Série “Girlboss” reacende a discussão: e-commerce de moda vale o investimento?

A série americana Girlboss, da Netflix no ar desde abril e já sucesso entre os telespectadores, mostra a trajetória de Sophia Amoruso, gigante da moda que construiu um império em apenas sete anos. Com um humor repleto de ironia, a história relata os percalços que a empresária passou para criar e organizar uma loja online de roupas. A série foi baseada em um livro, redigido pela própria Sophia Amoruso, e ganha cada vez mais  destaque entre empreendedores que estão em busca de investir neste segmento.

O último relatório da Webshoppers, divulgado recentemente, aponta que moda é o primeiro segmento no ranking do comércio eletrônico.

– Pode-se ter o conhecimento em moda (desenhar ou vestir), porém se não tiver noções básicas de administração e marketing será difícil desenvolver um e-commerce lucrativo – explica o CEO da consultoria especializada em e-commerce, Dr.e-commerce, Thiago Sarraf.

girlbossSOPHIA, A PROTAGONISTA DE GIRLBOSS: ALMA E PERSONALIDADE AO NEGÓCIO

Entre as instruções citadas por Sarraf estão: ser antenado e dar “alma” à loja virtual. O último ponto, mencionado pelo profissional, é uma das primeiras preocupações da personagem de Girlboss no começo do seu negócio. Sophia encontra uma jaqueta muito cara em um brechó e faz uma reprodução para a venda. Ou seja, a personagem faz uma “cópia” da peça, mas atribui também “personalidade”.

– O gestor de um e-commerce deve dar individualidade a cada item que comercializa. O ideal é que cada loja virtual tenha sua própria identidade.

+LU BEMFICA: Cinco lições para aprender com “Girlboss”, o livro da executiva de US$ 100 milhões

Assim como Sophia Amoruso, que foi do lixo ao luxo, o brasileiro está interessado em se tornar empreendedor e ter uma vida financeira melhor. Em 2016, houve um aumento de 20% em abertura de empresas, de acordo com a Unitfour. Só as lojas virtuais faturaram cerca de R$ 44 bilhões. Apesar dos números serem animadores, ainda existem algumas dúvidas se abrir um e-commerce neste segmento é realmente vantajoso.

girl-boss-book-reviewGIRLBOSS, O LIVRO: OBRA DE SOPHIA AMORUSO INSPIROU A SÉRIE DA NETFLIX

Sarraf junto com Paulo Fernandes, CEO da agência de marketing digital ABlab, desvendam em quatro passos para o site MK se vale a pena investir em uma loja online no segmento da moda. Dá uma espiada!

1. Devo sair na frente dos concorrentes no primeiro ano do meu e-commerce
“Isso é um mito. O empreendedor do e-commerce deve monitorar os concorrentes e se possível à margem de lucro deles. Porém, investir em demasia as finanças para ficar à frente de outros e-commerces já consolidados é dar um tiro no pé”, esclarece Paulo Fernandes.

Segundo ele, o gestor do e-commerce deve destinar no início cerca de 30% do seu investimento para marketing digital – Mídias sociais e Link Building – mas não deve fazer um aporte excessivo sem um planejamento de longo prazo. “No segmento de moda, as mídias sociais (Facebook e Instagram) fazem toda a diferença para captar clientes, mas o valor investido para esse fim deve ser pensado e calculado muito bem. Faça a captação de clientes aos poucos, use campanhas bem estratégicas, pois isso irá consolidar o nome da marca”, completa.

forever21instagramPERFIL DA FOREVER 21 NO INSTAGRAM: CONTATO DIRETO COM CONSUMIDORAS

2. Cuidado na escolha da plataforma do e-commerce
Esse ponto é um dos mais importantes para quem deseja montar uma loja online. “Muitos empreendedores acabam falindo, pois acreditam que montar um e-commerce é mais fácil comparado à loja física”, afirma Sarraf. Segundo ele, a consultoria geralmente é acionada por pessoas que estão na berlinda com o e-commerce criado. “Para que o novo empreendedor não passe por uma situação complicada é importante destinar uma parte da verba para o planejamento do site antes do funcionamento”. O consultor ensina como vender online, desenvolver o site, e o principal: ajudar o gestor do e-commerce a estabelecer metas de curto, médio e longo prazo tangível.

farfetch_website3FARFETCH: BEM-SUCEDIDO E-COMMERCE DE MODA NO BRASIL E NO MUNDO

3. Devo ter de tudo no meu e-commerce, assim agrado a todos os gostos
“Esse é um dos piores erros no segmento de vestuário. Para ter sucesso neste nicho é necessário estabelecer o público-alvo, o ticket médio, entre outros detalhes. Além disso, é essencial criar a proposta de valor a marca, a linguagem que será utilizada, identificar a imagem que o comércio quer passar ao consumidor,etc”, evidencia Sarraf.

Ao invés de colocar inúmeros produtos no seu e-commerce, opte por uma única linha de trabalho e invista nas ações pontuais, como, por exemplo, o “Shop the look” que consiste em dar dicas de combinações para os clientes, além de conceder desconto no pacote completo adquirido. “O mais importante é optar por um estilo, monitorar as tendências e acompanhar a evolução do mundo virtual para manter a marca atualizada”.

