Estilo contra dores no pescoço

Eu vivo com o pescoço duro. Não sei se é de tensão, não sei se é do bruxismo que eu tenho à noite (embora durma com placa de silicone), não sei o que é. Só sei que é crônico. Quando essa tensão do pescoço não passa para a cabeça, está tudo certo. O problema é quando a dor sobe alguns andares e alcança meu cérebro. Aí sim, tenho vontade de morrer.

SÓ EU SEI A VONTADE DE MORRER QUE TENHO

Sempre que posso, em casa, ando com minha mantinha térmica enrolada no pescoço. Não há nada melhor para relaxar. Já falei sobre ela no post Dores e passeios sem trégua.

EU TE AMO, MANTINHA!
(Tirei essa foto num momento de tanta dor que nem foco consegui dar)

Chico diz que eu contribuo para minha dor de pescoço. Sou incapaz de pegar sequer um cachecol para, por exemplo, passear com o Bento nas manhãs de frio. Não tiro a razão dele. Dia desses, Chico chegou em casa com um cachecol de presente para mim, com duas tonalidades de cinza, da Side Walk. Um amor. E o melhor de tudo…

NÃO PINICA MEU PESCOÇO!!

De repente, peguei um amor incondicional por cachecóis, mantas e echarpes e afins. E a ideia de procurar muitas outras para usar virou questão básica de sobrevivência, sobretudo porque minha mãe disse que semana que vem será um horror de frio. Minha mãe é daquelas que fica esperando a moça do tempo do Jornal Nacional mostrar o mapa. Todo ano é a mesma coisa. Cada vez que a mulher aponta para baixo, e o mapa aparece azul ou branco, a mãe começa a surtar.

MEU DEUS, VAI FAZER FRIO!
MEU DEUS, VAI GEAR!
MEU DEUS, NÃO VOU SAIR DE CASA!

Ontem, ela teve a capacidade de me dizer que hoje seria o último dia possível pelos próximos 10 dias para ir ao podólogo e à manicure.
– Eu já marquei minha hora na sexta. Depois vai ficar impossível.
– Como assim, mãe? Vai ter greve de podólogos e manicures também?
– Não, mas e o frio!!?? Eu não quero saber de tirar a meia no frio!!

EU NÃO TENHO ESSE PROBLEMA, NÉ?

Não, querido. Infelizmente. Um pouquinho até deveria ter, meu amor. Ao menos não me faria sair porta afora às 7h da manhã lacrimejando e com o pescoço duro. Minha necessidade de mantinhas quentinhas para o pescoço coincidiu com um dos pedidos da lista da série “elas mandam em mim“.

SENHORAS E SENHORES!

BAM BAM BAM BAM BAM BAM!!!

O PEDIDO DE HOJE VEM DA… MONIQUE!!

“Tu podia escrever sobre pashminas, lenços, echarpes, mantas… Fazem parte do meu guarda-roupa o ano inteiro, mas agora no inverno são bem solicitados e tem uns modelitos lindos. Adoooooro! Bjinhos e bom findi”

VAMOS A ELAS, MONIQUE!!

Em primeiro lugar, há diferenças entre cada um desses acessórios, mas vou tratar tudo como se fosse uma coisa só, já que a ideia não é virar dicionário e explicar o significado de cada um, mas aprender a compor com estilo. Eu acredito que o melhor a fazer nesse caso é buscar inspiração em street style. Foi o que fiz. Todas embarcadas??

FOTOS COMENTADAS, Aí VAMOS NÓS!

 

Gosto muito dessa combinação no inverno de cores mais claras, o camelo da jaqueta com o branco da echarpe. Fugir das cores escuras no frio é fugir do lugar comum. E quem pensa que um lenço branco no inverno não tem vez engana-se redondamente

Adoro esse estilo de acessório de lã, digamos assim, mais fofinho. Em um dia em que não está tão frio e dá para usar uma camisa, ele protege do ar fresco e proporciona uma sensação de aconchego. Como a camisa é estampada, ela optou por um acessório neutro em um dos tons da estampa da roupa. Bingo!

No caso desses modelos de lã mais grossa, o ideal é prender o cabelo, num coque podrinho ou mesmo num rabo de cavalo para dar uma “limpada” no visual. O que eu gosto em cachecol, pashminas e afins é essa sensação de quentinho e conforto que transmitem

Quem diz que marrom não combina com preto? Quem, quem? Olha que lindo destaque para o visual neutro essa linda moça da esquerda consegue com um lenço marrom. E olha que toque moderno essa outra linda moça da direita consegue com um simples acessório animal print!

