Tudo, tudo, tudo vai dar pé

Saldo dos compromissos da segunda-feira.

Três reuniões – OK
Escrever seis páginas da reportagem de domingo – OK
Passear com  animal – OK
Aula de pilates – OK
Jantar – FALTOU

EU TINHA QUE PECAR NO FINAL

Não posso dizer que me culpo por não ter jantar só por causa do meu marido. O pobre do Chico é um santo homem. Essa história de se preocupar com o jantar do marido é coisa minha mesmo, aprendida em casa com a minha mãe. Essa característica é dela – e nem é exigência do meu pai, outro pobre santo homem. É daquelas tradições que passam de avó para mãe, de mãe para filha e que a gente vai repetindo sem nunca parar para pensar como e porquê. Mas quer saber? Não me importo de ser assim. Acho que casamento é, entre tantas outras coisas, cuidar do outro. E este cuidar inclui, principalmente, as pequenos detalhes diários, como se preocupar em ter uma jantinha esperando quando os dois chegam cansados.

TU BEBEU ALGUMA JÁ CEDO DA MANHÃ?

Não entendi, Bento.

QUE PAPO DE PSIQUIATRA É ESSE?

Eu vou te falar uma coisa. Nós temos uma reunião agora de manhã, depois do nosso café e do nosso passeio. Quando eu digo “nós” é porque, como tu vai passar o dia sozinho, eu perguntei se tu podia participar dessa minha reunião agora de manhã. Disseram que sim.

ESTOU DOS INCLUÍDOS?

Sim, estás dos incluídos. Até tu abrir a boca de novo. Daí vou repensar o teu caso.

VOU FICAR DOS MUDOS

Acho ótimo. Pelo menos até eu acabar esse post. O que estava dizendo mesmo? Ah, do jantar para o marido. Era isso. Nada mais a declarar. E realmente não sei por que eu comecei a falar sobre isso, se eu sentei na frente do computador para escrever outra coisa. E agora não me lembro que outra coisa era essa.

TENHO TANTA COISA PRA ESCREVER…

Tenho várias solicitações pedidas aqui nos comentários.

1) Mostrar os xampus que eu uso.
2) Fazer um roteiro para a Juliane e suas amigas, que vêm passar um fim de semana em Porto Alegre. Elas são de Joinvile.
3) Mostrar minha descoberta para as pernas bronzeadas da Gwyneth Paltrow e de todas as estrelas de Hollywood.
4) Descobrir sites de e-commerce para homens.
5) Contar por que enrolo queijo com papel manteiga.
6) Testar o xampu seco da Latisse, que a Rubia contou ser demais, e relatar a experiência.
7) Contar como foi o namoro do Bento com a Sophie Valentine no sábado de manhã.

Também tenho uma reunião agora de manhã em que o Bento está dos incluídos, aula de pilates à noite, tenho que editar toda a revista Donna, escrever a coluna de domingo, reler e reler a reportagem de capa com o senhor Valdir Bundchen (nunca fico plenamente satisfeita com o que escrevo), almoçar feito gente, tirar os pontos das minhas costas…

HÃ?

TU AINDA NÃO TIROU OS PONTOS DAS COSTAS, MARIANA?

JÁ PASSOU UMA SEMANA DO PRAZO!

DÁ PRA NÃO PIORAR AS COISAS?

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

Sem comentários ainda.
  1. Ahahhahahhah… hoje ri muito com teu post Mariana!
    Nessa hora dos pontos me deu vontade de te pegar pelos ombros e chacoalhar, hahahahha…
    a gente se sente de casa já!!!
    Um beijo DOS CAPRICHADOS pro Bento!!!

  2. Bom dia Mari,

    bha fiquei curiosa do namoro do Bentinho hehehe…

    Verdade também tenho essa preocupação do jantar com o marido quando esta em casa engraçado isso né, as vezes fico pensando mas não chego a uma conclusão exata desta preocupação, por que quando ele não esta eu pego e faço uma sopa so pra mim e já eras hehehe.

    Forte Abraço Mari e beijo grande pro Bento e pra Olivia…

  3. Hahahhaha
    Pensei que só eu começava um assunto e esquecia no meio!
    Bah, e essa coisa de janta pro marido eu faço igual e ele até reclama que jantando a gente engorda mais… Mas fico com a sensação de ser a pior mulher do mundo se não fizer alguma coisinha gostosinha… Acho que é neura de vó (minha mãe não cozinha um ovo heheheh)!
    Beijos e respira fuuundo que a semana tá só começando!

  4. Oi Mariana, tenho mais um pedido pra tua listinha, rsrs, eu queria saber quais os tipos de tênis ‘arrumadinhos’ que dá pra usar pra trabalhar, sem ser sneaker, porque tem dias que não da vontade de colocar outra coisa a não ser um tênis né? beijo

  5. Mari minha flor! Neste momento eu deveria estar estudando, trabalhando, organizando a viagem do final de semana, pensando na sopa que farei, ( uma vez por semana marido pede sopa) isso depois de eu chegar da faculdade, mas teu blog é parada obrigatória, troco a sobremesa por ele.
    E cheguei a uma conclusão tu é tão eu, me identifico tanto com tua correria. Aff somos divas mesmo!

  6. Mari… vc já pensou em falar sobre a moda da cultura gaúcha?? me identifico muitooo… aqui no interior do RS a gente vai de casa pro CTG e pro trabalho e do CTG pra casa… e pro trabalho! então como teu blog tem leitora de todas as partes do nosso Brasil, achei interessante vc explorar esse assunto… beijo

  7. Que bacana, Roberta! Problema é que não entendo nada… Além de uma peregrina de araque, sou quase uma gaúcha de araque. Também não tomo chimarrão… Mas vou falar com minha colega Pati Lima, que sabe tudo disso e ver com ela se não rende até uma matéria na revista Donna. Adorei a dica! Bjo. MK

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.