A arte de fazer nada

Eu sempre tive o hábito de prestar atenção nas coisas que acontecem na vida, das mais simples às mais complexas e complicadas. É aquele tal de “olhar de fora”, que nos garante a real proporção da diferença entre um contratempo, um revés e uma tragédia. Comento sobre a diferença entre os três em meu segundo livro Vida Peregrina. Esse hábito de observar a vida como testemunha de mim mesma sempre me garantiu a capacidade de dar valor às coisas singelas da vida, aquelas coisas simples e boas. Faço toda essa introdução ao refletir o quanto um jogo de futebol que promete + Bento ao meu lado de pelotas + banho tomado + pijama às 4h da tarde de uma quinta-feira + cobertor + sol de inverno entrando pela janela são capazes de dar um colorido especial aos nossos dias.

03-por-ai-mulher-gritando5ESTOU MUITO FELIZ

Eu não estou com a minha vida ganha e acredito que 99% dos brasileiros também não está. Eu faço cara feia para feriados e mais feriados pois acho contraproducente para um país, especialmente para um país como o Brasil. Mas vamos combinar que é bom demais ter uma folguinha no meio da semana. Desacelerar. Desligar o despertador e se dar o direito de fazer nada.

glee-jane-lynch-loser6NA-DA

É difícil conseguir fazer nada. Minha mãe, por exemplo, não consegue. Quando passamos as férias juntas – e eu estou lá, de pernas para cima, contemplando o horizonte, ela chega e pergunta:- Quais teus planos pra hoje, filha?
– Nenhum , mãe.
– Como “nenhum”?
– Estou de férias, mãe. Não pensei o que vou fazer hoje. Férias é isso, é não se programar, a menos que eu vá fazer uma viagem com roteiro e tempo determinados, o que não é o caso. Estou na praia. Assim sendo, não tenho a mais remota ideia do que eu vou fazer hoje.

woman-yelling-13COMO ASSIM, MARIANA??!!

Hoje, quinta-feira de Corpus Christi, Bento e eu fizemos isso: nada. Eu poderia ter adiantado o supermercado do fim de semana, poderia ter dado um jeito no meu guarda-roupa e arrumado uma papelada que se amontoa na mesa do escritório. Mas olhei, olhei, olhei… E pensei: “Caso faça qualquer coisa desse tipo, não estarei vivendo o feriado em sua plenitude”. Então optei por deixar todas as tarefas para outro dia qualquer, outro daqueles dias de arrancar os cabelos pela falta de tempo. Hoje eu estou simplesmente a fim de curtir todo o tempo do mundo.

relogiodespertador001brc-300x224

AS HORAS PASSAM BEEEM DEVAGAR

Acordamos sem despertador, tomamos café, Bento dividiu o blanchet de peru comigo, claro, e saímos para passear. Demos uma volta de quase duas horas, voltamos para casa, lemos o jornal de ontem e de hoje no sol, Bento almoçou patinho com arroz, pedi um Galeto Morano, Bento ainda dividiu o galeto comigo e agora estamos aqui, assistindo a Uruguai x Inglaterra e torcendo para a Celeste.

bento-de-pelotasEU ESTOU DE PELOTAS

Sim, o animal está de pelotas. Não bastasse ter devorado o prato de arroz com patinho, gritou feito um condenado até eu pedir um galeto com polenta. Então, liguei para a Galeteria Morano e pedi galeto + radicci + massa ao alho e óleo.

bento-de-pelotasELA ME ENGANOU

O animal queria polenta. O Chico não está em Porto Alegre para almoçar com a gente, e eu achei um pouco demais dividirmos uma porção de polenta. Ninguém aqui em casa está precisando se entupir de polenta. Está todo mundo bem nutrido. Então, me encerrei no banheiro para pedir o galeto e ele não ouvir que dispensaria a polenta.

bento-de-pelotasPISADA DAS GRANDES

Uma hora depois, piiiiiii!
Chegou nosso galeto. Comemos dois pratos iguais a este!

10467918_1445709549020929_538542136_nOOOOOOOOHHHHH!!!

Eu adoro o Galeto Via Morano, sempre pedimos. Vem quentinho e croc croc. Bento gritou o almoço inteiro. Não posso dizer que foi um dos almoços mais tranquilos da minha vida. Precisei sair do sério e dar uns berros ainda mais altos com o animal.

bento-de-pelotasADORO AVES

felizURUGUAI ACABA DE ABRIR O PLACAR!
Uruguai 1 x 0 Inglaterra
39 minutos do Primeiro Tempo

Falar em abrir o placar, falo em Copa do Mundo. A Renata Cerini, do Sebrae-RS, me colocou a par de uma novidade aqui em Porto Alegre durante a Copa do Mundo. Trata-se de um espaço no Cais do Porto chamado Paradouro Gaúcho. Dentro dele, o Sebrae-RS apresenta duas lojas – a Brasil Original (artesanato) e Mosaico Sul (roupas, acessórios, bebidas, bolsas e calçados). Aquele típico lugar bom para turista levar uma lembrancinha daqui para casa ou mesmo uma excelente opção para aquelas moças que adoram se vestir de verde e amarelo em dia de jogo do Brasil (o que não é o meu caso).

Olha!

BRASIL6ENTRADA DO PARADOURO GAÚCHO NO CAIS DO PORTO

BRASIL5O INTERIOR DAS LOJAS COM OS PRODUTOS REUNIDOS
Bem como mulher gosta, vai dizer? Cheio de coisinhas pra bisbilhotar!

BRASIL1OLHA O QUE EU DIZIA DOS ADEREÇOS PRA SE VESTIR DE BRASIL NOS JOGOS DO BRASIL

BRASILO QUE EU MAIS AMEI DE PAIXÃO: ACESSÓRIOS EM MADEIRA E MOSAICO
Imagina a cara de felicidade de uma amiga estrangeira ganhando uma bolsinha ou um bracelete desses? Até eu que não me visto de Brasil andaria com uma dessas a tiracolo

E pra quem tinha decidido que faria nada hoje, acabo de me dar conta que escrevi um post. Acho que deu. Já fiquei cansadíssima.

felizHE HE HE

bento-de-pelotasELA É MUITO CARA DE PAU

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

1 Comentário
  1. Nossa! Muito legal as dicas do Cais do Porto! Realmente, 2 espaços ótimos – Brasil Original e Mosaico. Mas ainda t mais: – No espaço “Destinos Turísticos”, também no Paradouro, lá no Cais, dá para descobrir vários lugares interessantes de se conhecer aqui do nosso Estado! Tem Turismo de Aventura, Ecoturismo, Rural, Cultural e Turismo de Observação de Aves – um melhor do que o outro! Vale conferir!

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.