Aqui, o que eu quero mostrar é que todas as quatro meninas tem algo em comum: usam o acessório para aquecer o pescoço. E esta é justamente a função de um cachecol ou de uma pashmina no inverno. Não gosto muito quando o cachecol vira um item decorativo, sabe assim? Pra mim, é como usar chapéu ou gorro dentro de casa ou no ambiente de trabalho. Chapéu e gorro têm a função de manter a cabeça aquecida quando estamos andando na rua. Quando estamos em um ambiente interno, perdem todo o sentido. Sendo bem clara: tire o seu gorro ou seu chapéu quando chegar ao trabalho

CAPITOU?

É PRA TIRAR O CACHECOL TAMBÉM, MARIANA?

Se estiver calor no local, claro que sim. A ideia não é morrer sufocada só pra fazer estilo. Quando falo em cachecol ou pashmina como item decorativo em vez de funcional, que é aquilo que não gosto, como já mencionei, estou falando mais especificamente disso!

Não gosto de pashmina só pra fazer gênero. Ou enrola no pescoço e dá uma função para ela, ou tira ela daí

Pra terminar, eu amo de paixão esse vídeo da Wendy, uma blogueira oriental que ensina 25 maneiras de amarrações com muuuito estilo. Sabe a vontade que sempre me dá depois de assistir? Fazer um rancho de echarpes naquele lindo quiosque Scarf Me, do Iguatemi.

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

32 Comentários
  1. Oi Mariana, eu amoo mantas e encharpes, tenho alguma, mas tenho muita dificuldade de usar elas, pois eu trabalho de uniforme(muito sem graça por sinal), ele é composto opr calça preta, e uma jaqueta vermelha sangue…e isso é todos os dias….
    Beijos para vcs…Mari, Bento e Olivia!!!

  2. Oi Mariana
    Um lugar que está abarrotado de lenços, golas infinitas, echarpes e etc é a Renner, a maioria com desconto. Não é tão chique quanto a Scarf Me mas tem várias coisas bonitas. Vale a pena!
    Beijo
    Carla

  3. ADOREI MARI!!!! Sou apaixonada por echarpes, pashmina, cachecóis e afins!! Meu marido pira comigo quando chego com mais uma em casa. Ele não entende a necessidade! E amei o vídeo!!Só não gosto muito daqueles que ficam muito fofos, às vezes parece que o pescoço ficou engessado. bj! Boa sexta-feira!

  4. Oi Mariana!
    Leio o blog sempre, mas nunca comento. Mas hj foi diferente.
    Tb sou super tensa no pescoço, e descobri na Farm uma manta com capuz :))))
    Amooo. Ela e super quentinha, macia e ainda tem um capuz atras. Não sei se ainda tem na loja, pois a coleção mudou! Mas de repente no site tu encontra!
    Não sei enviar foto por aqui, pena. A minha é cinza!! Bj

  5. Que legal…adoro mantinhas e afins…mas sempre saio de casa correndo e arrumo do mesmo jeito sempre….quem sabe agora eu me inspiro.
    Eu tb quero dar sugestões posso??
    Tu podia escrever sobre dança para mulheres adultas,(tipo aquelas que nem eu que nunca dançaram nada mas que estão querendo fazer algo diferente e divertido) quais as mais indicadas, escolas, beneficios,etc…é possivel aprender ballet clássico depois de adulta (sempre me pergunto isso)..enfim.
    Outra ideia: looks práticos, elegantes e bonitos para quem vai para o trabalho a pé ou de bike (meu caso), pois ao contrário do pessoal que anda de carro não consigo ir de saltão, saia, enfim…e as vezes tenho dificuldade em fugir da mesmice…
    Bjssss!!

  6. Adoro cachecol, lenço, manta, paschmina.
    Não falastes sobre lenços, que gosto mais porque são mais leves.
    Também tenho tensão acumulada no pescoço, e me sinto mais confortável com lenços, que mantém a região aquecida sem pesar.
    E um detalhe no pescoço faz toda a diferença no visual, principalmente no inverno.

  7. Ahhhhh, eu adoro mantas, cachecóis, lenços! Adorei o post!
    Quanto a dor no pescoço, você já fez uma avaliação com um quiropraxista? Eu tratei a dor crônica que tinha e me obrigava a tomar analgésicos pra dor de cabeça todos os dias. É impressionante como a quiropraxia resolve nossos problemas! Tenta!
    Beijos.

  8. Mari, com a osteopatia não melhorou tuas dores na cervical???Tenho dores crônicas (hj é um dia desses) e estou pensando em ir correndo para um consultório, não agüento mais fazer uso de relaxantes musculares. :-( bjs

  9. Adoooro mantinhas e coisas do gênero! Adorei o post e o vídeo!

    Agora um comentário nada a ver com o assunto: podias descobrir com algum entendido em infomática aí no Clic pq os emoticons sempre aparecem fora do lugar nos nossos comentários. Eles sempre “pulam” pro início da linha e ficam totalmente fora de contexto! :)

  10. Oi Mari!
    Bem legal o post.
    Meu pescoço também dói por frio, tensão, má postura, de tudo um pouco. Sinto muito frio no pescoço e orelhas, então mantas, pashminas e afins são um acessório imprescindível e a sensação de aconchego é um conforto de que não abro mão.
    Bom findi! Abraço, Andrea.

