O animal esfomeado, a bolsa cabeça e a monstra da máscara de argila

Acabou. ACABOU. A-ca-bou. Nunca falei tanto a palavra A-CA-BOU na vida como nesses primeiros dias em que faço do meu escritório-bunker meu mais novo e definitivo espaço de trabalho daqui para frente. Eu falo, falo, repito. Falo com todas as entonações possíveis, falo com graves e agudos. A criatura não entende.

bento1ELA ESTÁ FALANDO DE MIM

Imagine um animal deitado ao seu lado durante o expediente. Imagine que você precisa levantar por algum instante – para ir ao banheiro, para beber água, para fazer um café, para respirar ar puro, enfim, para qualquer coisa. Imagine que este animal segue você aonde quer que você vá. E fica olhando para você com olhos esbugalhados de quem quer alguma coisa. Passeio não é, pois o animal tem seus horários de passeio. O que pode ser então?

bento1SNACKS

mulher-doidissima1ELE PEDE SNACKS O DIA INTEIRO

Quando Bento era pequeno e morávamos em São Paulo (o animal é paulista de São Bernardo do Campo), saía cedo para trabalhar – e ele passava o dia sozinho. Quando voltava para casa, à noite, a gente conversava – e eu dizia para ele que tivesse paciência, que estava trabalhando para construir uma trajetória que um dia possibilitasse que trabalhássemos juntos no mesmo ambiente. Demorou 14 anos, e este dia chegou. É claro que estou muito feliz, que faço o que amo, que estou ligada a Donna, uma marca que amo, que tenho meu cachorro na volta…

mulher-doidissima1MAS PRECISA PASSAR O DIA ME PEDINDO SNACKS?

bento1TENHO QUE APROVEITAR

Assim sendo, o som que mais se ouve nesta casa é minha voz: “Acabou! ACABOU! A-ca-bou! Tu tá entendendo? A-C-A-B-O-U”. Obviamente, ele não entende. Aliás, Bento é um cachorro com audição seletiva. Só escuta o que lhe convém.

bento1SOU DOS ESPERTOS

Estava lendo jornais (sim, agora eu tenho mais tempo para me informar, o que é ótimo) e conheci um designer chamado Eduardo Nipper. Nunca tinha ouvido falar. Eduardo é gaúcho, radicado em Buenos Aires e produz bolsas. São modelos de traços retos e simples, com formas geométricas e algum toque futurista. Então, resolvi entrar no site do Eduardo e achei muito legal a tal Bolsa Cabeça.

Olha!

11DÁ UM POUCO DE AFLIÇÃO, VAI DIZER?
Parece que as bolsas estão encarando a modelo!

2_670IMAGINA ESSA BOLSA TE ENCARANDO NUM QUARTO ESCURO?

4_670CABEÇA SEM CÉREBRO

MG_0423_670CABEÇA À TIRACOLO

Eu adorei o tom e adorei a alça curtinha para levar a cabeça na mão. Adoro bolsas curtinhas de levar na mão. Por falar em adoro, estou há horas para falar a respeito de um produto da série “eu testei e aprovei”. Tchan, tchan, tchan, tchan…. O que é, Mariana? Trata-se de uma máscara de limpeza profunda da Body Shop. Explico: um sábado atrás desses, estava sozinha em casa e achei por bem experimentar alguns produtos que havia horas estavam me olhando com cara de “quando é que tu vai me testar?”. Pensei: “Agora”. Então, coloquei um roupão (porque fazer spa em casa tem que ser de roupão, colabora com a atmosfera, sabe assim?) e fui para o banheiro. Lavei bem o rosto, deixei ele limpinho, limpinho e apliquei a máscara.

Olha!

seaweed_ionic_clay_mask_l
JÁ GOSTEI QUANDO VI QUE SE TRATAVA DE ARGILA!
Adoro produtos com argila. Não me perguntem o porquê!

Ela é uma máscara de limpeza profunda para peles oleosas e mistas (meu caso) que contém algas marinhas (da Irlanda!! Ooohh!) e argila naturalmente iônica para remover as impurezas e absorver o excesso de oleosidade. É rica em minerais, especialmente magnésio, ferro e cálcio, que ajudam a reequilibrar e revitalizar a pele. As algas marinhas e a argila atuam como um imã para remover as impurezas dos poros potencializando os benefícios de limpeza e revitalização.

v2hpvwfexjgzxmwf2fkkESTA É A COR!

Apliquei em todo o rosto e deitei na cama de barriga pra cima. Peguei o celular para tirar uma selfie, mas tomei um susto quando vi minha cara. Algo completamente inadequado de se publicar em um blog. Achei que vocês não tinham que topar com o demônio pela frente e resolvi não tirar selfie nenhuma. Lá pelas tantas, a máscara começou a secar no rosto e a repuxar. A repuxar, a repuxar. Corri para o espelho. Ela estava adquirindo uma tonalidade mais clara e grudando completamente na pele, seca, seca. Voltei a deitar na cama. Gostei da sensação do repuxo. Quando passaram 15 minutos, fui tomar banho e tirei a máscara com o rosto embaixo do chuveiro com água morna.

woman-question19E O RESULTADO, MARIANA?

Olha, gostei muuuuito. Parece que a pele voltou a adquirir um brilho perdido, sabe assim? E também achei o tom da pele mais homogêneo. Vou repetir a dose no próximo fim de semana, quando novamente estiver sozinha em casa, sem marido e sem cachorro por perto.

bento1A GENTE AGRADECE

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.