Quero almoçar tarde

Uns dizem que tenho TOC; outros que é um caso obsessivo (e perdido). Há, ainda, quem me sacaneie (amigas, diga-se), virando ao contrário as pecinhas para ver se conseguem embaralhar minhas ideias. Caso é que, há 10 anos, onde quer que eu esteja morando ( São Paulo, Rio, Barcelona ou Porto Alegre),  acordo de manhã e a primeira coisa que faço é atualizar manualmente meu calendário.

Faço isso invariavelmente de segunda a sexta às 6h30 da manhã. Aos sábados, o horário é uma incógnita. Quem trabalha a semana inteira sabe: as mil e uma possibilidades que um sábado de folga oferece quase provocam um AVC emocional.

PRECISO IR AO SALÃO!
PRECISO IR À COSTUREIRA!
PRECISO IR À FLORICULTURA!
PRECISO CORRER NA ESTEIRA!

No domingo, não há jeito de atualizar o calendário antes do meio-dia, a hora que o domingo começa. E se o domingo começa ao meio-dia, vou tomar café ao meio-dia e meio, vou passear com meu cachorro, vou ler os jornais calmamente, vou fazer um esporte, vou tomar banho e… vou querer almoçar às 4h da tarde.

E AGORA?!! ONDE EU ALMOÇO ÀS 4 DA TARDE DE DOMINGO EM PORTO ALEGRE??!!

Quem segue a mesma rotina tem a resposta na ponta da língua: são alguns pouquíssimos lugares que passam longe de encher os dedos de uma mão.

– Desculpe, alguns pouquíssimos lugares que passam longe de encher os dedos de uma mão, eu gosto e admiro muito vocês por esta iniciativa. Mas gostaria de poder variar. Afinal, não moro em uma cidade cosmopolita? Uma capital em expansão? Uma cidade que vai servir de sede para uma Copa do Mundo?

– Sim, Mariana. Exatamente. Você tem o privilégio de viver na capital de todos os gaúchos.

E SE EU VIVO NA CAPITAL DE TODOS OS GAÚCHOS, COMO É QUE NÃO CONSIGO ALMOÇAR DEPOIS DAS 4H DA TARDE??!!

Não faço comparação com Rio de Janeiro, que é uma cidade turística e tem esta obrigação de servir quem chega para almoçar depois da praia. Também não me refiro a São Paulo – a Nova York brasileira. Pego um exemplo parecido a Porto Alegre: Belo Horizonte. Estive em Belo Horizonte recentemente, dormi até tarde e acordei em pânico.

– Onde vou almoçar depois das 4h da tarde?

A resposta? Onde eu quiser.

Em Belo Horizonte, os restaurantes também não fecham às 4h da tarde nos finais de semana. Uma dica?

RESTAURANTE A FAVORITA. DELÍCIA!!!

O passeio a Belo Horizonte vale, sobretudo, pela visita a Inhotim, o maior museu a céu aberto da América Latina, um passeio singular, daqueles que conquistam a alma da gente, um dos passeios culturais mais bacanas pra se fazer no Brasil. E um dos maiores prazeres é sentar-se à mesa do Restaurante Tamboril, um cenário lúdico, integrado em meio aos jardins, que oferece um bufê espetacular de saladas, pratos quentes e sobremesas.

ALMOCEI COM ESTA VISTA DIVINA DEPOIS DAS 4H DA TARDE

Por alguns instantes, pensei que estava sonhando. E sonhando voltei para casa. E sonhando pensei que poderia almoçar onde bem entendesse depois das 4h da tarde deste domingo. Foi quando recebi um cutucão. “Acorda, Mariana!”

OH, NÃO!! É DOMINGO E ESTOU EM PORTO ALEGRE!!



Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.
  1. Sempre que leio o blog lembro desse e de um outro post que comenta sobre essa falta de restaurante que estejam abertos para almoço até mais tarde em Porto Alegre. Pois conheço um lugar! O Machry (www.machry.com.br). Eu não sei até que horas eles ficam abertos com o almoço, mas a última vez que fui fazer um lanche pelas quatro horas, o buffet ainda estava servido e havia algumas pessoas almoçando. O lugar é super bacana e tudo desde o buffet até os pães e doces são uma delícia! Tudo preparado no dia. Vale a pena conhecer!

  2. Sempre que leio o blog lembro desse e de um outro post que comenta sobre essa falta de restaurante que estejam abertos para almoço até mais tarde em Porto Alegre. Pois conheço um lugar! O Machry (www.machry.com.br). Eu não sei até que horas eles ficam abertos com o almoço, mas a última vez que fui fazer um lanche pelas quatro horas, o buffet ainda estava servido e havia algumas pessoas almoçando. O lugar é super bacana e tudo desde o buffet até os pães e doces são uma delícia! Tudo preparado no dia. Vale a pena conhecer!

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.