Suvet, a “roupa edredom” para quem sai de casa sem sair da cama

Se a moda pega? Em Londres, já pegou! Do que se trata? Da última invenção do grupo de hotéis Jurys Inn. Após muitos clamores dos hóspedes, a rede hoteleira decidiu atender a pedidos e lançou uma roupa em formato de edredom. Não é maluquice, mas tendência! Peças acolchoadas estão na última moda. A responsável pelo design da peça foi a figurinista Wendy Banstead. Ela seguiu o briefing de reproduzir a sensação de não sair da cama.

A ideia tem toda uma filosofia bem embasada em pesquisas que mostraram que 43% dos habitantes da Inglaterra dormem no transporte público; 22%, no local de trabalho. Gostou? Quer comprar? Calma! Ainda não está a venda. Por enquanto, a ideia é só um protótipo mas o Jurys Inn diz que pode colocar em produção como edição limitada dependendo do interesse do público.

edredom jurys-inn-psfkSONEQUINHA COM A ROUPA EDREDOM NO METRÔ

Entre as peculiaridades da roupa edredom está um bolso térmico para as mãos, cinto removível para ajustar na cintura e elásticos no tornozelo.

edredom SN_DUVET_SUIT_9jpg_2754685aCINTURA ALTA E ELÁSTICO NOS TORNOZELOS

Dá só uma espiada na dupla de modelos desfilando com seus respectivos Suvet – como foi batizada a peça – pelas ruas e espaços públicos de Londres!

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.