Ai, ai, ai… vou fazer salmão no forno

Sempre que falo em voz alta que vou fazer algo (seja ir à academia, ao cinema, cozinhar ou algo que o valha), minha mobilização em torno de tal ato é levada mais a sério por mim. Hoje de manhã, disse em voz alta que iria fazer salmão no forno para o jantar.

– Mas nosso forno não vai ficar fedendo a peixe o fim de semana inteiro? – ponderou meu marido.

Fiquei meio borocochô na hora, porque essa determinação me acompanha há 24 horas, e eu encasquetei que preciso fazer o salmão no forno porque preciso comer mais peixe, porque peixe faz bem para a saúde e eu quero incluir mais peixe na minha alimentação. E o salmão será só o primeiro. Depois virá atum (meu peixe favorito), linguado, robalo, tilápia e afins. Vou me tornar uma expert em peixes, pode escrever.

– Ah, sei lá. Talvez fique um cheirinho, mas acho que sai, será que não? – respondi.

Tenho um antecedente preocupante: quando morava sozinha, em São Paulo, resolvi fazer uma posta de salmão no meu forninho elétrico. Vocês não têm noção do fedor de salmão em que se transformou meu apartamento. E o forninho? Quase joguei fora. E quem é que disse que, com todo aquele fedorão em casa, eu conseguia comer o maldito salmão depois?

Então, após a ponderação do meu marido, e da minha resposta aparentemente inocente, resolvi me certificar de que não estragaria a noite de sexta-feira. Corri para o Google:

“Como tirar cheiro de peixe do forno”, escrevi.

Uma das respostas:

“Enche um pote com água pela metade e duas rodelinhas de limão…. Liga o microondas por uns 30 segundos …pronto!!

Se funciona no micro deve funcionar pra forno elétrico, pensei. Vou arriscar. Detalhe: já vou comprar as postas de salmão limpas e sem pele. Diz que pele de salmão ajuda a espalhar o o fedor.

Sobre a receita: achei uma facílima de fazer, do blog Entre Panelas. Olha:

Ingredientes

Posta de salmão (150g a 200g por pessoa)
Alho picado ou em lascas
Cebola em rodelas
Alcaparras
Sal
Limão
Azeite de oliva
Temperos opcionais: gengibre em pó, orégano.

As quantidades não estão especificadas porque realmente é a gosto. Fique à vontade para colocar o quanto quiser. Pela foto você conseguirá ter uma ideia de como fica o que eu costumo montar.

Modo de preparo:

1. Monte uma “piscina” para o salmão com o papel alumínio e deixe uma parte sobrando para cobri-lo e fechar o envelope depois. Você pode também colocar o alumínio forrando uma forma, mas é importante que levante as laterais do papel alumínio para que o azeite de oliva não escorra para fora do envelope. Eu não sei desenhar, então espero que a foto ajude a entender o que estou dizendo. Se não estiver claro, por favor digam que tentarei explicar melhor.

2. Coloque a posta de salmão sobre a “piscina” de papel alumínio.

3. Tempere com sal, gengibre em pó (opcional) e algumas gotinhas de limão.

4. Coloque o alho picado, as rodelas de cebola e por fim as alcaparras.

5. Regue com bastante azeite de oliva.

6. Feche o envelope de papel alumínio, fechando bem todos os lados.


7. Leve ao forno pre-aquecido a uns 200 graus C por cerca de 40 25 minutos. (Eu mudei o tempo de forno nas últimas vezes que preparei e 25 minutos tem sido suficientes. Aconselho checar com 25 minutos e, se precisar deixe mais tempo. Há variações de forno pra forno).

Eu achei beeeeem fácil. Mas ó, se minha casa e minha sexta-feira à noite ficarem fedendo, eu vou me vingar de peixe numa mesa do Barranco.

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.