  11. Mari, eu tb sofro constantemente com as dores no pescoço. Na época que fiz mestrado fora do país tive que ir no médico de tanta dor, e ele me recomendou usar o colar cervical duas horas, duas vezes por dia, quando estivesse em crise. Me ajudou muito!
    Hoje em dia faço pilates e musculação para manter os músculos firmes e segurar o cabeção!!! :)
    Melhoras.

  12. Oi Mari!
    Sou viciada na manta térmica para o pescoço, adoro, não vivo mais sem!
    Minha afilhada confecciona, ela tem um atelier de costura, faz coisas lindas.
    Aceita encomendas! Nome dela é Gabriela Carolo e no face vc acha como Sofi acessórios em tecido, da uma espiadinha….bju bom findi

  13. oi mariana, leio muito o seu blog e vi que vc esta aceitando assuntos para o blog…pois tenho um…e gostaria muito que vc falasse sobre isso, e me desse uma ajuda…o assunto que eu quero que vc fale é ” como parar de roer as unhas??” ou ” porque roemos as unhas??”. Sei que vc tem suas unhas sempre lindas e bem feitas, eu por outro lado, não consigo deixa-las crescer…quando elas estão ali na beirada eu não me aguento…acho isso suuper feio…mas não sei…é um vicio..tipo assim..por favor se puder me dar um luz..agradeço!!

  14. kkkkk Mariana, olhando as fotos percebi que nenhuma delas contempla mulher na menopausa (meu caso). Todas são novinhas e seus hormônios também. Aproveita para usar agora, depois só de olhar uma delas dá um calorão, mas um calorão que só de abrir a gaveta dá suor!
    E quanto ao pescoço, sofri disso muito tempo, até encontrar o Yoga Iyengar. Vapt Vupt! Acabaram-se os problemas! Nem sei mais se tenho coluna e isso é o máximo!
    Tem um local mega bacana ali no Moinhos. Recomendo.

  15. Essa mantinha térmica tem na loja Ravish ali na Eudoro Berlink! Tem vários modelos e para diversas partes do corpo. Além disso elas são “recheadas” com ervas!
    Bjs

  16. Oi Mari, consegui ler o post. Acesso todos os dias teu blog, adoro a forma como escreve! Amo mantas e echarpes, inclusive minha avó fez uma manta estilo fofinha como tu escreveste muito linda. Beijos

  17. Adorei seu site, informações importantes com um estilo leve e bem humorado! Parabéns, ah, é claro que tem um certo cãozinho explorado (blogueiro tem que ganhar bem) portanto, trate de pagá-lo em gostosuras! ;)

  18. Mari, sofro do mesmo problema com dores no pescoço e essa coisa toda de cachecóis e coisinhas que abraçam e esquentam o pescoço realmente ajuda muuuito!
    Mas como leitora assídua do teu blog e sei que você sempre é a escolhida para dizer sobre restaurantes bacanas pra ir e tal, queria dar uma sugestão de post… VINHOS!
    Eu sou completamente alheia a essa vida VINISTICA kkkk
    Queria saber como você escolhe os vinhos, quais os critérios e tudo mais, pois gosto de vinho mas acabo sempre escolhendo o mesmo!
    Aliás, manda um super beijo pro Bento, diz que a Mel (minha Maltês, também já uma senhora como ele) está encantada por ele!
    Sucesso com o novo livro e com o blog que está a cada dia mais incrível!
    Um beijo!

  19. Um post de um resumão dos teus últimos 12 anos de vida :D Tua vida com o Bento. Nós cachorreiras de plantão vamos adorar. Se cogita ou nunca cogitou um cachorro de estimação para ele. Beijo

  20. :)
    De nada, Tassi!!
    Esse blog de unhas é supimpa! Tá, mas esse AQUI é bem melhor que qualquer outro POR AÍ!! hihihihihihihihi
    Força na peruca e que venham unhas bonitas, Tassi!!!
    Bjos e boa semana pra todas!

  21. Comecei amar cachecóis e cia depois que fui morar em Genebra, ah as suíças e francesas adoooram, e eu aprendi a usar e iniciei uma coleção linda, dificilmente saio de casa sem um enrolado no pescoço, ou só jogado fazendo charme :)

  22. Mari, minha mãe tem bruxismo também e foi proibida de usar a placa de silicone para dormir, pois segundo a dentista o silicone só atrapalha e aumenta o bruxismo e as dores de cabeça. Sei lá, talvez possa ser isso! Existe uma placa de acrílico que não é tão bonita, mas é a salvação. Beijo

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.