Quatro ações sustentáveis que as marcas de cosméticos deveriam incentivar

Você sabia que ao comprar um cosmético pode incentivar práticas sustentáveis? Pois é. Quem faz esta provocação é Isabel Luiza Piatti, tecnóloga em Estética e diretora de Pesquisa e Desenvolvimento da Buona Vita,  empresa vencedora de duas edições do Prêmio Casem de Gestão Sustentável e três do Prêmio Internacional de Sustentabilidade Socioambiental do Instituto Chico Mendes. Diz Isabel:

– No ranking mundial, 96% dos consumidores brasileiros detêm mais conhecimento sobre o conceito de biodiversidade. Por causa disso, deve haver uma preocupação constante com o meio ambiente por parte das marcas de cosméticos, para que ofereçam soluções adequadas de formulação em produtos industriais para reduzir o impacto na natureza.

Ela indica quatro ações sustentáveis que as marcas de cosméticos deveriam seguir. Espia!

vegetal-1ATIVOS E MATÉRIAS-PRIMAS ECO-FRIENDLY

A questão central e principal que as marcas de cosméticos deveriam seguir é a escolha de ativos Eco-friendly, que minimizem ou eliminem os impactos negativos sobre o meio ambiente. Os óleos minerais usados em cosméticos, por exemplo, não são biodegradáveis e proporcionam um grande risco, pois podem causar sérios problemas ambientais. A substituição por óleos vegetais garantem absorção total, não passando o sensorial “grudento”, o que por si só dispensa a utilização de papel toalha para retirada ou mesmo o banho.

Outro ponto importante com relação aos ativos e que deve ser falado é a questão do uso do polietileno em esfoliantes. O polietileno é uma partícula plástica, que não penetra na pele. Ao ser eliminada pelo ralo após utilização, devido ao seu tamanho, não consegue ser filtrada pelo sistema de tratamento de água e nem pode ser reciclada, gerando contaminação de oceanos, rios e lagos e prejudicando ecossistemas marinhos. A substituição, na Buona Vita, é feita com microesferas vulcânicas.

geogirl-makeup_web300EMBALAGENS COM MELHOR REAPROVEITAMENTO

É importante cobrar dos parceiros certificações e materiais sustentáveis. Embalagens como as PET’s tem melhor facilidade de reaproveitamento e isso, a longo prazo, ajuda a reparar os impactos negativos e criar impacto positivo sobre o meio ambiente.

lightbulbPRÁTICAS SUSTENTÁVEIS NAS SEDES DAS EMPRESAS

Nesse quesito, uma série de atitudes devem ser tomadas, a fim de que os critérios de consumo consciente também estejam presentes nas instalações. A sede da Buona Vita, por exemplo, tem arquitetura ideal, com amplas janelas, que dão vazão à claridade natural e contribuem para a economia de energia elétrica; as lâmpadas são econômicas; a água da chuva é armazenada em cisterna e reaproveitada para limpeza e abastecimento da fonte existente no jardim do hall de entrada da empresa; os materiais gráficos contam com impressões feitas com tinta de soja; além do reaproveitamento de papel.

coleta-seletiva-sustentavelINCENTIVAR A DESTINAÇÃO CORRETA DAS EMBALAGENS VAZIAS

Disponibilizar aos clientes a logística reversa, com os postos de coletas de embalagens vazias de produtos, mostrando que a ciência e a beleza podem ser aliadas do meio ambiente. As embalagens coletadas seriam direcionadas para catadores, cooperativas e empresas que fazem a reciclagem do material. Ou seja, o processo de impactos positivos é completo: da produção ao pós-venda.

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.