Vingança ou masoquismo?

Não sei ao certo se foi caso de masoquismo ou vingança. Mas quando dei por mim estava de novo dentro do Subway, esperando para ser maltratada pelas atendentes.

Mulher chocada classicaHÃ?

angry_women_pan_mediumCOMO ASSIM, MARIANA?

A senhora tem razão de me ameaçar com uma panelada na orelha. Nem eu sei explicar. Só sei que a manhã transcorreu com muita correria, não tive tempo de almoçar e, quando dei por mim, estacionava o carro no mesmo bat-posto Ipiranga para ser praticamente xingada pelas mesmas bat-atendentes do mesmo bat-Subway.

HS2598DÃGA DÃGA DÃGA DÃGA

Estava longe, muito longe. Viajava em pensamentos tentando encontrar um tema para a coluna de domingo, uma resposta para o frizz do meu cabelo, uma maneira de visitar minha mãezinha três vezes esta semana, conforme prometido, a melhor forma de fazer quatro encomendas para meu querido baba e não apenas a bolsa-carregadora-de-celular. Também agradecia aos céus pelo Bento estar bem e tudo não ter passado de um mal-estar, calculava quanto tempo eu levaria para editar todas as páginas da revista Donna que me esperavam para esta terça-feira, em que momento eu iria ao supermercado comprar frutas e verduras e também na pet shop comprar Otodem Plus para a orelha com bactéria do animal….

Quando de repente, não mais que de repente…

mulher assassinaJÁ ESCOLHEU O PÃO?

Screaming woman-time urgencyUUUUUUUÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ

mulher assustada2COMO VIM PARAR AQUI!???

Continuava sem resposta. A atendente me encarando e eu encarando ela.

mulher assassinaQUAL SANDUICHE VAI QUERER?

Screaming woman-time urgencyUUUUUUUÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ

mulher assustada2ME DEIXA EM PAAAAAAZ!!

Não respondi nada. Saí correndo porta afora do Subway, cruzei correndo por dentro do Posto Ipiranga, entrei correndo no carro, liguei a chave, embiquei na Silva Só e cheguei sã e salva na redação, sem olhar para trás.

velha-surda-22122011HEIN?

velha surda 1SE ALMOCEI?

Sim, sim. Consegui almoçar às 3h da tarde.

Olha!

foto (7)NUNCA UM PEITO DE FRANGO TEVE TANTO SABOR

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

19 Comentários
  1. Hahhaha Mas Mari, só tu mesmo!
    Aproveitando que passei por aqui… posso te pedir um favor? :)
    Tu conhece alguma griffe mineira que façam vestidos de noiva, de preferência bem rendado?
    Obrigada! Beijo!

  2. Ai…no controle remoto a gente faz dessas mesmo… Boa essa de sair correndo sem dar explicação e sem estresse.
    By the way, encontraste a solução para o frizz do cabelo? O meu tá pior que Madame Min em dia de feitiço errado… Não sei o que é, mas nada faz com que repouse bem sobre a cabeça. As vezes acho que é o suor da menopausa e dos dias de calor (somados inclusive) que podem ter dado uma reação…tipo, excesso de sal…sei lá! Tá braba a coisa rara o meu lado…

  3. nao entendi muito bem o motivo de tu escrever isso, mas cheguei a conclusao que tu é muito fresca. se tu nao quer que te perguntem o que vai querer, sai da frente do balcao, ou pelo menos seja educada e diga que nao decidiu e assim que escolher avisa a atendente. alguns meses tinha parado de ler teu blog por que te achava muito mimimi, resolvi dar uma chance e ler novamente, e tu continua com o mesmo mimimi de sempre, cresce! tu ja deve ter pelo menos uns 40 anos na cara.

