Por um cabelo mais hidratado

Se o gênio da lâmpada se materializasse nesta manhã de fog de segunda-feira na minha frente e me oferecesse três desejos, o primeiro, obviamente, seria que a segunda-feira jamais existisse. O segundo seria que eu pudesse ficar dormindo até a segunda terminar. O terceiro: que a musiquinha do Senna parasse de atormentar meus dias e noites.

Mulher-rezando-loiraVOU ENLOUQUECER

Desde a quinta-feira, quando a tevê e os jornais lembraram os 20 anos da morte de Senna, eu estou com o tam tam tam, tam tam tam na cabeça. Nas mais variadas melodias. Mais empolgante, mais triste, mais rápido, mais lento. Ontem, estava quase conseguindo me livrar do tam tam tam, mas veio o Fantástico e de novo toda a lembrança daquele dia muito triste.

bento clássicaEU AINDA NÃO TINHA NASCIDO

4olivia10NEM EU

Não é só o fato da musiquinha em si. É o sentimento de luto que eu fico nutrindo. Andei conversando e percebi que não sou só eu. A querida Bê, que trata lindamente das minhas madeixas com seu talento e seus super produtos, me mostrou o especial 4Rodas que comprou com 100 fotos do Senna; minha mãe não queria falar no assunto ontem porque enchia os olhos de lágrimas; minha maninha estava com cara de desolada; o Chico diz que ficou dois dias com o Senna na cabeça.

bento clássicaEU NÃO FIQUEI

Tu é um animal notoriamente egoísta que só pensa em passeio, comida, pelotas e passeio de novo. Mas eu te amo mesmo assim e tu sabe disso.

bento clássicaVERDADE DAS MÉDIAS

O que, sim, é uma verdade das grandes é o truque que aprendi com o William no sábado para deixar os cabelos mais hidratados no dia a dia. Sábado passado, tínhamos um casamento para ir e corri para o Hugo Plaza e para os truques do top-top Jorginho Goulart. Lavei o cabelo, fiquei ali secando eu mesma minha franja com vida própria e esperando a cadeira de maquiador do Jorginho desocupar. Foi quando o Wlliam se aproximou e disse:
– Deixa que eu seco pra ti – e desligou o secador.

28mulher-assustada-.jpeg1HEIN?

Buscou um spray e veio com ele na minha direção.
– Não é fixador, né? – falei, conhecendo bem meu cabelo que fixa qualquer coisa durante dias.
– Não, é um antitérmico. Jamais tu deve ligar secador ou fazer chapinha ou babyliss sem proteger os fios com um protetor térmico – ensinou.

E me mostrou o produto.

sebastian-professional-flaunt-trilliant-termo-protetor-150ml_1_600“INDICO ESTE AQUI”, DISSE

Sou suspeita para acreditar nas maravilhas dos produtos da Sebastian porque passei a vida toda tratando meu cabelo com eles. Lembro da época do “celofane”. A gente fazia “celofane” no cabelo com os produtos da Sebastian e ficavam num brilho só. Seda pura. Pois o William espirrou o protetor térmico no meu cabelo e voltou a ligar o secador. Perguntou como eu fazia na hora de passar o condicionador no banho. Cheia de mim, respondi que botava beeeeeem pouquinho e só nas pontinhas.

– Errado! – ele decretou.

28mulher-assustada-.jpeg1HEIN?

– Vou te ensinar uma forma de passar condicionador que vai deixar teu cabelo muito melhor, sobretudo nas pontinhas, onde está um pouco seco – disse.

Então, ele pegou um daqueles pentes beeeem fininhos. Sabe aqueles pentes que vinham dentro da nécessaire da Varig no tempo em que a Varig existia e as companhias aéreas serviam almoço e jantar com talheres de prata? Pois é.

pente-dentes-finosTIPO ESTE

William disse que, depois de lavar o cabelo com shampoo, eu deveria colocar bem pouco condicionador, quantidade equivalente a uma moeda. Antes, tira-se a umidade dos fios. Tudo embaixo do chuveiro. Passa-se produto do meio para as pontas e, em seguida, o pente de dentes fininhos. Esse ato faz com que o condicionador penetre dentro do fio, hidratando.

amo almondegasACHEI SENSACIONAL!

Ontem mesmo fiz a experiência e já achei que meu cabelo secou mais hidratado. É um porre ficar penteando uma cabeleira com esse pentezinho debaixo do chuveiro, não posso negar. Mas achei que deu resultado.

bento clássicaMAIS UMA MODA INVENTADA

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.
  1. Mariana!

    Esse tipo de pente me salva a vida quando quero fazer um rabo de cavalo, meu penteado favorito nos “bad hair day”. É o ideal pra aplicar gel e domar a juba.
    E vou testar essa dica hj mesmo!
    bj e boa semana!

  2. Oi Mari,

    tudo bom?

    Adorei a dica! Mas, deve ser uma trabalhão mesmo pentear o cabelo, ainda mais quem tem cabelo comprido.

    Sabe me dizer quando foi lançado esse especial da Quatro Rodas que a Bê te mostrou?

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.