Uma noite inesquecível com chester congelado e aspargos frescos

Meu itinerário ontem à noite, após o fechamento de Donna, era passar no Chez Philippe para acompanhar o lançamento dos nomes que virão para o Fronteiras do Pensamento 2015. Não consegui estar presente. Saí da redação já bastante atrasada e com uma ponta de dor de cabeça instalada no lado direito do meu pobre cerebelo. Ainda parei na Panvel da Goethe para comprar uma caixinha de Tandrilax, vide que minha dor de cabeça era tensional. Tomei o Tandrilax na própria Panvel, comprei várias cositas más (quem resiste?), me dirigi ao caixa, do caixa ao carro e, quando girei a chave, percebi o quão exausta estava e o quanto precisava de descanso. Peço publicamente desculpas à querida e amada Lu Thomé, minha amiga e uma das cabeças à frente do Fronteiras, a quem prometi presença.

woman-with-shame-262x400DESCULPA, LULU… A DOR E O CANSAÇO ME CONSUMIRAM

Então, vim pra casa, encontrei o animal dormindo no closet, descemos para que ele fizesse suas necessidades fisiológicas e então começou a gritaria. O animal estava com fome.

bento1QUASE MORRENDO

Havia dito a ele que se servisse do chester em pedaços que estava na geladeira e ouvi o desaforo de que o animal não gosta de chester comprado congelado. Mas como conheço os bois que eu lavo, sabia que era muito mais teimosia do que questão de gosto. Coloquei o pijama, lavei o rosto e tirei da sacola minhas outras comprinhas, entre elas um produto que vive sendo alardeado em comerciais de televisão como a solução para as ruguinhas ao redor dos olhos por uma garota-propaganda que respeito demais.

marilia-gabrielaMARÍLIA GABI GABRIELA

Trata-se do Cicatricure Contorno de Olhos, que, como diz o fabricante, é formulado especialmente para proteger e hidratar a delicada pele ao redor dos olhos. “Sua tecnologia, com o exclusivo composto Regenext IV, promove uma profunda hidratação, o que ajuda a diminuir as linhas de expressão e evita a formação de novas rugas. Sua exclusiva fórmula gera uma camada protetora que promove maior elasticidade e firmeza à pele”, promete o fabricante. Interessante, não?

11055777_861338520599015_575746877_nAQUI ESTÁ ELE EM SEU NOVO LAR, DOCE LAR

Vou experimentar e gostaria que Gabi não me decepcionasse. Enquanto guardava minhas comprinhas (Biocolor, cotonetes, algodões etc. e tal), o animal resmungava. Resmungar é uma maneira delicada de falar dos gritos de fome do animal me chamando para a cozinha. Queria jantar, mas não queria o chester congelado. Como conheço os bois que eu lavo, comuniquei que o jantar era este e que se não fosse este a outra opção era a ração.

bento1PISADA DAS MÉDIAS

Na cozinha, resolvi preparar o meu jantar, bebericando um vinhozinho, claro. Com Tandrilax correndo no sangue, o vinhozinho seria tiro e queda rumo ao aconchego do quarto. Tenho mania de comprar aspargos frescos e deixar na geladeira até que apodreçam. É que nunca encontro o momento de usar os tais aspargos. Uma vergonha, admito. Então decidi que esse fiasco não se repetiria. Me servi de fatias de chester, cortei rodelas de um tomate, coloquei um pouquinho de pesto pronto em cima de cada rodelinha e lancei mão do celular para acessar o Google com a dúvida: “Como fazer aspargos salteados”. Apelei para a resposta do primeiro link que apareceu.

bento1E EU ESPERANDO

O link orientava a limpar os aspargos, primeiro lavando, depois raspando cada um com uma faquinha afiada, como se faz com a cenoura. Separei quatro aspargos, lavei, raspei com a faquinha. Em seguida, o link mandava ferver água em uma panela, salpicar um pouco de sal e, quando a água já estivesse fervendo, colocar os aspargos para cozinhar durante um minuto. Obedeci. Em seguida, o link mandava tirar os aspargos da água fervente e colocar por mais um minuto num recipiente com água gelada e gelo – para que o aspargo não perdesse a cor.

mulher-arrancando-os-cabelosANHÃÃÃÃ

Achei preciosismo demais. Tirei os aspargos da água quente, peguei o escorredor de massa, coloquei os aspargos dentro e apenas deixei embaixo da torneira com água fria por alguns segundos. Então, peguei uma frigideira, coloquei um pouco de manteiga Aviação (salgadinha! nham nham!!) e ali depositei os aspargos para saltear. Enquanto salteavam, soltando um aroma maravilhoso, piquei o chester para o animal, que dava mortal de costas na cozinha.

bento1ESTAVA COM FOME DAS GRANDES

Com os aspargos devidamente salteadinhos, já até meio tostadinhos, coloquei a mesa, liguei a TV no Jornal da Cultura, misturei o chester do animal com a ração para cães na terceira idade (Hills Longevidade Ativa), tirei os aspargos da frigideira, juntei eles no prato com o chester e o tomate com pesto e fui para a sala com o meu prato e com o prato do animal. Resultado: meu jantar ficou uma delícia! Os aspargos? Croc, croc, croc! E o animal?

bento1LAMBI O PRATO

Comeu tudo, lambeu os beiços, fez cara de arrependido de todos os desaforos que desfiou a respeito do chester congelado e me fez um pedido quase de joelhos. Qual foi mesmo, querido?

bento1QUE NUNCA MAIS FALTE CHESTER CONGELADO EM CASA

felizHE HE HE

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.