  4. Hahahaha, ai ai Mariana… Não sei se dou risada das suas aventuras DIVERTIDÍSSIMAS, ou da amarga pessoa acima !!!
    Ao contrário da pessoa, corra para um local seguro, né ?!
    AMOOOO seus posts ! Bjs

  5. Nossa esse comentario… melhor deixar pra lá. Mas creio que todas nós que trabalhamos fora em algum momento entramos em parafuso. Muitas responsabilidades. Mimimi so os fortes entenderão. ;-)

  6. PARA TUDO! Um minuto de silêncio: o Rafael abandonou o blog. Muita dor no mundo, lágrimas, etc. Os atendentes do subway agem feito robô e são sim grosseiros com quem vai pela primeira vez e não conhece a dinâmica ou quem está um pouco indeciso é pressionado a escolher logo. Não é culpa deles, são treinados assim. Basta parar de ir ou, quando for, já saber o que quer…

  7. Senhor Rafael chatonildo, se já tinha largado o blog de mão, pq cargas d’água voltou aqui? Tá de mal com a vida e precisava descarregar em alguém? Vai capiná um pátio e não enche o saco! Cresce cara! Reclamou de mimimi e frescura, mas o mais fresco aqui é tu! Faça um favor pra Mari e para as leitoras do blog: largue de mão novamente, tá? Seu mimizento!

  8. Bah Mariana, adoro e sou leitora diária do teu blog, mas ontem acabei me segurando para não comentar – só que hoje não deu: o Subway é um lugar justamente para quem tem pressa! Te juro que alguém que não consegue entrar na dinâmica do lugar me irrita bastante, pois qdo entro em uma loja dessas é porque tenho pouco tempo e por isso mesmo, já sei o que vou comer e preciso que tudo ande muito rápido. E os atendentes não são agressivos pq te fazem mil perguntas: essa é a linha do restaurante – agilidade e rapidez! Parto do seguinte – quem não sabe brincar, não brinca (e vai a um a la carte para não atazanar o pobre coitado que sabe o que quer logo atrás na fila!!)
    Em tempo: ninguém é obrigado a saber como funciona mas se não, fique de cantinho, não entre no atendimento, pegue o menu explicativo que eles têm disponíveis e decifre o (simples) processo :)

  9. Oi Mari,
    Estou achando que o Rafael quer é aparecer com os infelizes comentários que fez. Deve estar carente, sabe que vai gerar polêmica, então assim consegue um pouquinho de atenção. Coitado! Seria tão mais simples e educado da parte dele se simplesmente deixasse de ler o blog. Bjs.

  10. Oi. Eu sou outro Rafael. Não te preocupa com o Bento. É normal que um cachorro, especialmente de raça, vomite de vez em quando, afinal, por mais chic e elegante que seja um animal, ele sempre continuará sendo um animal, quer dizer, comendo insetos, bebendo água embarrada, em contato com o chão e a terra. Isso eu falo por experiência, sem ser veterinário, é bom dizer.

  11. Ah, uma ideia sobre o subway, que tem sanduíches muito gostosos, ou para as outras redes de autoatendimento, que pelo menos eu uso, é sempre pedir a mesma coisa. Por exemplo: quero o sanduíche “dos Sírios” com pão integral e sem cream cheese. Não dá nem chance pra perguntarem alguma coisa. Só peço e facilito para eles e para mim. Abraços.

  12. Achei que só em mim dava esse bloqueio na hora de pedir o sanduíche na subway.. É muita informação, muita pergunta, muita pressão.. E sempre acabo me arrependendo do que eu pedi ou esqueço de pedir algo.. Rsrsrs

  13. Mariana, eu gosto de ler o blog por justamente me ideficar com ele. Ou seja, tu escreve sobre as coisas que nós mulheres vivemos e damos importância, coisas que podem parecer bobagem para um homem. Claro que o blog tem leitores, mas a ala feminina te compreende melhor.

  14. Mari, bem melhor um “dos frangos” com saladinha e legumes!!! Da última e única vez que comi Subway além do mau atendimento meu deu “um piriri” intestinal que jurei nunca mais ir, hehehehheheh. Bjos prá ti, Bento e Olívia.

  15. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Passei na frente do Subway, olhei pra dentro e tive um ataque de riso lembrando do teu blog!!!!! Óbvio que não comi lá, é horrível…

  16. Mas que cara mal educado! Tomara que ele vá no subway do barra e o atendente espirre em cima do balcão e limpe o nariz com as costas das mãos e monte o sanduíche dele! Eu vi isto no ano passado! Que nojo! Beijos Mari e beijos no animal!

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.