Vida real faz sucesso! Humanizar a marca pessoal é uma poderosa estratégia

Você já ouviu falar que pessoas se identificam com… pessoas? Parece óbvio, mas sempre que me refiro a engajamento nas mídias sociais e exemplifico que quando postamos uma foto em que aparecemos, esta foto tem muito mais curtidas e comentários que outras em que não aparecemos. Puxando a brasa pro meu assado, as marcas pessoais, isso é humanizar a nossa marca.

A humanização das marcas não é uma estratégia nova, embora pouco utilizada pelas marcas empresariais em geral. Gerar identificação com pessoas é um poder fenomenal. Costumo dizer que nossos defeitos fazem um tremendo sucesso quando compartilhados de forma adequada.

Pois neste tema vou me apropriar do exemplo de marca pessoal da Mariana Kalil pra humanizar este assunto. Mariana tem um talento incrível para escrever (ponto fortíssimo dela) e já conseguia, com a coluna semanal em jornal diário, abordar temas do cotidiano com uma linguagem bem-humorada, descontraída.

lu-mariMARIANA KALIL: NA ESCRITA E EM VÍDEOS NO STORIES, A VIDA COMO ELA É

Quando começou a utilizar a própria imagem em vídeos para o Stories do Instagram (@mari_kalil), concretizou a humanização da sua marca pessoal. Quem acompanha a Mariana (e o Chiquinho, o Bento e a Papaqui) sabe que o mundo não é perfeito, que os perrengues do dia a dia acontecem com todo mundo, que ela tem seus medos, superações e vitórias. Vida real faz sucesso.

Carol Bassi também está aí para provar que humanização da marca é poder. Carol Bassi vende seu mix de produtos sem ter site próprio, o valor das peças é alto, mas a estratégia dá certo porque há empatia. Mesmo quem não é cliente fica viciado em acompanhar a novelinha da vida real pelo Stories. O valor da marca Carol Bassi é traduzido em informação que ela passa (de graça!) sobre moda, viagens, filosofia de vida.

lu-carolCAROL BASSI: SUCESSO DE VENDAS SEM A NECESSIDADE DE SITE PRÓPRIO

Termino este texto sobre humanização com uma confissão: acordei com uma tremenda dor de cabeça mas não me deixei vencer pela vontade de voltar pra cama e me fechar no escuro até a enxaqueca passar. Gravei meus vídeos lá no Instagram, soltei a inspiração sobre este tema aqui e a vida segue.

A vida mais real e menos comercial de margarina é muito mais saborosa.

Compartilhar
Luciane Bemfica

Luciane Bemfica

Luciane Bemfica é jornalista no mundo corporativo que foi escolhida pela profissão. Em 2015 decidiu fazer MBA em Negócios Digitais para arejar as ideias. Foi aí que descobriu sua paixão pelo branding pessoal. Fez cursos e criou um site para ensinar que o nome e a imagem são o patrimônio mais valioso de qualquer profissional - estagiário, tia do café, chefe, dono de empresa ou do seu próprio nariz. É a número três de quatro irmãs, e a dinda da Vic e da Manu.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • “Hello, doctor Renato! Good morning and good news! Doctor Guy can receive us the coming monday at Sheba Medical Center. The cells grew very well, they are approved for protocol in Israel”. ✨✨✨
Não perca, nunca perca, jamais perca tua força, tua coragem, tua fé.
  • O amor e o carinho de todos vocês, perseguidoras e perseguidores, me impulsiona como uma malabarista que voa pelo céu encantado em seu trapézio mágico. O amor e o carinho da minha família e amigos é o que me mantém firme e forte até aqui, com desequilíbrios e tropeços, sim. Mas com muito aprendizado. Não foram dias fáceis, não tem sido nada fácil e tampouco será daqui por diante. Mas, com fé, força e coragem, chegará o dia em que vamos emergir juntos lá do fundo desta tempestade - e então bastarão algumas braçadas e já estaremos do outro lado da margem deste mar revolto. O lado da cura. Amanhã, já posso voltar a comer batatinha em casa. E vamos em frente. 💪🏻 #bepositive
  • A dinda vai cair e levantar quantas vezes forem necessárias para te ver crescer e florescer em um mundo lindo de rosas amarelas, meu pequeno Johnny. 💛
  • Mais uma etapa vencida; mais três corações explodindo de felicidade de voltar pra casa. Em frente. 👊🏻 #bepositive
  • Uma ideia criativa de servir pão (vou imitar) y otras delícias do Bell Café: couve-flor, kebab e húmus (sempre ele!). #telavivfood 😋
  • Se você não vem comigo, nada disso tem valor. De que vale o paraíso sem amor? Se você não vem comigo, tudo isso vai ficar. No horizonte esperando por nós dois.