz o índice glicêmico, leva nutrientes às células. E deixam o prato ainda mais gostoso – garante Mariluz.

Outras ideias simples, como trocar o arroz branco por arroz integral, e acrescentar quinoa em grãos ao prato são detalhes que significam muito em termos de nutrição, pois reduzem o índice glicêmico das refeições.

– Temos que entender que comer saudável é possível, mesmo nas férias. Os alimentos funcionais promovem mais nutrição e, consequentemente, mais saciedade.

Quinoa-tabule-passoverQUINOA EM GRÃOS: ALIADA NO CONTROLE DO ÍNDICE GLICÊMICO

Mariluz afirma ainda que evitar os alimentos industrializados e ultra-processados é outra dica para manter a saúde durante os dias de folga. Preparar a própria refeição ainda é uma receita infalível de saúde.

– Quanto menos embalagens abrirmos e mais facas sujarmos para preparar o jantar, mais saúde teremos.

Por fim, a nutricionista lembra que faz parte de uma nova cultura alimentar e nutricional a preparação de uma quantidade racional de alimentos. É comum que sobre muita coisa – muita mesmo – depois dos banquetes que reúnem amigos e família nas férias. Manejar todas as sobras nos dias seguintes torna-se um desafio. Por isso, deslocar o foco da variedade e quantidade e voltar as atenções para a qualidade e valor nutricional das refeições é um caminho para manter-se saudável durante o descanso. Sem desperdícios.

– E, depois dos exageros que sabemos que acontecem, a gente volta à rotina saudável no dia seguinte, sem culpa e sabendo que os hábitos de alimentação equilibrada pode ser retomados. O que não pode é ficar sofrendo e se culpando – ensina Mariluz.

+RECEITAS: Vamos aprender a preparar os deliciosos cookies de banana e canela do Kur Hotel? Vamos!

E a ressaca, como fica?
O clima de alegria e confraternização, somado ao calorzão, fazem de um vinho, um espumante ou uma cervejinha gelada tentações praticamente irresistíveis. Mas, e o dia seguinte?

O day after de uma derrubada, segundo a nutricionista, deve ser de limpeza, para eliminar as toxinas que se acumularam com o álcool e os alimentos. Para isso, a primeira lição é beber muita água – ela ajuda na eliminação dessas toxinas. Fazer exercícios leves também ajuda o corpo a eliminar os excessos e, acreditem, a curar a ressaca.

cavalinha1CHÁ DE CAVALINHA: SANTO REMÉDIO PRA CURAR A RESSACA

Os chás também ajudam o corpo a se livrar dos excessos de gordura e de sal, além de ter efeito diurético, contra a retenção de líquido provocada pela ingestão de álcool. Chás como hibisco e cavalinha são ótimos. As frutas também são excelentes coadjuvantes neste processo de limpeza. O abacaxi, por exemplo, é um poderoso aliado que pode ser usado até para saborizar a água. Outras dicas para saborizar a água são o limão, a canela em pau, o hibisco e o gengibre. Suco verde também é opção para reidratar o corpo e devolver o bem estar.

Para comer, nada pesado, claro. Saladas com muitas folhas e frutas ajudam o organismo a entrar em equilíbrio depois dos excessos. De resto, é só aproveitar as delícias que preparamos, reunir a família e os amigos, comer e beber o que gostamos e nos preocupar menos com a quantidade e mais com a qualidade e o prazer que aquele momento vai nos dar. Afinal, ser feliz é o melhor jeito de estar saudável e em equilíbrio, ainda mais durante as férias.

Compartilhar
Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Ensalada de Durazno: pêssego queimado, folhas verdes, queijo de cabra, pistache, cebola roxa e um molho vinagrete indescritível. Autor: @francismallmann @restaurantegarzon 👌🏻♥️🇺🇾
  • Leva um tempo até a gente perceber que por trás da figura de mãe existe também uma mulher como nós. Com gostos, desejos, anseios, vontades, expectativas, decepções. Não dizem que são nas viagens que a gente conhece profundamente a essência dos amores e amigos? Pois viagens também contribuem para aproximar mães e filhas no papel de duas mulheres adultas e companheiras. Em nossas viagens, mãe e eu convivemos com nossas imperfeições e fizemos mútuas descobertas – das profundas às mais comezinhas. Ela bebe pouca água; eu vivo com uma garrafa na mão. Ela critica a minha garrafa; eu critico a falta de água no organismo dela. Ela já planeja a Páscoa do ano que vem; eu ainda nem cheguei no próximo Natal. Ela não compreende a minha falta de planos; eu não entendo a ansiedade dela. Ela pensa em voz alta; eu reflito em silêncio. Ela diz pra eu falar alguma coisa; eu suplico que ela cale a boca por cinco minutos. Ela prefere o sol do meio-dia; eu prefiro o ar-condicionado. Ela diz que estou branca feito um bicho da goiaba; eu respondo que ela está laranja feito um nacho de Doritos. Agora estamos de novo aqui, juntas, em viagem, sentadas na grama da praça de José Ignacio. Que bom, né, mãe? Que bom que a vida nos concedeu este prazo para descobrir ainda a tempo o privilégio de passearmos juntas por aí e explorar como adultas esta delicada amizade — e o que existe de melhor em cada uma de nós. ♥️ #amordemãe #amordefilha #viajecomsuamãe
  • Né?! 👌🏻
  • Início de namoro no balanço. Fazenda Tapera, Santo Augusto, RS. Junho 2007. #tbt #valentinesday2019 ♥️
  • Uma tarde em família descobrindo @pueblogarzon e as maravilhas da cozinha do @restaurantegarzon do super chef @francismallmann 👌🏻🇺🇾🐶 #uruguay #poraí #francismallmann
  • “Não existe uma raça superior. Tem tanto valor um porteiro quanto um médico, porque cada um desempenha o seu trabalho com dignidade e cada um é importante para toda a sociedade. Nós não vamos acabar com os problemas sociais enquanto não mudarmos nossas cabeças e exigirmos dos que estão acima de nós o respeito que o povo tem que ter e merece ter. Tem que nos dar respeito, e não caridade pública, mas respeito”. Dona Mercedes, mãe de Ricardo Boechat. A fruta não cai longe do pé. 🖤 #rip #ricardoboechat