É muita fissura de uma vez só

Bento e eu estamos conversando meio que à distância. O animal anda com mau hálito. Cheiro de peixe, melhor dizendo. Desde que passou a tomar diariamente meio comprimido de Gerioox para o probleminha crônico de artrite e artrose que tem na pata dianteira direita, passou a exalar esse fedor de peixe morto pela boca. Deve ser o ômega 3 funcionando no corpinho da criatura.

bento1POR ISSO QUE ESTOU ENCALHADO

Agora resolveu usar essa história como desculpa e dizer que a culpa é minha. Que ele estava cheio de candidatas e coisa e tal, mas então eu resolvi tratar do problema na pata, ele passou a exalar cheiro de peixe morto pela boca e a responsável por todos os males sou eu. Já estou acostumada mesmo. Na próxima sexta-feira, nossas esperanças de que o tratamento da patinha não dependa tão e somente do Gerioox se renovam.

bento1GRAÇAS A DEUS

A Nara, mãe da Lila, minha comadre, me indicou uma veterinária especializada em homeopatia, Dra. Suzana Nodari. A agenda dela é bem complicada, estamos há um mês para conseguir a consulta. Finalmente, será na próxima sexta-feira. Ela vem em casa, faz trocentas mil perguntas sobre tudo e examina o animal. Não me perguntem quanto custa porque eu não tive coragem de saber, uma vez que a saúde do animal é muito mais importante do que meu saldo bancário e preferi nem levar em conta o valor.

mulher-chorando-na-praia1SEXTA-FEIRA EU CONTO

A Nara e a Lila tinham uma labradora que era um doce, a Nina. Uma cachorra muito querida, meiga, inteligente, dócil e educada. No fim da vida, já com muitos problemas, Dra. Suzana começou a tratar da Nina – e a Nara me contou que a melhora foi surpreendente. Disse que, se tivesse descoberto a Dra.Suzana antes, a vida da Nina teria tido uma melhora de qualidade incrível. Espero, sinceramente, que ela possa contribuir com a patinha do animal.

bento1EU TAMBÉM

Bento manca um pouco, mas nada que impossibilite os passeios. Aliás, acho que não há nada no universo que impossibilite a gana de passeios do animal. Talvez a Dra. Suzana ajude a encontrar uma solução para as coceiras também, uma vez que não posso dar injeções de corticóide a cada crise alérgica e, nos últimos dias, ele anda focado em pontos estratégicos do corpo e nas patas. Parece que vai arrancar a pele fora.

bento1É MUITA FISSURA

Foi bom o animal falar em fissura porque foi uma fissura mesmo que eu senti quando vi as fotos do novo jeans da Cavalera. Eu amo jeans, jeans é minha peça de roupa preferida, não sei viver sem jeans, jeans é a única coisa que eu não dou, eu coleciono jeans, mesmo aqueles que não servem mais em mim. Meus jeans contêm minhas histórias, cada um traz consigo uma parte da minha vida e por isso guardo todos com tanto amor e carinho – e por isso, quando tenho um tempinho livre no fim de semana, gosto de ficar experimentando todos e recordando momentos queridos.

mulher-arrancando-os-cabelosEU SOU NORMAL

Pois o jeans da Cavalera é diferente de tudo o que já conheci. Chama-se Jogger Jeans. Parece jeans… mas não é!

Olha!

CAVALERA CALCAO tecido usado é fabricado no Brasil e possui elastano e algodão em sua composição. O objetiVo é conjugar o conforto do moletom com a versatilidade do denim

Cavalera 07.02.4836 - R$ R$ 344,00-1Modelo com a lavagem mais desgastada. Este custa R$ 344.

CAVALERA CALCA CORDACom a cordinha na cintura fazendo alusão à calça de moletom

CAVALERA CALCA PRETALavagem preta e também com a cordinha na cintura

CAVALERA BERMUDAPor fim, bermuda!!

Só experimentando para saber se cai bem. Porque, vamos e convenhamos, jeans é uma coisa muuuuito particular de cada um. Por falar em experimentar, queria pedir um favor a quem vem aqui todos os dias. Eu continuo com a suspeita de que o blog não anda facilitando a postagem de comentários. Minha suspeita faz sentido em função do número de comentários que recebia antes de migrar para a nova plataforma WordPress exigida pelo site de Donna. Assim sendo, acho justo, uma vez que vocês são minhas amigas e amigos, que tentem comentar. Logo aqui abaixo, vai!

mulher-rezandoPOR FAVOR!

