Museu da Hebe, a missão!

Desculpem a insistência, mas eu continuo obcecada em saber que diabos eu conversava com a Hebe na ocasião desta foto sobre a qual já falei no post anterior, SAUDADE DE VOCÊ, HEBE.

POR QUE EU ESTAVA COM ESSA CARA DE GALINHA MORTA?

E daí que comecei a revirar no meu baú de anotações pra ver se encontrava o que eu havia ido fazer no Teatro do Sesi no dia 30 de outubro de 1998, como está datada atrás da foto. E daí que procura daqui e procura dali, eu abro uma pasta e…. ENCONTRO MAIS ESTA SEQUÊNCIA DE FOTOS!

MOMENTO OUVINDO HEBE
MOMENTO TENTATIVA DE SELINHO DA HEBE
MOMENTO CHAMANDO HEBE NA XINXA

Sério, eu estou DE-SES-PE-RA-DA! Eu preciso saber cada palavra desse diálogo, sobretudo agora que estou decidida a levar a cabo minha brilhante ideia do MUSEU DA HEBE. Já tive outros insights hoje de manhã. Além de exposição de figurinos, joias, sapatos e do bistrô à beira da piscina da mansão da Hebe, onde seriam oferecidas bebibidinhas e comidinhas que a Hebe gostava, tem que haver um espaço audiovisual, com fotos e transmissões dos programas da Hebe.

IMAGINEM VER ESTA COLEÇÃO DE ESMERALDAS DE PERTO!

Teria que existir também o “Espaço Gracinha”, mas este eu ainda estou bolando como seria. Assim que tiver o projeto bem sacramentado, recolho a assinatura de todos, cujas manifestações estou recebendo aqui no blog na parte dos comentários, e levo para o seu Silvio Santos ou para o seu Eike Batista. Um dos dois vai ter que bancar a ideia, não é possível!

REPAREM BEM NESSA IMAGEM. PODE SER VOCÊ AMANHÃ

Outra sugestão: com um investidor de peso, pediríamos ao Museu Madame Tussaud, de Londres, que recriasse a réplica da Hebe em tamanho real dando um selinho no ar. E daí poderíamos tirar fotos nossas dando selinho na Hebe pra levar de recordação!!

Eu estou indo já patentear minha ideia.
É agora que fico rica!!



Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.
  1. Eu já tinha tido esta idéia. Mas tudo bem, você falou primeiro e pensou detalhes. Parabéns, sucesso e riqueza. A Hebe merece e nós merecemos ter um lugar para matar a saudade..

  2. Eu já tinha tido esta idéia. Mas tudo bem, você falou primeiro e pensou detalhes. Parabéns, sucesso e riqueza. A Hebe merece e nós merecemos ter um lugar para matar a saudade..

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.