Os 10 hostels mais hipsters do mundo são um luxo de hospedagem para o bolso

A cultura hipster é marcada pela música independente, saudosismo recorrente, uma variada sensibilidade para a tendência non-mainstream (não comum, não recorrente) e estilos de vida alternativos. Os interesses referentes à mídia por esse grupo incluem filmes independentes, revistas e websites notadamente relacionados à música alternativa.

Das tantas subculturas e termos usados para definir movimentos e comportamentos urbanos dos dias de hoje, a cultura hipster é das mais populares e presentes em todos os grandes centros mundo afora. Se os mercados da moda e da música fervilham com novidades de consumo, também a indústria da hospedagem não deixa o fenômeno passar em branco.

Os hostels (ou albergues) – já conhecidos por suas atmosfera e clientela diferenciadas – investem na proposta e esbanjam personalidade com ambientes cheios de charme. Móveis retrô, objetos vintage e design inovador sem esquecer da tecnologia compõem espaços únicos para se hospedar, e sem ter que pagar mais por isso.

E foi assim que o Hostelworld, o site especializado em hostels, montou uma lista com 10 propriedades que se encaixam nesta proposta. A maioria tem entre 80% e 90% de avaliação de clientes que já passaram por lá, o que comprova a qualidade e popularidade do estilo hipster.

Vamos conhecer?

Dictionary-Hostel-Factory-Curtains-1024x685THE DICTIONARY SHOREDITCH (Londres, Inglaterra)
A cultura hipster está “em casa” na capital inglesa, e o bairro de Shoreditch, no leste londrino, é um de seus exemplos mais expressivos. São incontáveis os pop-up restaurantes, as galerias, os cafés e lojas alternativas, além dos tipos característicos (barbas longas, jeans skinny e tattoos aos montes) desfilando pelas ruas. E bem no centro de tudo, está o hostel The Dictionary, que abraça integralmente a cultura hipster, com seu misto de paredes de madeira aparente e objetos de cor forte, os grafites e quadros com figuras/mensagens excêntricas, e seu bar/cafeteria com todo tipo de bolos e coquetéis. Diárias a partir de €22 / R$ 71.

WE-hostel-in-Sao-Paulo-par-felipe-Hess-15WE HOSTEL DESIGN (São Paulo, Brasil)
Um dos hostels mais bem conceituados de São Paulo e do Brasil (91% de nota no Hostelworld), o WE abusa de ambientes amplos e com decoração vintage, de cores fortes e muitos objetos de design (vitrola, abajur, pufe, até uma lousa no teto!). A mansão do início do século passado fica numa rua tranquila da Vila Mariana (praticamente ao lado do MAC e do Parque do Ibirapuera), mas perto de vários bares da moda. Adicione ao menu várias festinhas cool (karaokê, noite do burger, DJs) e o ambiente está completo. Diárias a partir de R$ 50.

the-independente-hostel-suites-lisbon-002-35230THE INDEPENDENTE HOSTEL & SUITES (Lisboa, Portugal)
O terraço com vista para o Mirador de São Pedro e o Castelo de São Jorge é um dos destaques do The Independente, hostel de luxo em Lisboa, situado em uma uma avenida cheia de restaurantes e pertinho do badalado Bairro Alto. O prédio que um dia foi residência do embaixador suiço na capital lusa, é ornado por pôsteres antigos, louça e mobiliário vintage e um misto de objetos modernos e retrô, que tanto encantam os hipsters. Para completar, um lounge e beer garden para botar o papo em dia, e um restaurante (aberto ao público). Diárias a partir de €13 / R$ 42.

LAVENDERLAVENDER CIRCUS HOSTEL (Budapeste, Hungria)
Todo o Lavender Circus Hostel parece ter saído direto do Instagram, com direito a todos os filtros vintage disponíveis. A decoração é uma mistura de estilos de fazer até o mais exigente dos hipsters entrar em êxtase. O prédio histórico no coração de Budapeste é coberto de mobiliário retrô, objetos de antiquário e detalhes artísticos por toda parte, com direito a uma taça de vinho húngaro de boas-vindas e jantares típicos toda semana. Diárias a partir de €16 / R$ 52.

about-photo1NUI HOSTEL & BAR LOUNGE (Tóquio, Japão)
O mais hypado dos hostels em Tóquio, é o ponto de encontro dos hipsters locais, graças ao seu bar/lounge super badalado, especialmente à noite. Com ótima localização (perto dos templos de Asakusa e da torre Sky Tree), o Nui Hostel abusa da mistura do rústico e do moderno em seu design (madeira, tubulação aparente, cores fortes) e prima pela limpeza em seus dormitórios (compartilhados ou privativos). Diárias a partir de €20 / R$ 65.

kexKEX HOSTEL (Reykjavík, Islândia)
Na capital islandesa, o KEX Hostel é o representante oficial da cultura hipster. A ver pelo rol de “atrações”: um bar movimentado com preços decentes (e cervejas de torneira!), móveis rústicos, mapas gigantes nas paredes, cozinhas (uma por andar) repletas de temperos e ingredientes diferentes, e uma infinidade de livros na biblioteca comunitária. Assim, como competir com o combo localização megacentral (com vista para o oceano) + interiores com decoração criativa? Diárias a partir de €20 / R$ 65.

generator-veniceGENERATOR VENICE (Veneza, Itália)
A conhecida rede de hostels Generator caprichou na sua filial em Veneza. A decoração é elegante, beirando o chique, mas com um ambiente descontraído e multicultural. Não faltam uns toques modernosos também, como elevadores touchscreen e luzes autocontroladas. Fica na ilha de Giudecca (do outro lado da Piazza San Marco), com ponto do vaporetto bem do lado do hostel. Destaque para o badalado pub instalado no andar térreo, onde há sempre gente nova para conhecer. Diárias a partir de €24 / R$ 78.

