Mari explica a origem da bolsa balde e conta por que ela conquistou a alma feminina

Ela foi criada pela Louis Vuitton em 1932 e viveu seu auge na década de 1990. Olha daqui, espia dali, era inevitável constatar a hegemonia da bolsa saco ou bolsa balde – também conhecida como bucket bag. Desde o ano passado, já vinha dando indícios de que havia voltado para dominar o verão. Pois a suspeita confirmou-se. A bucket bag é a bolsa chave da estação no dia a dia urbano.

nyfw-ss15-day-4-5-11BUCKET BAG: PARA TODAS AS HORAS, COM TODOS OS ESTILOS

Muito prática e versátil, ela tornou-se tão popular porque atende à necessidade básica da maioria das mulheres que é o quê? Colocar a vida dentro da bolsa. O bom é que combina com tudo – vai de ambientes mais formais a mais descontraídos. Faz o estilo clássico e também o boho. Dá um ar bem moderno a produções casuais do dia a dia. Combina com calças, shorts destroyed e leggings. Também com vestidos acinturados, saias curtas e longas.

Uma marca que vale a pena citar no que diz respeito à referência como criadora de bolsa balde é a Mansur Gavriel. Ela é formada pela dupla Rachel Mansur e Floriana Gavriel. Radicadas em Nova York, em pouco mais de dois anos as gurias ganharam o mundo com suas bolsas feitas de couro tingido de cores fortes e sem nenhum tipo de rococó.

mansur-mais

mansur1mansur2mansur3mansur4

Passo para a próxima marca: Delphine Delafon. Foi em 2011 que a designer franco-americana criou suas primeiras bolsas-saco, revestidas de tapeçarias com motivos étnicos. Deste então, a marca virou sinônimo deste modelo especificamente. E restou, a cada estação, lançar a mesma bolsa com novos modelos e materiais. Elas são todas numeradas.

Olha!

delfhine1delphine2delphine3delphine4

Dá uma espiada na galeria de imagens que selecionei de como usar a bolsa balde no dia a dia da cidade – e como as principais ícones de estilo estão usando as suas no hemisfério norte.

bucket-bag-3bucket-bagbucket-bag1bucket-bag2bucket4bucket5bucket6bucket7bucket8bucket9bucket10

bucket12

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.