Caminhada ou corrida: saiba qual é o exercício que mais combina com seu estilo

Nenhum exercício é tão democrático quanto a corrida e a caminhada. Podem ser praticados ao ar livre, são gratuitos e para aderir aos seus benefícios, basta começar. Mas, antes de caprichar no tênis – única despesa realmente obrigatória para o atleta – é bom refletir antes de escolher a sua modalidade. Afinal, devemos caminhar ou correr?

Especialistas preferem afirmar que correr é tão benéfico para a saúde quanto caminhar. E associar as duas é melhor ainda. Na verdade, a ideia de que exercícios físicos estão ligados às academias afasta muita gente de uma vida mais saudável. De acordo com a Sociedade Brasileira de Cardiologia, mesmo uma simples caminhada já contribui para reduzir os riscos de doenças cardiovasculares. Segundo a gerente médica da unidade de Medicamento Isento de Prescrição do Laboratório Aché, Fernanda Dacache, os benefícios da corrida e da caminhada são equivalentes.

– Aumento de gasto calórico, melhora do tônus muscular (principalmente dos músculos das pernas), da capacidade pulmonar e do aproveitamento de oxigênio são consequência de ambas modalidades. Elas também promovem a redução da formação de varizes, melhoram a qualidade do sono e a disposição durante o dia – afirma.

walkingCORRER OU CAMINHAR: PRÁTICAS DISTINTAS, MAS SEMPRE COM BENEFÍCIOS

Pesquisa de 2013 coordenada pelo Laboratório Lawrence Berkeley, ligado à Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, aponta os benefícios específicos de cada uma das modalidades e deixa claro que uma não é melhor do que a outra: corrida e caminhada são práticas distintas, que servem a objetivos diferentes, provocando benefícios específicos em quem as pratica. A pesquisa também mostra que, combinadas, as duas podem ser poderosas para a manutenção do peso, a melhora nas condições de saúde e até na promoção do bom humor e da felicidade do praticante.

+FITNESS: Diferenças e vantagens entre correr na rua e na esteira

Antes de largar este texto agora mesmo para amarrar o tênis, lembre-se de que a avaliação de um especialista, médico ou educador físico, é sempre importante para orientar a sua rotina de exercícios. A corrida, por exemplo, pode provocar lesões nas articulações, caso seja praticada em excesso ou sem aquecimento adequado.
Conheça alguns benefícios das duas modalidades e dê adeus ao sedentarismo.

Perda e manutenção de peso
Se o objetivo é perder peso e mantê-lo, o exercício ideal é a corrida. Em praticamente todos os casos pesquisados pela Universidade da Califórnia, os corredores estavam mais magros do que os praticantes de caminhada quando participaram do estudo – e mantiveram-se assim ao longo de seis anos. A massa corporal e a circunferência da cintura dos corredores também se manteve mais estável.

fit-woman-running-outdoorsCORRIDA: EMAGRECIMENTO MAIS RÁPIDO E FORTALECIMENTO DOS MÚSCULOS

Por que correr:

Controle do Apetite
Uma das perguntas que ficou sem resposta para os pesquisadores é o porquê de corredores perderem mais peso do que os praticantes de caminhada, mesmo quando eles tinham gasto calórico igual nas atividades. Uma das possibilidades pode ser a redução do apetite, mais acentuada em quem corre.

Fortalecimento dos Músculos
Correr demanda mais da musculatura das pernas, costas, braços e abdômen, acentuando o fortalecimento do tônus muscular, reduzindo o índice de gordura e aumentando a massa magra, que significa força e elasticidade.

Endorfina e felicidade
Você deve conhecer corredores absolutamente viciados na prática, não é? Isso se explica pela intensa liberação de endorfina, o hormônio da felicidade, após o exercício aeróbico. Na corrida, esta liberação é maior do que em praticamente todas as outras modalidades. Após a prática, com as altas descargas de endorfina, o corpo fica relaxado, a sensação de prazer se prolonga e até o sono fica mais regular e tranquilo. É praticamente a receita da felicidade.

walkingCAMINHADA: MENOS RISCOS ÀS ARTICULAÇÕES E PROTEÇÃO NATURAL AO CORAÇÃO

Por que caminhar:

Proteção do coração e dos olhos
A pesquisa da Universidade da Califórnia apontou que, para a prevenção de males como hipertensão, diabetes e taxas altas de colesterol e triglicerídeos, corrida e caminhada têm o mesmo efeito benéfico. A caminhada, no entanto, exige menos ritmo cardíaco, o que também protege o coração contra uma eventual sobrecarga. E mais: estudos já apontam que os praticantes regulares de caminhada e corrida têm menos propensão a desenvolver catarata com a idade.

Menos risco às articulações
Caminhar é exercício de baixo impacto, o que reduz enormemente o risco de lesões nos músculos e articulações. Os tênis específicos para corrida são capazes de absorver boa parte do impacto, mas o risco de lesões sempre existe, especialmente se o praticante não caminha com a orientação profissional para o aquecimento e alongamento corretos.

Caminhar é sair da inércia
Vestir um tênis e sair caminhando. É simples assim começar uma atividade física e abandonar a vida sedentária. Por isso, uma das maiores vantagens da caminhada é justamente a facilidade com que todos podemos aderir à ela. Basta querer. Depois de ganhar condicionamento físico e disposição, é possível dar os primeiros passos mais rápidos em direção à corrida. Mas tudo começa com o lento e saudável ritmo do caminhar.

Patrícia Lima, especial para o site MK

Compartilhar
Mari Kalil

Mari Kalil

Sou escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e autora dos livros "Peregrina de araque", "Vida peregrina" e "Tudo tem uma primeira vez". Sou gaúcha, nasci em Porto Alegre, vivo em Porto Alegre, mas com os olhos voltados para o mundo. Já morei em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Barcelona. Já fui repórter, editora, colunista. Trabalhei nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e fui correspondente da BBC na Espanha, onde cursei pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona. O blog Mari Kalil Por Aí é direcionado a todas as mulheres que, como eu, querem descomplicar a vida e ficar por dentro de tudo aquilo que possa trazer bem-estar, felicidade e paz interior. É para se divertir, para entender de moda, de beleza, para conhecer lugares, deliciar-se com boa gastronomia, mas, acima de tudo, para valorizar as pequenas grandes coisas que estão disponíveis ao redor: as coisas simples e boas.

1 Comentário
  1. Muito esclarecedora a matéria, caiu como uma luva para mim. Corro a 30 anos, amo correr!! Para mim é o melhor elixir que existe, é tudo de bom. Porém no momento me apareceu uma inflamação no pé direito, estou em tratamento e repouso leve.
    Fico ansiosa para poder voltar a atividade, pois não me vejo sem poder correr. Acredito que vou conseguir me recuperar. Fica na paz!!

Facebook

InstagramInstagram did not return a 200.