O jantar que fica pronto em 10 minutos!

Ontem à noite, saí daqui da redação quase 10h da noite pensando o que poderia comer naquele horário que não me pesaria tanto o sono. Não estava a fim de comer carne. Na verdade, não estava com muita fome, mas preciso do meu ritual de jantar para ir desacelerando e para que o dia tenha um grand finale, sabe assim?

Eu sei que comer carboidrato à noite não é nada bom, mas meu corpo estava pedindo e resolvi acatar sua clemência. Cheguei em casa e após fazer a devida festa para o animal, brincar de siri é o inimigo, levar o animal para fazer suas necessidades fisiológicas e dar de comer à criatura, tomei um banho rápido, coloquei o pijama, me servi de uma tacinha de VINHO TINTO GELADO e fui para a cozinha.

Coloquei uma cumbuquinha de penne da Barilla para cozinhar e, durante os nove minutos de cozimento da massa, cortei em rodelas os tomatinhos uva, arranquei um galho de manjericão da horta, separei uma colher de alcaparras, misturei tudo com bastante azeite e um pouquinho de balsâmico e fiquei esperando o penne ficar ao dente.

:Extra, extra! Como aproveitar cada folha de manjericão!

Então, tirei do fogo, derramei no escorredor, coloquei um jato de água fria em cima, despejei numa saladeira, atirei a mistura de tomatinhos por cima, mexi, mexi, mexi e estava pronto meu jantar preparado em 10 minutos.

Olha!

pratoOOOOOOOOHHHHHHH!!!!

Fiquei tão emocionada com o resultado que postei no Instagram. Agora, estava olhando os comentários e a Nadia Senderowicz falou uma coisa óbvia, mas que na hora não me dei conta: azeitona preta ficaria perfeito na receita. Anotado, Nadia! Na verdade, essa receita pode ser a base de muitas outras invenções de salada com massa. Ficaria ótimo, por exemplo, um camarão salteado no alho e jogado aí dentro, vai dizer?

nham nhamNHAM NHAM

Cubinhos de filé, cubinhos de frango – mesmo sardinha ou atum em lata. Tudo cai muito bem nesta receita. Ou mesmo uma opção vegetariana, com muitos outros legumes (berinjela, abobrinha….). Vai da vontade e da disposição. Ela também pode ser feita com massa de arroz para quem é intolerante ao glúten. Como minha felicidade está completa apenas com tomate, azeite e manjericão, simplifiquei as coisas, terminei meu cálice de vinho, não senti vontade de comer sobremesa (graças a Deus) e fui dormir com os anjos.

bento1ESQUECEU TODA A CASA LIGADA

enxaqueca21POIS É…

Estava tão cansada que me deixei ser seduzida pelos anjos até o quarto, escovei os dentes, me atirei na cama e só abri os olhos hoje de manhã, quando um marido que chegou mais tarde e apagou tudo perguntou se eu havia comprado ações da CEEE.

woman-with-shame-262x400FOI MAL

bento1PISADA DAS GRANDES

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.