Viajar para entender quem somos e o que estamos fazendo com nossa vida

mk_017-vale

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

7 Comentários
  1. Oi Mari ! Nao cocordo . A acho que onde estamos, onde é a nossa casa ( que pode ser em qquer lugar do mundo) dizem o q somos e nosso papel neste mundo .Me parece que que essa necessidade de viajar acontece para aqueles que querem fugir do que sao de verdade . Tipo fugir da realidade mesmo ! . Isso faz com q a pessoa nao viva plenamente . Viva apenas nas férias , nao vive o momento na intensidade verdadeira .

  2. Quer transcender e ter experiências de auto conhecimento???
    Jogue seus melhores CDs ou umpen drive com as músicas da sua viada na mala, um jeans, um keds e algumas camisetas – leve casaco porque pode esfriar de repente – voe até Salt Lake City, ouça e se arrepie com o coro mórmom no domingo de manhã (reze para ter as músicas populares americanas ou algumas árias clássicas lindas no repertório do dia), veja as tulipas no lindo jardim do Mormon Square . Alugue um carro e suba até Jackson Hole, uma gracinha de cidadezinha – visite o Grand Teton (lindo), Yellostone (diferente e lindo), e suba até Montana – nas estradas pacatas e lindas de lá, onde não há quase trânsito (mas é primeiro mundo) você vai se encontrar com Deus…. Visite o Glacier National Park, percorra e deslumbre-se com a “Going to the sun Road” (o nome te diz algo??? uma estrada chamada assim só traz deslumbramento)
    Faça isso no finzinho de agosto ou começo de setembro,quando o tempo é lindo e não há muita gente, somente com teu amor ao lado. Curta e se emocione com a música na estrada, relembre coisas ao embalo dos seus hits favoritos, curta as paisagens, reflita, medite, converse, e viva com intensidade essa jornada .
    TE juro: você vai voltar tinindo!

    SE der tempo…. cruze para o lado canadense (o Glacier Park em Montana entra Canada adentro) e rume para Banff, Lake Louise e Jasper, seguindo toda a vida a ICefields Parkway – uma das estradas mais lindas do mundo.
    Passe uma noite no Fairmont Chateau Lake Louise e passeie pelo lago. Suba na Banff gôndola, pegue o skytram em Jasper e não deixe de ir até o Lake Maligne (não desanine com o trechinho sem asfalto da estrada – juro que vale a pena) . Na Icefields PRKWAY, entre e siga em todas as plaquinhas indicando atrações – uma mais linda que a outra….
    Na volta, me conta se você não se encontrou e se descobriu. Essa é uma viagem “linda e filosofal”, pois não é na muvuca das grandes cidades e as estradas que vais percorrer e os parques que vais ver vão te levar aos céus!
    Palavra de especialista …que ama uma estrada bonita e solitária!
    Vais andar muitas e muitas milhas – requer tempo. Mas é um investimento em você!
    Na volta, terás assunto e lembranças para uma coletânea inteira!

  3. Viajo pra ter outros pontos de vista, conhecer maneiras diferentes de ver a vida, conhecer paisagens diferentes.
    Adoro planejar, ler tudo o que encontro sobre o lugar, opiniões de quem já foi.
    E não precisa ser um lugar longe ou exótico. É ótimo descobrir uma cidadezinha próxima que tem uma paisagem diferente e renovadora.
    E também adoro voltar pra casa cheia de energia nova e alegria por estar novamente no lugar em que escolhi viver.
    Boas viagens!

Comentar

Seu endereço de email não será publicado

Utilize as tags HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook

Instagram
  • Penteados e escovados para a primeira de muitas noites de autógrafos de Vida Peregrina, que me levaria à lista dos livros mais vendidos do país e confirmaria Bentolino como um dos personagens mais importantes da minha existência como escritora. Seis anos hoje. Saudade, Xerife. ❤️🐶📘 #tbt #2013 #vidaperegrina #livromarikalil
  • Éramos uma família de bageenses morando no Rio e nossa família multiplicava-se com mais bageenses que chegavam no Carnaval. Tudo começava ao cair do sol com um primeiro chope para brindar a união e terminava com corpos ao mar pra curar o ressacão. Lembrança do nosso primeiro bailinho em que eu me retorci para entrar em uma fantasia de odalisca tamanho 14 comprada em uma loja infantil de Ipanema. É que ainda estava borracha da noite anterior. Borrachos entendem. 🍺
Casa da @renatabrasilvidal e do @marcelogoskes; Rio de Janeiro, Carnaval 2006. #tbt
  • Ter o privilégio de passar horas e horas conhecendo muitas das minhas perseguidoras faz a gente mais feliz. Ser recebida com carinho pelo @centrocarinaborges, que abriu suas portas para este momento tão especial de beleza e amizade faz a gente mais feliz. Poder oferecer a excelência dos produtos da @farmathuia para as amigas da Mari faz a gente mais feliz. Servir os melhores quitutes fit da @feeljoy.com.br e a delícia do capuccino proteico do @mundoverdeiguatemipoa faz a gente mais feliz. Rodopiar com um vestido de seda floral da @boutiquemariahelena capaz de traduzir com maestria meu estado de espírito faz a gente mais feliz. Felicidade é encontrar alegria na alegria dos outros; felicidade é a certeza de que a nossa vida não está se passando inutilmente. Obrigada a todas que hoje fizeram meu dia muito, muito mais feliz! ✨🙏🏻❤️
  • Quem nunca aplicou uma dessas?! 👆🏻
  • Me diga se pode existir desgraceira maior do que chegar ao vestiário de natação molhada em cima de um par de chinelos molhados, com o cabelo todo desgrenhado, com o rosto todo marcado dos óculos e ainda ter que pegar a sacola, botar a sacola em cima de um banco, abrir a sacola, retirar os saquinhos plásticos para guardar o maiô encharcado junto com a touca e o óculos, pegar a nécessaire, sair equilibrando toalha, xampu, sabonete e condicionador até o box, sempre pisando naquele chinelo nojento molhado, tomar banho na companhia de fios de cabelos de terceiros, recolher sabonete, condicionador e xampu, secar um por um com a toalha, se enrolar na tolha, voltar pingando até o armário em cima daquele chinelo nojento molhado, abrir o armário, abrir a sacola, guardar o xampu, o condicionador e o sabonete dentro da nécessaire, retirar o pente, desembaraçar o cabelo cuidando para não deixar fios caírem no chão, passar hidratante na volta dos olhos, sérum facial, creme com proteção solar, hidratante corporal, vestir a roupa toda amassada dentro da sacola, sentar no banco com o pé ainda molhado em cima daquele chinelo nojento com fio de cabelo de terceiros grudados na sola, secar dedinho por dedinho, colocar o sapato, secar o chinelo, ensacar o chinelo e terminar a maratona botando os bofes para fora do calorão que sai daquela quantidade de chuveiros quentes e secadores ligados. 
Me diga: pode existir desgraceira maior?!
  • Tenha coragem para as grandes adversidades da vida e paciência para as pequenas, e quando tiver cumprido laboriosamente sua tarefa diária vá dormir em paz. Deus está acordado. (Victor Hugo).