A gente combina o seguinte: vocês tentam comentar. Se conseguirem, não precisam escrever nada de mais. Só um “Oi, Mari! Consegui!”. Se não conseguirem, podem me enviar um email para mariana.kalil@revistadonna.com dizendo “Oi, Mari! Não consegui. Aconteceu isso, isso e aquilo”.

mulher-espertaCOMBINADO?

bento1FAÇAM ISSO, POR FAVOR

Ué, resolveu se compadecer de mim agora?

bento1É PELO BEM DA MINHA SAÚDE MENTAL

Compartilhar
66 Comentários
  1. Amo Cavalera!!!! Tb queeero!!! Onde será que já tem???? E espero que recebas meu post! Também já tive dificuldade e desisti 🙁 !! bjo Raquel

  2. Oi Mari! Eu acompanho sempre o blog, mas não estou conseguindo comentar por falta de tempo mesmo. Mas atendendo o chamado, estou aqui pra te ajudar.
    Aproveitando, tem programada alguma seção de autógrafos do Vida Peregrina? Gostaria de adquirir, mas tem que ser autografado!!! 😀
    Eu tenho o Peregrina de Araque autografado por ti na feira do livro de POA de 2012. http://revistadonna.clicrbs.com.br/porai/2012/11/08/foi-um-imenso-prazer/#comments .Sou a loira de blusa estranha, rsrsrs . Que mau gosto que eu tinha nesta época!
    Beijos Mari! Sucesso sempre!!!

    1. Hahaha!! Daiani, por enquanto não tem nada marcado. Mas uma horinha que tiver tempo, passa na redação que autografo pra ti com o maior prazer!! Bjo. MK

  3. Oi, Mari! Consegui!
    Mas precisei redefinir minha senha, embora eu tenha certeza que ela estava certa!!

    Beijos pra ti e lambidas no Bento!!

  4. Sou fã do teu blog mas não sou de comentar, sei lá porque, he,he,he…. Hoje estou escrevendo porque pediste para ver se há algum problema. Abraço pra ti e pro Bento.

  5. Mari… tadinho do Bento .. logo passa… minha Lúmina tem ciúmes de Bento , pois fico lendo e falando olha lulu, como Bento é isso aquilo .. ela me olha meio que de atravessado , até parece que sabe do que estou falando … ( mãe de cachorro é assim meio doida mesmo kkk ) adoro teu blog .

  6. Oi, Mari! Consegui!
    Mas assim… acho que, além de alguns probleminhas, pode ser que o povo esteja com preguiça de fazer o cadastro. Ou, também… O que andou me afetando: antes eu recebia por e-mail informações de postagens novas, agora não recebo mais. Assim, acabo perdendo uma que outra por não saber que aconteceram.

    bjos e melhoras pro Bento!

  7. Oi Mari, entro aqui para ver seus posts todos os dias e mais de uma vez. Adoro demais você, não consigo deixar de entrar para ver se colocou coisas novas. Você é demais! Me inspiro muito nos seus post. E um dia sonho em te conhecer.
    Nunca havia feito comentário, nem sei o motivo, mas como você pediu para fazermos testes, resolvi mostrar que existo e estou aqui todos os dias. Te adoro. Beijos

  8. Olá Mariana!
    Acompanho teu blog, ou seria do Bento…enfim, acompanho o blog praticamente diariamente , e adoro as tuas histórias e dicas. Amooo as intervenções do Bento!!
    Bom, faz algum tempo penso que tenho que te escrever sobre outras alternativas de tratamento para a artrose do Bento, mas nunca consigo escrever….Hoje consegui. Sou veterinária e especialista em fisioterapia e acho que um tratamento fisioterápico poderia ser uma alternativa para o Bento, animais com artrose, normalmente responde muito bem.Se quiser saber mais sobre a fisioterapia em animais será um prazer esclarecer para vocês.
    Beijão Gabi!

  9. Oi Mari
    Primeira vez que tento comentar no novo site. Tudo certo.
    Porém, ao ler as reportagens não consigo rolar a página até o fim. Ela volta para a metade e fica travando quando tento rolar com o mouse. Uso Chrome.
    Ah, sobre o Bento, a acupuntura também é uma alternativa bem interessante! Tenho uma amiga que está fazendo pós na área e relata “milagres” com a técnica aplicada em animais!
    Abraços

  10. Oi, Mari! Consegui! (acho que as pessoas devem estar achando difícil porque, para comentar, elas têm de se cadastrar no Donna, não?)

