Insatisfação profissional, quem nunca? Especialista mostra os passos para mudar de carreira

Eu acredito que cada um de nós é responsável pelo próprio sucesso ou fracasso profissional. Simples assim. Parar de terceirizar a responsabilidade pela satisfação profissional é o primeiro passo para começar a fazer a gestão da sua própria carreira. Você comanda.

Conheço muita gente que, seja por falta de informação ou irresponsabilidade, ingressa em uma empresa, começa a trabalhar e relaxa, achando que o salário mensal e todos os benefícios que a CLT oferece são garantia de felicidade e vida mais tranquila. Esquecem que cargo e crachá são provisórios.

No caso de profissionais autônomos, a diferença está na escolha. Sua atividade atual está de acordo com o que você faz de melhor? Será que você ganharia para fazer o que gosta?

mulher-plano-negocioCOLOQUE NO PAPEL: TRACE OBJETIVOS E BUSQUE RESPOSTAS DENTRO DE SI

Fazer a gestão da própria carreira não é bajular chefe no intuito de garantir vantagens. Até acredito que facilita. Mas não sustenta por muito tempo. Primeiro, onde você quer chegar? Planeje a sua trajetória. Trace seus objetivos profissionais: promoção, cursos de qualificação, transição de carreira, o que você quer? Para chegar a essas respostas é preciso olhar para dentro. Comece listando coisas que você gosta de fazer, coisas que você faz tão bem que é reconhecido por isso e pense: você seria pago para trabalhar com seus talentos?

+LU BEMFICA: Slow Life: desacelerar e saber dizer ‘não’ são habilidades pessoais valiosas

Quando chegar a uma resposta, faça outra análise: liste suas forças e as suas fraquezas. Sim, é preciso olhar suas dificuldades de frente para trabalhá-las no sentido de diminuir o impacto dos gaps. Depois, analise as ameaças ao seu foco profissional e também as oportunidades. Lembrando que ameaças e oportunidades são externas. Isso chama-se análise SWOT.

Feito isso, estabeleça como atingir seus objetivos com prazos e trabalhe no sentido de atingi-los. Durante esse período, é importante investir em si. Cursos de qualificação, coach, consultoria, livros, imagem pessoal. Lembre-se: vista-se para o trabalho que você deseja, não para o que você tem. Sua carreira, independentemente da empresa onde trabalha, precisa estar acima do crachá temporário. Sua marca pessoal é o melhor investimento que você pode fazer.

Compartilhar
Luciane Bemfica

Luciane Bemfica

Luciane Bemfica é jornalista no mundo corporativo que foi escolhida pela profissão. Em 2015 decidiu fazer MBA em Negócios Digitais para arejar as ideias. Foi aí que descobriu sua paixão pelo branding pessoal. Fez cursos e criou um site para ensinar que o nome e a imagem são o patrimônio mais valioso de qualquer profissional - estagiário, tia do café, chefe, dono de empresa ou do seu próprio nariz. É a número três de quatro irmãs, e a dinda da Vic e da Manu.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Abençoando Manu & Pedro 🙏🏻🙌🏻♥️ #casamentomanuepedro
  • O primeiro boomerang pedido por uma fãzona no meio do shopping a gente nunca esquece! Obrigada por tanto carinho, Gabi @conselheiraliteraria ♥️
  • Faz cara de palestrante, Mariana! 😂😂 Repost from @assessoriafotografica Mariana Kalil durante  a #fbv17 – Feira Brasileira do Varejo
  • Vamos colocar as garras de fora ou descascar um abacaxi?
  • Muito honrada de ser case desta super profissional! ♥️Repost from @lubemfica @ Pessoas se identificam com... pessoas! E é por isso que humanizar a marca pessoal é uma estratégia poderosa: vida real faz sucesso. ✔️ Te convido a ler este texto no blog: www.lucianebemfica.com ✔️Este é um dos temas da aula de Personal Branding na Prática, dia 23/8, em Porto Alegre, no @padrechagascoworking. ✔️ Inscrições no link que está na minha bio.
  • Azul claro pra clarear as ideias! #segundafeira