pajamasTHE CAT’S PAJAMAS HOSTEL (Berlim, Alemanha)
No espaçoso lounge, toras de madeira fazem a vez dos banquinhos, contrastando com as luminárias futuristas e as cadeiras de balanço de outrora. Nos corredores, desenhos e grafites estampam as paredes dos corredores entre os quartos e banheiros (estes com chão aquecido para encarar o frio do inverno alemão). Assim é a mistura de estilos e a aura hipster que faz do Cat´s Pajamas um hit entre os hostels de Berlim. Diárias a partir de €15 / R$ 49.

gostijo_589pxCITY CIRCUS ATHENS (Atenas, Grécia)
O prédio neo-clássico do City Circus de Atenas foi todo reformado e esbanja personalidade. O mobiliário retrô, as peças de artistas locais nas paredes e os móveis em madeira (incluindo as camas) criam um clima aconchegante e descolado. Completam o pacote: um terraço com vista para a famosa Acrópole, ar condicionado nos 11 quartos e um café da manhã com cara de hotel. Tudo isso no meio do (muito) boêmio bairro de Psirri, que concentra a mais badalada vida noturna de Atenas. Diárias a partir de €18 / R$ 58.

SOULSOUL KITCHEN (São Petersburgo, Rússia)
Frequentemente presente em listas dos melhores do mundo (não à toa que tem quase nota máxima na avaliação dos clientes Hostelworld), o Soul Kitchen é realmente um achado – para hipsters, não hipsters, fãs de hostels ou não. A riqueza está nos detalhes: dos enfeites da mesa do lounge, aos pufes coloridos, ao violão no canto para uso dos hóspedes, aos espelhinhos, à bancada de azulejos na cozinha comunitária, às cortinas quadriculadas que dão privacidade aos beliches nos dormitórios, aos computadores Mac para uso coletivo… Quem resiste? Diárias a partir de €12 / R$ 39.

Compartilhar
Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro. Estaremos te esperando, Chiquinho! Repost @chico_sperotto ♥️🐶🌞
  • • KARL LAGERFELD
10.09.1933 - 19.02.2019 🖤
•”Pense rosa. Mas não use".
•”Calça de moletom é sinal de fracasso. Você perdeu o controle sobre sua própria vida e comprou um moletom".
•”Eu acho tatuagem uma coisa horrorosa. É como viver o tempo todo em um vestido Pucci".
•”Meu maior luxo é não precisar me justificar para nenhuma pessoa.”
•”Gosto que tudo seja lavável. Eu mesmo, inclusive.”
•”Personalidade começa onde a comparação termina.”
•”As melhores coisas que fiz na minha vida, as vi nos meus sonhos. É por isso que tenho um caderno de rascunhos na minha cama.”
•”O politicamente correto, a preservação. Eu acho tudo isso extremamente chato.”
•”Coco Chanel jamais teria feito o que eu fiz. Ela teria odiado.”
•”Sou uma pessoa da moda e a moda não é somente sobre roupas. É sobre todos os tipos de mudança.”
•”Eu amo estar de passagem. Nasci em um porto, em Hamburgo. Então minha mãe disse: ‘É a porta do mundo, mas não é mais do que a porta. Portanto, já pra fora!’”.
#ripkarllagerfeld
  • - Dinda, entra no mar comigo?
- A dinda não gosta de mar gelado.
- Eu queria mergulhar com a dinda.
- Então a dinda vai te dar a maior prova de amor do mundo. E tu vai lembrar pra sempre, promete?
- Prometo, dinda.
E assim foi, e a lembrança eterna será de nós dois. #joaobenicio #amordadinda
  • Ensalada de Durazno: pêssego queimado, folhas verdes, queijo de cabra, pistache, cebola roxa e um molho vinagrete indescritível. Autor: @francismallmann @restaurantegarzon 👌🏻♥️🇺🇾 Detalhes no destaque do Stories
  • Leva um tempo até a gente perceber que por trás da figura de mãe existe também uma mulher como nós. Com gostos, desejos, anseios, vontades, expectativas, decepções. Não dizem que são nas viagens que a gente conhece profundamente a essência dos amores e amigos? Pois viagens também contribuem para aproximar mães e filhas no papel de duas mulheres adultas e companheiras. Em nossas viagens, mãe e eu convivemos com nossas imperfeições e fizemos mútuas descobertas – das profundas às mais comezinhas. Ela bebe pouca água; eu vivo com uma garrafa na mão. Ela critica a minha garrafa; eu critico a falta de água no organismo dela. Ela já planeja a Páscoa do ano que vem; eu ainda nem cheguei no próximo Natal. Ela não compreende a minha falta de planos; eu não entendo a ansiedade dela. Ela pensa em voz alta; eu reflito em silêncio. Ela diz pra eu falar alguma coisa; eu suplico que ela cale a boca por cinco minutos. Ela prefere o sol do meio-dia; eu prefiro o ar-condicionado. Ela diz que estou branca feito um bicho da goiaba; eu respondo que ela está laranja feito um nacho de Doritos. Agora estamos de novo aqui, juntas, em viagem, sentadas na grama da praça de José Ignacio. Que bom, né, mãe? Que bom que a vida nos concedeu este prazo para descobrir ainda a tempo o privilégio de passearmos juntas por aí e explorar como adultas esta delicada amizade — e o que existe de melhor em cada uma de nós. ♥️ #amordemãe #amordefilha #viajecomsuamãe
  • Né?! 👌🏻