    1. Acho que é por aí, sim, Fabíola!! estou chegando a esta conclusão, apesar de ter recebido emails de algumas pessoas que realmente não conseguiram comentar. Bjo. brigada. MK

  11. Oi Mari! Consegui me conectar sem problemas! Mas vou confessar o motivo pelo qual eu passei a não comentar, não sei se aplica aos outros leitores e leitoras – a obrigatoriedade do registro, ter que fazer senha, fornecer email, correr o risco de começar a receber spams e ficar com a caixa de entrada estourando…porque isso acontece muito!
    Antes era tão mais fácil… Mas agora já estou registrada, tudo certo!
    Beijos pra ti e pro Bento – pelo menos hoje teve um solzinho tímido pro passeio!

  12. Fico feliz por fazer meu primeiro comentário nesta coluna incrível. Tenho um “Bentinho” de dois anos e meio que é tudo (não tenho filhos), então acompanho diariamente a saga de vocês porque é a minha: passeios, loucura por guloseimas, coceiras, pitis no pet para o banho. Só muda o endereço. Beijos aos dois.

  13. Oi Mari! Te escrevo hoje por dois motivos:
    1) Para te ajudar com os comentários do blog e ver se realmente há algum problema…
    2) Para te dizer que espero que tu tenhas muito sucesso no tratamento homeopático do Bento. Sou farmacêutica com especialização em Homeopatia (mas não atuo nessa área) e durante a minha formação estudei com muitos veterinários. Vi muitos tratamentos que deram super certo!!! Tanto o veterinário quanto o dono precisam ter uma percepção bastante aguçada uma vez que os animais não conseguem nos relatar o que realmente sentem. De qualquer forma, garanto que tu tens essa percepção!!! Queria apenas te dar uma dica com os cuidados com os medicamentos homeopáticos. Eles devem sempre ficar longe de aparelhos que emitem radiação (microondas, celulares, computadores, tv, etc). Existem outros cuidados, mas com certeza na farmácia onde tu manipulará os medicamentos tu será orientada!!! Beijão!!!

  14. Oi Mari, consegui.
    Estou torcendo muito pela recuperação do Bento. A gente sofre por estes nossos amigos, que não conseguem dizer explicitamente o que sentem.
    E quero ver uma foto tua com o jeans!
    Beijocas, Vanessa

  15. Mari querida, sabes como ninguém como amo tudo que tu faz e a nossa Zerinho, então tomo a liberada de te dar uns inputs, vamos para algumas observações:
    1- o balão que faz o link para o comentário está no começo do post, e não no final. Acho que todo mundo gosta de comentar depois de ler, por isso acho que seria mais bacana o balão estar no final.
    2- cadastro, sei que é super mega blaster importante termos um CRM bacana de leitores, porém esse processo novo pode inibir alguns comentários.
    3- ao cadastrar-se ao invés de automaticamente estarmos logados, temos que fazer todo o processo de novo. Login + Entrar balão de comentários no post + Entrar nos comentários. São muitos passos, o ideal seria terminar o cadastro e estar logado e voltar para o ponto onde estava quando indicado “para vc comentar deve estar logado” e não “boiando em lugar nenhum.

    Mas no fim são todos detalhes tão pequenos de nós todas, e tudo tá mais lindo que nunca!

  16. Oi, Mari!
    Sabes que hoje no começo da tarde, enquanto trabalhava, pensava que fazia dias que não conseguia ler teu blog. E, não sei porque, pensei se havia algum motivo prá não ter mais tanto comentário. Se era pq as leitoras ainda não estavam acostumadas com tua nova casa ou se estava difícil. E , confesso, sempre tive preguiça de comentar aqui, por causa do cadastro. Daí, consigo tempo prá ler e tu falas, justamente, no que eu estava pensando…
    Então, agora que me cadastrei e entrei, faço minhas as palavras da Carolina Pomar: está muito vai-e-volta!
    Será que dá prá facilitar a vida da galera de cá, tuas leitoras, tão lindas e queridas?
    Beijão!

Deixar uma resposta Cancelar Resposta

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.