Barato de mãe e de máscara

Mãe é mãe, né?

Sábado desses, fui almoçar com minha mãe, e ela fez o que mais gosta de fazer: encontrar algum problema em mim. Desta vez, era a minha pele que estava “muuuito” seca.


– Minha filha, isso deve ser da maquiagem que tu usou durante o Donna Fashion Iguatemi – diagnosticou. – A mãe tem um creme maravilhoso. Tá no finzinho, a mãe vai te dar. Tu lava bem o rosto, coloca bastante creme e deixa por 5 minutos. O que a pele não absorver, tu retira com um algodão.
Levei o creme para casa. À noite, lavei bem o rosto e empapei de creme.
– A mãe tá viajando – pensei. – Acabei de fazer limpeza de pele e hidratação, de onde ela tirou que minha pele tá seca? – eu pensava, enquanto folheava O Livro do Brigadeiro.

Passados 5 minutos, fui ao banheiro tirar o excesso. E cadê?

Sim, minha mãe estava coberta de razão. Minha pele estava um caos e eu não havia me dado conta. Chupou todo o creme, não precisei de algodão nenhum. E mais: meu rosto ficou num brilho, mas num brilho… Rosto de Oscar, sabe assim? Hahahahaha!!

Ok, ok, eu apresento o milagroso produto:

Hydra-Intense Masque, da Lancôme.

E a querida da minha mãe, de passagem pelo FreeShop de Aceguá, ainda me trouxe um novinho de presente. Vai dizer: mãe não é demais?

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.
  1. Acabo de me tornar tua fã! Devorei ‘ Peregrina de araque’ em duas noites,leitura ótima para o fim de um dia de trabalho cansativo. E por falar em mães, terminei o dia lendo para a minha aos pés da cama as ultimas páginas do teu livro,no qual nos divertimos juntas, porque rir acompanhada eh sempre melhor. Parabéns mesmo pelo livro! Adorei!

  2. Acabo de me tornar tua fã! Devorei ‘ Peregrina de araque’ em duas noites,leitura ótima para o fim de um dia de trabalho cansativo. E por falar em mães, terminei o dia lendo para a minha aos pés da cama as ultimas páginas do teu livro,no qual nos divertimos juntas, porque rir acompanhada eh sempre melhor. Parabéns mesmo pelo livro! Adorei!

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.