Volta aos treinos: será que agora vai?

Ressuscitei minha esteira que ainda não tinha virado cabide mas andava em vias de – e ontem usei, pela primeira vez sobre ela, o Polar que comprei há um ano atrás quando em algum dos meus devaneios achei que correria a maratona Track&Field sem treinar e sem me machucar. Defina ignorância e relembre a ignorância nesses dois links abaixo, se quiser se divertir um pouco às custas da Mariana nesta manhã de terça-feira.

:Vou botar as quenianas pra correr
:Fui, corri e venci o percurso

Fato é que peguei ódio de corrida até que entendi que preciso aprender a correr. Então, o Luis, que vem aqui em casa me dar treino funcional, resolveu que ontem era o dia de eu começar a aprender. O que pode ser pior do que subir na maldita esteira? Eu sei: colocar aquele maldito elástico do polar apertando a boca do estômago. Pode ter coisa pior do que aquele troço suado e colado na barriga?

bento1COITADO DO LUIS

Como não sou uma pessoa iniciada no mundo dos treinos, mas o Luis é, ele me comentou que já existem medidores de velocidade que dispensam o maldito elástico na barriga. Então, como num passe de mágica, eu juntei lé com cré e pensei em voz alta: “Mas acho que este relógio é o mesmo que ouvi de relance a Lulu encomendando para o pai quando ele foi para os Estados Unidos….”

03-por-ai-mulher-gritando5EU TAMBÉM QUERO!

bento1O VÔVO JÁ FOI E JÁ VOLTOU

03-por-ai-mulher-gritando5VOU ME MATAR!

Trata-se do miCoach Smart Run da Adidas e só a ideia de não ter aquele maldito elástico comprimindo minhas vísceras já me faz pensar no investimento de 10 vezes de R$ 129,99. Até porque se, durante 10 meses eu olhar para a maldita fatura do cartão e tiver que pagar a maldita prestação talvez não desista tão fácil de correr até agosto de 2015.

olivia10SANTA ILUSÃO

Olha o relógio sem elástico para comprimir as vísceras!

adidas-micoach-smart-run-review

OI, BONITÃO!!

Pelo que andei lendo do relógio, só falta mesmo falar. Melhor ainda: correr por mim.

1) Conta com “treinamentos criados por técnicos gabaritados para acompanhamento da freqüência cardíaca em tempo real” (obrigada, não quero ninguém me controlando em tempo real, sobretudo nesse momento tenso que é a corrida pra mim).
2) Função de relógio e cronômetro; 4GB de memória para músicas e dados de treinos, treinamento disponibilizado por mensagens visuais na tela. Se desejar ouvir músicas ou instruções de treino, deve comprar um fone de ouvido wireless (sem fio) separadamente.
3) Monitor de freqüência cardíaca sem cinta (aaaaeeeee!!!)  totalmente totalmente integrado; Distância, velocidade, ritmo e rota medidos pelo GPS.
4) Tempo máximo de carga de 4 horas. Tempo de duração da bateria: orientações sonoras de treino com música: até 4 horas. Modo maratona sem música: até 8 horas. *Os tempos de uso variam dependendo do ambiente de uso e configurações do usuário.
5) Para medir o desempenho de distância, ritmo e velocidade durante corridas em esteiras, é necessário utilizar o Monitor de Desempenho Speed Cell que é vendido separadamente.

bento1VAMOS?

Sim, vamos passear. Estou há horas te enrolando. Só acho importante avisar que não é só de prós que vive o relógio. Várias pessoas que já adquiriram também têm os seus poréns quanto a ele. E acho válido sempre ficar por dentro dos prós e contras antes de comprar as coisas, sobretudo as coisas caras – sim, adquiri essa consciência com o tempo. Da série “vivendo e aprendendo”, sabe assim.

No página do relógio no site da Adidas têm vários comentários que eu ainda lerei com toda a atenção antes de pensar se vou empenhar meu cartão de crédito e procurar um comprador para o meu Polar ou se deixarei tudo assim como está ainda por algum tempo.

apontando_para_baixo_01www.adidas.com.br/relogio-micoach-smart-run/G76792_500.html

bento1AGORA VAMOS?

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.