COLUNA DA MARI: Respeito é bom, mas hoje em dia pouca gente gosta

Véspera de feriado, achamos por bem fazer um programinha em família – leia-se com os cachorros incluídos. Combinamos, portanto, de jantar cedinho no restaurante preferido do animal.

bento1124EU AMO JANTAR FORA

Chegamos por volta de 19h, o restaurante estava ainda com poucas mesas ocupadas na área externa, onde funciona o espaço pet friendly. Os garçons, como de praxe, fizeram a maior festa diante do animal, e preferimos nos acomodar em uma mesa de cantinho, a bem de respeitar os clientes que não gostam tanto de cachorros assim e se incomodam com a presença de animais no ambiente.

dog-gifSÃO CADA VEZ MAIS RAROS, MAIS EXISTEM E ESTÃO NO SEU DIREITO

Pedimos um vinho, acomodamos Bento e Gorda embaixo da mesa. A noite estava super agradável, o couvert continha pães quentinhos, a conversa estava ótima. Foi quando de repente, não mais que de repente…

scared-gifCOMEÇOU O PESADELO

Dois casais com duas crianças acomodaram-se na mesa ao lado da nossa. As crianças tinham uma hiperatividade avassaladora, e o pátio do restaurante ficou pequeno para a correria entre as mesas. Em cinco minutos, aqueles dois casais e aquelas duas crianças conseguiram acabar com qualquer clima do ambiente à meia luz.

As meninas gritavam e corriam, corriam e gritavam. Eu olhava abestalhada para aqueles pais. Eles sorriam entre si, entre goles de cerveja e caipirinha. Estavam à vontade no playground do prédio. Só faltou pedirem para o garçom trocar o som instrumental do restaurante pelo disco do Xou da Xuxa.

xuxa-gifTÁ NA HORA, TÁ NA HORA…

O que eu penso sobre crianças hiperativas e pais displicentes que frequentam restaurantes que não oferecem Espaço Kids é algo que já falei e posso até retomar o assunto em outro momento. Nesta coluna, o que desejo enfocar é outro tema que passa no centro desta lamentável situação e começa e termina com uma palavra de três sílabas que caiu no mais completo esquecimento do brasileiro: RESPEITO.

maxresdefaultÉ BOM E A GENTE GOSTA

Não consigo identificar exatamente em que momento da história recente perdemos o respeito pelo próximo, perdemos o respeito pela opinião contrária, perdemos o respeito pelo debate saudável. Perdemos completamente o respeito. Xingamos uns aos outros, buzinamos no trânsito sem necessidade, usamos as redes sociais para promover gritarias e massacres verbais e covardes por trás da defesa da tela do computador.

giphyORDINÁRIA, MALDITA, MISERÁVEL, DESGRAÇADA

Eu respeito pais com crianças, donos de cachorros, de gatos, de porcos, de coelhos. Respeito homem com homem, mulher com mulher, transexuais, transgêneros, negros, brancos, pardos, índios. Somos todos humanos e deveríamos estar neste mundo com o firme propósito da generosidade e cooperação entre todas as partes. Mas amar a Deus no próximo é mandamento que parece ter sido crucificado com Jesus na cruz.

Sou uma mulher heterossexual, casada, sem filhos, com dois cachorros e cada dia que passa me sinto menos respeitada e sem qualquer espaço para conviver em harmonia ou emitir uma opinião pessoal, sob pena de apedrejamento em praça pública por aqueles que pensam diferente de mim.

tenor

Muito quiseram saber minha opinião a respeito de uma recente exposição. Preferi ficar muda. O que seria de mim se dissesse que aquelas duas ou três obras polêmicas não tinham nada de arte, mas pornografia barata? Afinal de contas, na visão de companheiros engajados e da imprensa lacradora e dona absoluta da verdade unilateral, quem sou eu para saber o que é arte? Sou uma retrógrada medieval que não tem direito a nenhuma liberdade de expressão e não estou autorizada a participar do debate público. Vai abrir a boca, Mariana?

lutaTOMA!

Hoje em dia, respeito continua sendo muito bom, sim! Uma pena, no entanto, que tenha se tornado uma lamentável via de mão única. Ainda fiquei pensando o que aconteceria se, naquela noite que prometia um jantar aprazível em família e tornou-se um tsunami, eu tivesse usado da minha doce e serena voz para perguntar àqueles pais se não estavam percebendo o tumulto criado por seus pimpolhos. Pelo bem da minha integridade física e moral resolvi ficar quieta, enfiar minha viola no saco, pedir para fechar a garrafa de vinho e terminar a noite na varanda de casa.

bento1124ACABARAM COM NOSSO PROGRAMA

A decisão me pareceu bastante acertada depois de ouvir do garçom que o Espaço Kids do restaurante havia sido encerrado recentemente. A decisão foi tomada após uma briga de foice entre dois pais que se engalfinharam feito dois galos de rinha para defender suas respectivas proles. No centro da guerra de impropérios e agressões, um mísero joguinho infantil.

xuxabeijoqueiraTÁ BOM PRA VOCÊ?

