Pulseira para enlouquecer a vivente

Me apresento com algumas horas de atraso da hora em que eu queria ter escrito no meu querido e amado blog. Queria ter escrito pela manhã. Mas não deu. É que eu voltei a reanimar a esteira de casa. Lembram que um dia, lá nos idos de 2012, comprei uma esteira e jurei que ela não viraria cabide? Até fiz o post: Esteira em Casa não Vira Cabide.

mulher-com-vergonhaPOIS ELA VIROU

Quer dizer, cabide propriamente dito não porque não deixo roupas penduradas na esteira. A virginiana que não sou não me permite. Mas estava em desuso, a pobre. Então, hoje de manhã cedo, depois de ter sido inspirada pelo último Globo Repórter (sim, eu me inspiro com Globo Repórter), resolvi voltar a me exercitar – aerobicamente falando.

Se eu estava com saudade de correr na esteira? Não, nem um pouco. Eu odeio exercício aeróbico de qualquer tipo, mas sou adulta o suficiente para saber que é algo necessário e saudável. Então, como diz o Chico, não tem que pensar muito. Tem que subir na esteira e começar. Foi o que fiz.

28vergonhaINFERNO

Corri na esteira depois de passear com o animal, claro. O animal sempre vem em primeiro lugar. Foi uma hora de passeio mais 35 minutos de esteira. Tá bom, né? Se eu correr 35 minutos na esteira três vezes por semana, já me dou por muuuito satisfeita.

O problema de exercitar-se é transformar em hábito. Comigo, acontece o seguinte: me coloco metas muito altas. Tipo “a partir de agora vou fazer pilates quatro vezes por semana, vou correr na esteira três vezes por semana, vou praticar ioga três vezes por semana”. É ÓBVIO que não consigo cumprir as metas. E o que isso gera? Total perda de estímulo. E o que acontece?

frustratedcorporatewoman2-charters-towersACABO NÃO FAZENDO NADA

O segredo está em traçar metas que a gente consiga alcançar. Correr 35 minutos três vezes por semana é algo plenamente alcançável. Fazer ioga três vezes por semana também. Pronto. Como diz Sheryl Sandberg, a toda-poderosa diretora de operações do Facebook, cujo livro resenhei há algumas edições para Donna, “feito é melhor que perfeito”.

scared-woman2-267x300QUE FRASE INCRÍVEL!

Como recomecei a correr, obviamente apetrechos de corrida começa a me chamar atenção. Um deles funciona durante as 24 horas do dia. Trata-se de um lançamento da Garmin, uma das marcas preferidas de atletas na hora de escolher um frequencímetro. Chama-se Vívofit.

Olha!

garmin-vivofit-a-new-fitness-band-01OOOOOHHHHH
Custa R$ 699 e é uma pulseira inteligente nos moldes da Fuel Band, da Nike

nike-fuelband-se-rose-gold-01MUITO PRAZER, SOU A FUEL BAND

O Vívofit marca passos, calcula quantas calorias foram gastas durante o dia e ainda manda sinais se a “aluna” está há muito tempo parada. Tudo pode ser monitorado via app pelo celular. Agora me diga como a pessoa em sua sã consciência pode relaxar durante o dia com um troço desses pendurado no pulso contando calorias o tempo todo e apitando cada vez que acha que  aluna está muito tempo sentada.

bento1ELA CORTARIA O PRÓPRIO PULSO FORA

mulher-doidissima1NO PRIMEIRO DIA

Compartilhar
Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Quem bate?! É o friiiio! 👻 #casaspernambucanas #lembra?
  • Sábado de bobó! 🍤 #bobodecamarao #almocodesabado #niverdalolo
  • Sob as bênçãos de Mãe Maria. Olhai por nós. 🙏🏻 #oração #meditação #intuição #pazinterior
  • O tempo passou e eu voltei a gostar de iogurte. Porto Alegre, 1977. #tbt
  • Era uma vez... O início do meu novo livro. ✍🏻#quetrazespramim #livromarikalil
  • Um dia, lá no ano de 2012, ganhei um brigadeiro com meu nome. O Brigs da Mari era feito de chocolate belga. Fino e chique como ela! 😂👌🏻 #tbt #brigadeiro #brigadeirogourmet #negrinho #meudocefavorito