O difícil entendimento das férias

Tenho um tic nervoso que consiste em demorar para acertar o compasso das férias. Como passo 335 dias do ano trabalhando, quando chega o primeiro dia de férias não sei para qual lado eu corro. Dou um salto da cama às 7h da manhã, tomo café gute-gute, jogo água nas plantas, passeio com o Bento e, em menos de uma hora, está tudo resolvido.

EU TENHO A FORÇA!!!

VENHAM COMPROMISSOS!
ESTOU PRONTA PARA VOCÊS!

HÃ?!
PRONTA PRA QUÊ, MARIANA?
TU NÃO ESTÁ DE FÉRIAS?!

Sim, estou de férias. Mas só me dou conta da situação uma semana depois. Teve épocas em que eu tirava 10 dias de férias. Os primeiros sete eu passava saltando da cama. Do oitavo dia em diante, quando começava a relaxar, era hora de voltar para o trabalho.

MAS EU NÃO ESTAVA DE FÉRIAS?

Os anos errando me ensinaram algumas táticas para compreender mais cedo a chegada das férias, acalmar a mente, desacelerar o ritmo e nunca mais perder uma semana de descanso feito uma louca varrida que não sabe curtir a vida longe do trabalho (algo que eu sei muito bem, é só uma questão meio complicada de timing). Portanto, neste período de início de férias, é com satisfação que compartilho técnicas de sobrevivência pessoal com todos aqueles que sofrem do mesmo mal.

1) Coloque o despertador para as 7h nos três primeiros dias. Quando ele tocar e você pular da cama se deslizando até o banheiro, leia o Post-It que terá colado no espelho na noite anterior com a frase: “Não é um sonho, estou de férias!”
2) Volte para a cama só para se vingar do despertador e reprograme o relógio para a hora que bem entender. Ou pise em cima. Ou jogue contra a parede.
3) Não devore o mamão papaia de pé, na frente da porta aberta da geladeira. Monte a mesa do café da manhã, coloque cesta de pães (sim, coma pão nas férias), manteiga, requeijão, frios, iogurte, frutas. Faça uma daquelas mesas de hotel 5 estrelas. Lembre-se: você tem tempo de sobra para arrumar tudo lindamente. E recolher tudo depois.

EU SEI…
NO COMEÇO, O RITMO É COMPLICADO…
DEPOIS ACOSTUMA

4) Procure atividades que proporcionem um prazer mais lento, como ouvir músicas tranquilas, jardinagem… Após um período difícil da existência das minhas plantas, período este em que quase matei a facadas quatro jardineiros falcatruas, aprendi que jardineiro bom e honesto é tipo urso panda.

SUJEITO EM EXTINÇÃO

E que o barato de ter plantas em casa é justamente usufruir de tempo para cuidar delas. Férias, portanto, são o momento ideal.

5) Compre uma bola de Pilates e, pelo menos uma vez por dia, deite de barriga pra cima e pra baixo na bola. Eu faço isso três vezes por dia quando não estou de férias. Viva assim, calma e lindamente, até chegar o momento de arrumar a mala para viajar.

OH, NÃO!
A MALA!!!

SIM, A MALA!
FUI!

NÃO SOU A PESSOA MAIS INDICADA PARA AJUDAR NESTE MOMENTO TÃO DIFÍCIL DA EXISTÊNCIA HUMANA

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.
  1. Mariana, você deveria estar dormindo e não atualizando teu blog às 8 horas da manhã, entretanto eu estava há dias esperando um novo post. Descobri teu blog no dia do show da Madonna (eu também não sei curtir a vibe da galera na fila, no sol…sou estranha, eu sei) e desde então dou uma passadinha diária por aqui. Bom, hoje é meu 1º dia de férias e acordei às 7 … ainda não sei o porquê …. ou melhor, eu sei: preciso ARRUMAR MINHA MALA antes das 18 horas… estou em sofrimento desde que cai da cama pela manhã!!!!HAHAHA!!!!Beijos!!!!!!

  2. Mariana, você deveria estar dormindo e não atualizando teu blog às 8 horas da manhã, entretanto eu estava há dias esperando um novo post. Descobri teu blog no dia do show da Madonna (eu também não sei curtir a vibe da galera na fila, no sol…sou estranha, eu sei) e desde então dou uma passadinha diária por aqui. Bom, hoje é meu 1º dia de férias e acordei às 7 … ainda não sei o porquê …. ou melhor, eu sei: preciso ARRUMAR MINHA MALA antes das 18 horas… estou em sofrimento desde que cai da cama pela manhã!!!!HAHAHA!!!!Beijos!!!!!!

  3. Mariana eu nem tomo café antes de sair de casa. Vou tomar muito mais tarde no trabalho. Fiz a parte do café da manhã na véspera de Natal. E foi muito legal tomamos café meu marido, meu filho e eu e ficamos na mesa conversando até cansar. Tens razão temos de nos disciplinar a para tirar férias, se não continuamos correndo sem curtir o tempo que está a nosso favor. E aproveite as suas. Feliz Ano Novo!

  4. Mariana eu nem tomo café antes de sair de casa. Vou tomar muito mais tarde no trabalho. Fiz a parte do café da manhã na véspera de Natal. E foi muito legal tomamos café meu marido, meu filho e eu e ficamos na mesa conversando até cansar. Tens razão temos de nos disciplinar a para tirar férias, se não continuamos correndo sem curtir o tempo que está a nosso favor. E aproveite as suas. Feliz Ano Novo!

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.