Piemonte, Itália: destino para quem ama natureza e boa gastronomia

Tranquilidade, comida e vinhos excelentes. Contato com a natureza em paisagens de tirar o fôlego. Isso é o Piemonte, no norte da Itália, uma das regiões vinícolas do mundo que é Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco e a região italiana pela qual sinto um amor inexplicável – principalmente pelo jeito simples e elegante de seus moradores. A zona protegida abrange mais de 10 mil hectares, incluindo as colinas de Barolo, Barbaresco e Monferrato, esses três pequenos lugarejos.

Se você optar por passar alguns dias de férias nessa região, circulando entre castelos medievais e vinhedos, não vão lhe faltar opções de hospedagem. São hotéis dos mais diversos estilos e preços. Uma sugestão são os agroturismos, uma modalidade de turismo muito pouco divulgada no Brasil. Os agroturismos são propriedades rurais que hospedam turistas num ambiente muito aconchegante e acolhedor.

piemonte2A ZONA PROTEGIDA PELA UNESCO ABRANGE MAIS DE 10 MIL HECTARES

É bem comum que a administração seja familiar (o que lhe fará sentir-se o convidado da casa de campo de um amigo). Existem também as grandes estruturas de hospedagem de importantes produtores de vinho. O conceito de agroturismo é de que o visitante coma e beba o que a terra produz, além de vivenciar tudo o que uma propriedade rural pode oferecer. Grande parte do que é servido é cultivado pela própria família ou empresa.

PIE2VISTA PARADISÍACA DA JANELA

No Piemonte,  há diversas opções nesse segmento, desde alojamentos mais simples, organizados pelos próprios agricultores, até espaços que oferecem mais conforto e atendam às exigências do turismo moderno. Também há locais que conseguiram transformar residências com centenas de anos em espaços cinco estrelas. A experiência de usufruir das delícias da terra e da estrutura desses espaços se completa com o prazer de conhecer e conviver com as pessoas que habitam ou atendem nesses agroturismos.

PIE5DEGUSTAÇÃO DE TUDO O QUE A TERRA PRODUZ

Comer e beber bem é um ritual nessa região cheia de charme. Não é por nada que esse pedacinho de terra é considerado o berço do movimento slow food no mundo. Por lá, se valoriza as boas coisas da vida. Por isso, muitos turistas procuram a cidadezinha de Alba e arredores em busca de experiências enogastrômicas. E esta, com certeza, é uma opção sem erro. Entre colinas e vinhedos estão classificados mais de 30 restaurantes estrelados pelo Guia Michelin. As tratorias mais típicas, que se pode encontrar em pequenos vilarejos, não perdem em nada quando o objetivo é oferecer delícias culinárias e muitas opções em vinhos.

PIE4SPAGHETTI AO TARTUFO: DIVINO!

Não volte para casa sem provar a carne cruda, o vitello tonnato, brasato al Barolo, panna cotta, torta di nocciole, queijos castelmagno, pasta all tartufo, entre outras tantas delícias. Muitos turistas também procuram o Piemonte em busca do tartufo branco. Certamente uma experiência a caça ao tartufo com o “trifolau” e seus cães pode ser inesquecível. (Leia mais sobre a caça ao tartufo http://www.bonvivant.com.br/2015/10/08/o-misterio-e-o-fascinio-pelo-tartufo-branco/)

PIE1AS OPÇÕES DE QUEIJOS SÃO INFINITAS

Se o Piemonte se destaca pelo conjunto de delícias que nos oferece, os vinhos estão, com certeza, no topo. Além daqueles elaborados com a uva Nebbiolo, cujo destaque se dá para os Barolos e Barbarescos (em breve contarei por aqui minhas experiências com esse tipo de vinho), ainda pode-se degustar outros vinhos em passeios pelas vinícolas da região. Barbera e Dolcetto de destacam entre os tintos; Arneis, Moscato Bianco e Chardonnay entre os brancos. Portanto, alugue um carro e ande pelas estradinhas das regiões do Langhe, Serralunga d’Alb, Monferrato d’Alba, Barolo e La Morra. Não vão faltar opções para que você pare para degustar um bom vinho. Será uma belíssima experiência.

Preparei uma lista de dicas para estimular essa viagem de sonho!

Restaurantes
Ristorante Castello di Grinzane: Via Castello,5 – 12060 Grinzane Cavour
Ristorante Rabayà: Strada della Stazione 12 – 12050
La Ciau del Tornavento: Piazza Baracco 7, Treiso
La Libera: Via Elvio Pertinace 24, Alba
La Piola: Piazza Risorgimento 4, Alba

Onde dormir
Agriturismos
Cascina Ballarin
Frazione Annunziata 115
La Morra
Cascina del Monastero
112/a – Frazione Annunziata
Villa Tiboldi
Case Sparse Tiboldi, 127
12043 Canale
Villa Beccaris
Via Bava Beccaris 1,
12065 Monforte d’Alba
Palas Cerequio – Barolo Cru Resort
Borgata Cerequio

Não deixe de conhecer!
Barolo, Barbaresco, Monforte d’ Alba, Serralunga d’Alba e La Morra. São cidadezinhas que devem estar no seu roteiro.

Compartilhar
Andréia Debon

Andréia Debon

Jornalista e sommelier internacional, Andréia Debon é editora da revista Bon Vivant, publicação sobre vinhos e outras bebidas, turismo, gastronomia e tudo o que envolve os prazeres em torno da mesa. Participa de degustações e concursos de vinhos no Brasil e no exterior. À frente da publicação, viaja para países produtores de vinhos para conhecer novos produtos e investimentos em enoturismo.

3 Comentários
  1. ANDRÉIA DEBON MEU BISA VÓ E DA ITAIA VEIO PARA O BRASIL A MUITO TEMPO TENTO DESCOBRIR ALGO SOBRE ELE SEI QUE ELE VEIO DE PIEMONTE SERA QUE VC PODERIA ME AJUDAR

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.