4. Fidelizar e captar clientes é o maior desafio do negócio
“No segmento de moda trabalha-se muito com mídias sociais e influenciadores, que são os novos formadores de opinião. Segmentos como moda, beleza e estética, necessitam de ações mais direcionadas. O Facebook e o Instagram dominam em termos de conversão de novos internautas para o perfil, site ou blog de determinadas marcas”, esclarece Fernandes, da ABlab.

kefera-3-800x445KEFERA: A YOUTUBER É UMA DAS MAIORES INFLUENCIADORAS DO PAÍS

Paulo afirma que captar clientes é mais difícil do que fidelizar. “É importante criar mecanismos para o cliente ficar fiel ao seu e-commerce, por isso o blog é sempre uma boa alternativa para o compartilhamento de novidades da marca, tendências de moda e promoções. É necessário manter os consumidores atualizados e confortáveis dentro do site, além do mesmo ser funcional”, complementa.

Fontes consultadas
Dr.e-commerce

Criada em 2013 pelo empreendedor Thiago Sarraf, a Dr. e-commerce é uma consultoria que ajuda a traçar estratégias de curto, médio e longo prazo para e-commerces pequenos, médios e grandes sem restrição de nichos.

ABlab – Marketing de Performance
Fundada em 2015, a ABlab é uma startup focada em performance no ambiente digital, inovação e soluções disruptivas. Fornece serviços de SEO (Search Engine Optimization), Assessoria de Imprensa 2.0, Social Media, Otimização de Conversão, Links Patrocinados e E-mail Marketing. Como principais clientes atende as contas de Citroën, Sodexo, Ultragaz, Granberg, Eucatex e BASF, além de marcas dos segmentos de vestuário, automotivo, tecnologia, saúde, entre outros.

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Penteados e escovados para a primeira de muitas noites de autógrafos de Vida Peregrina, que me levaria à lista dos livros mais vendidos do país e confirmaria Bentolino como um dos personagens mais importantes da minha existência como escritora. Seis anos hoje. Saudade, Xerife. ❤️🐶📘 #tbt #2013 #vidaperegrina #livromarikalil
  • Éramos uma família de bageenses morando no Rio e nossa família multiplicava-se com mais bageenses que chegavam no Carnaval. Tudo começava ao cair do sol com um primeiro chope para brindar a união e terminava com corpos ao mar pra curar o ressacão. Lembrança do nosso primeiro bailinho em que eu me retorci para entrar em uma fantasia de odalisca tamanho 14 comprada em uma loja infantil de Ipanema. É que ainda estava borracha da noite anterior. Borrachos entendem. 🍺
Casa da @renatabrasilvidal e do @marcelogoskes; Rio de Janeiro, Carnaval 2006. #tbt
  • Ter o privilégio de passar horas e horas conhecendo muitas das minhas perseguidoras faz a gente mais feliz. Ser recebida com carinho pelo @centrocarinaborges, que abriu suas portas para este momento tão especial de beleza e amizade faz a gente mais feliz. Poder oferecer a excelência dos produtos da @farmathuia para as amigas da Mari faz a gente mais feliz. Servir os melhores quitutes fit da @feeljoy.com.br e a delícia do capuccino proteico do @mundoverdeiguatemipoa faz a gente mais feliz. Rodopiar com um vestido de seda floral da @boutiquemariahelena capaz de traduzir com maestria meu estado de espírito faz a gente mais feliz. Felicidade é encontrar alegria na alegria dos outros; felicidade é a certeza de que a nossa vida não está se passando inutilmente. Obrigada a todas que hoje fizeram meu dia muito, muito mais feliz! ✨🙏🏻❤️
  • Quem nunca aplicou uma dessas?! 👆🏻
  • Me diga se pode existir desgraceira maior do que chegar ao vestiário de natação molhada em cima de um par de chinelos molhados, com o cabelo todo desgrenhado, com o rosto todo marcado dos óculos e ainda ter que pegar a sacola, botar a sacola em cima de um banco, abrir a sacola, retirar os saquinhos plásticos para guardar o maiô encharcado junto com a touca e o óculos, pegar a nécessaire, sair equilibrando toalha, xampu, sabonete e condicionador até o box, sempre pisando naquele chinelo nojento molhado, tomar banho na companhia de fios de cabelos de terceiros, recolher sabonete, condicionador e xampu, secar um por um com a toalha, se enrolar na tolha, voltar pingando até o armário em cima daquele chinelo nojento molhado, abrir o armário, abrir a sacola, guardar o xampu, o condicionador e o sabonete dentro da nécessaire, retirar o pente, desembaraçar o cabelo cuidando para não deixar fios caírem no chão, passar hidratante na volta dos olhos, sérum facial, creme com proteção solar, hidratante corporal, vestir a roupa toda amassada dentro da sacola, sentar no banco com o pé ainda molhado em cima daquele chinelo nojento com fio de cabelo de terceiros grudados na sola, secar dedinho por dedinho, colocar o sapato, secar o chinelo, ensacar o chinelo e terminar a maratona botando os bofes para fora do calorão que sai daquela quantidade de chuveiros quentes e secadores ligados. 
Me diga: pode existir desgraceira maior?!
  • Tenha coragem para as grandes adversidades da vida e paciência para as pequenas, e quando tiver cumprido laboriosamente sua tarefa diária vá dormir em paz. Deus está acordado. (Victor Hugo).