Compartilhar
mariana

mariana

Jornalista e escritora, Mariana Kalil é sócia-diretora de conteúdo do portal MK. É autora dos livros "Peregrina de Araque - Uma Jornada de Fé e Ataque de Nervos no Oriente Médio" (2011), "Vida Peregrina - Uma Jornada de Desequilíbrios, Tropeços e Aprendizado" (2013) e "Tudo tem uma Primeira Vez" (2015), todos publicados pela editora Dublinense. Trabalhou das redações das revistas Época e IstoÉ Gente, dos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil e foi correspondente da BBC na Espanha, onde cursou pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. Dona do Bento, da Papaqui e tia da Olivia, vive em Porto Alegre ao lado do marido e dos peludos. Escreve diariamente na seção Por Aí, que funciona como uma espécie de blog e diário do site, e também nas outras seções do portal MK.

11 Comentários
  1. Ótimas colocações Mariana, muita falta de educação, respeito, agressividade e grosseria. Estamos passando por tempos difíceis, lamentável e triste. Beijos querida!

  2. Oi, Mariana ! Boa tarde ! Que bela e objetiva coluna. Mais uma vez, parabéns pelo conteúdo.Sim, respeito é o que falta em todos os momentos desta agitada vida do dia a dia. Ainda bem que família é tudo e fico feliz em saber que meus 3 filhos e meus 3 netos souberam e estão sabendo assimilar os ensinamentos que transmitimos,e o mais importante RESPEITO. Poi bem, ontem à noite jantando no Barranquinho com amiga e recebido, como sempre, com gentileza pelo Elson Furini (Proprietário e amigo de anos com cliente), tivemos de trocar de mesa, tal era a “conversa gritada” em mesa contínua. Não era possível conversar, saída honrosa e educada trocar de mesa. Mais uma, dias passados, ida ao Colégio Anchieta para buscar meus 2 netos.Estacionado na espera da largada, observando o movimento: 2 caminhonetas de madames(das grandes e mais caras)estilosas(só assim qualificando mesmo). Uma ocupou 2 vagas e a outra simplesmente trancou a porta (impossibilitando a entrada do condutor)do veículo ao lado. Tudo falta de respeito. Colaborei, estimada Mariana. Abraços !

  3. Perfeito, meus filhos, hoje já adultos, jamais corriam pelo restaurante. Criança tem de aprender a se comportar em todos os ambientes. Restuarante não é play. Já muidei de restaurante por não aguentar a gritaria de crianças de pais mal educados.

  4. Mariana, seu site e seus textos são um oásis para mim. Penso como você também sobre a falta de respeito hoje em dia. Ninguém se preocupa se está atrapalhando o próximo, como naquela frase “Farinha pouca, meu pirão primeiro”.
    E como se não fosse o suficiente, também não posso dar opinião sobre nada porque justiceiros sociais de plantão acham que devo ficar calada. Tá difícil. Acho que só seu site trata de assuntos femininos e da vida sem essa lacração toda ou engajamento. Por isso é meu oásis na net 🙂

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • "Foi a melhor palestra que já assistimos". Tem coisas que o dinheiro não compra. Para todas as outras existe o testemunho da @tatilaschuk e do @betofabbrin de que ouvimos esta frase ao final da palestra na @uniritterdesignweek, né @mairafranz? ♥️🙏🏻🙌🏻 Gratas pela confiança @uniritter
  • É amanhã nossa palestra na @uniritterdesignweek! O tema: como construir uma marca com conteúdo, transparência e verdade. Obrigada pelo convite @uniritter! Dormindo cedo hoje, hein sócia @mairafranz 😜#implicandocomaloira #uniritter #uniritterdesignweek #9h #CampusdaFAPA
  • Kale Chips: folha de couve crespa, desidratada e temperada com pasta de castanha de caju, pimentão vermelho, suco de limão siciliano e pimenta caiena) 🌶Pensa numa coisa ardida e croc! #semfiltro #urbanfarmcy
  • Pipoca e altos papos ♥️#joãobenício #amordosdindos
  • Muito honrada com o convite da @uniritterdesignweek para ministrar a palestra "Conectando Marcas e Pessoas por meio de Conteúdo com Transparência e Verdade". É na próxima terça 17, às 9h, no Campus da FAPA que subo ao palco com a @mairafranz pra um papo sem fórmula mágica. Todos convidados!!! #uniritterdesignweek #uniritter
  • Então você foi a aluna eleita de hoje para posar no paredão anti-fashion. Motivo? Seu Crocs verde tartaruga 🐢🐢#yoga #sattvashala #aulaonoferiado